A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

09/09/2014 08:34

Plano de melhoramento da Hidrovia Paraná-Tietê será discutido em seminário

Luciana Brazil
Eclusa de Barra Bonita (SP) em operação. (Foto: Divulgação)Eclusa de Barra Bonita (SP) em operação. (Foto: Divulgação)

Com a intenção de aprimorar o uso da Hidrovia Paraná- Tietê, uma via importante de navegação entre as regiões sul, sudeste e centro-oeste, a Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) e a Ahrana (Administração da Hidrovia do Paraná) promovem hoje (9), às 9 horas, no auditório do Centro de Convenções Albano Franco, o Seminário Plano de Melhoramentos da Hidrovia.

Veja Mais
Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina

A ideia é discutir a utilização dessa rota até os principais portos do Brasil, criando novas oportunidades de negócios e maior desenvolvimento econômico de Mato Grosso do Sul. O Plano de Melhoramentos será apresentado com o EVTEA - Estudos de Viabilidade Técnico-Econômica e Ambiental - e com os projetos básicos e executivos de engenharia dos rios da Bacia do Rio Paraná, que tornarão a hidrovia uma opção ainda mais atraente para o escoamento da produção dos Estados beneficiados.

Com a implantação do Plano de Melhoramentos será possível diminuir o custo de transporte de cargas em direção aos portos de exportação, reduzir o tempo de transporte pelos rios, aumentar a competitividade e a segurança do transporte pela hidrovia e gerar oportunidades de negócios em logística e novos empreendimentos nas regiões do Centro-Oeste e Sudeste servidas pela hidrovia.

O Plano prevê também a duplicação e reforma de eclusas, dragagem de canais, retificação, sinalização, ampliação de vãos em pontes e modernização de sinalização e balizamento. A utilização da Hidrovia Paraná-Tietê tem mais de 2.400 quilômetros de vias navegáveis por cinco estados e capacidade para transportar até 6,2 milhões de toneladas de cargas por ano.

Estarão presentes no evento o presidente da Fiems, Sérgio Longen, e o superintendente da Ahrana, Antonio Badih Chehin.

Endereço- o Centro de Convenções e Exposições Albano Franco fica na Avenida Mato Grosso, n° 5.017, Bairro Carandá Bosque.

Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas, sendo que 13% não terão condições de pagar suas contas. O índice medido pelo IPF/MS (Instituto de Pesqu...
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Inspeções federais de outros país no Brasil pode abrir novos mercados para exportação. Chile, Cuba e Bolívia já tem data marcada para suas missões e ...
Gol lança ofertas semanais de passagens aéreas
Para atrair novos passageiros e fidelizar seus clientes, as companhias aéreas garantem preços e condições de pagamento especiais. Cada empresa define...
Mais de 6 mil consumidores saíram da lista de inadimplentes em agosto
Em agosto, 6.144 contribuintes de Campo Grande saíram do cadastro de inadimplentes. O número é 38,5% maior que o de julho, quando 4,4 mil pessoas rec...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions