A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

18/12/2015 16:37

Período de compras natalinas começa com grande movimentação no Centro

Renata Volpe Haddad
Movimento está aquecido no centro de Campo Grande e alguns consumidores já estão garantindo os presentes de Natal. (Foto: Marcos Ermínio)Movimento está aquecido no centro de Campo Grande e alguns consumidores já estão garantindo os presentes de Natal. (Foto: Marcos Ermínio)

A temporada de compras de Natal está aberta e a movimentação no Centro de Campo Grande mostra que as pessoas estão em buscas dos presentes. Apesar da tímida decoração natalina, as lojas comemoram as boas vendas e tem até quem faça promoção nesta época, o que não é comum.

Veja Mais
Com decoração encantadora, Natal no Bosque sorteia R$ 50 mil para a casa
Para vender mais no Natal, comércio abre até no aniversário da cidade

É o caso da Club Denim. Aberta há quatro meses na rua 14 de julho, ao invés de decoração, na fachada da loja está exposta promoção. Conforme a gerente Karen Karoline Albuquerque Bentos, mesmo não sendo comum nesta época do ano, a promoção atrai cliente. "Acaba sendo um incremento e os consumidores entram na loja para conferir o que temos. E nessa fase de querer economizar, nossa promoção de Natal contribui para o bolso dos nossos clientes", afirma.

Na Studio Z, não tem enfeite natalino e nem promoção, porém, os preços dos calçados acabam sendo o atrativo. Quem afirma isso é o gerente Rodrigo Corrêa Lopes. "Não investimos em decoração por dois motivos, um que é a crise e a outra é que a loja não trabalha muito com isso, e sim, com marketing dentro da Studio Z, que são sapatos da coleção verão expostos na entrada", comenta.

O movimento na loja é grande e ontem (17) a meta de 10% para o dia foi atingida. "E até o Natal queremos vender mais 10% em comparação ao ano passado", alega o gerente.

Movimento intenso também na loja Atitude. De acordo com a gerente da loja de vestuário, Maria Aparecida Skell, as vendas começaram a aquecer no início deste mês. "Nós temos muita roupa em promoção, mas nada que seja especificamente para o Natal. O movimento me surpreendeu e queremos recuperar um ano fraco de vendas, no período natalino", avalia.

Thalita garantiu presente de amigo oculto hoje e vai deixar as compras de Natal para a próxima semana. (Foto: Marcos Ermínio)Thalita garantiu presente de amigo oculto hoje e vai deixar as compras de Natal para a próxima semana. (Foto: Marcos Ermínio)

Compras - Há quem já garanta o presente para família e amigos e há quem deixou para comprar o presente de amigo oculto na última hora. Esse é o caso da atendente de marketing, Thalita Emily Costa, 23. "Mania de brasileiro deixar tudo para o último instante e vou fazer isso com os presentes de Natal da minha família. Volto ao centro na semana que vem, mas não deixo de comprar", alega.

A cozinheira Cícera da Silva Leite, 53, já garantiu o presente para a filha única. "Sobrou um tempo nesta tarde e estamos comprando o que ela quer. Mas eu estou economizando e pesquisando preços, pois a situação não está tão fácil", avalia.

O aposentado está comprando presentes para toda a família, mas está pesquisando antes de concluir as compras. (Foto: Marcos Ermínio)O aposentado está comprando presentes para toda a família, mas está pesquisando antes de concluir as compras. (Foto: Marcos Ermínio)

 

Quem tirou a tarde para comprar os presentes para toda a família, além dos amigos de baile, foi o aposentado José Leonardo de Araújo, 76 e ele garante que pesquisou muito antes de comprar. "Eu andei bastante procurando uma boneca para a minha neta, e fui em duas lojas, sendo que achei por R$ 79 em um lugar e R$ 29 em outro", afirma.

O aposentado comenta ainda que as lojas de roupas têm dificuldades em negociar. "Fui em uma aqui no centro que não quis tirar nem R$ 0,10 e olha que eu só compro à vista, porque é melhor para conseguir um preço mais baixo. Mas consegui desconto em outras lojas", analisa.

Horário especial - As lojas do centro de Campo Grande estão com horário diferenciado para atender os consumidores e ficam abertas até às 22h, de 14 a 23 de dezembro.

Conforme a convenção coletiva negociada pela Fecomércio (Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul) e o Sindicato dos Comerciários, os domingos de dezembro, 20, 27, o funcionamento será das 9h às 18h, exceto shoppings e lojas localizadas em centros comerciais.

Nos dias 24 até às 18h e no dia 31 até às 16h, com exceção aos estabelecimentos localizados nos shoppings e Centros Comerciais localizados nos hipercenters, que prorrogarão no dia 24 das 09h às 19 horas e no dia 31 até as 18h.

Nesta sexta-feira (18) 19, 20, 21, 22 e 23 de dezembro os estabelecimentos localizados nos shoppings, terão seus horários prorrogados até as 23h. Já no domingo, dia 29, o Centro abre 12h e fecha às 20h.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions