A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/11/2016 10:13

Setor produtivo quer saber quanto MS ainda tem de FCO em 2016

Paulo Nonato de Souza

Representantes do setor produtivo de Mato Grosso do Sul vão se reunir nesta quinta-feira com o superintendente do Banco do Brasil, Glaucio Zanettin Fernandes, às 8h30, na sede da Federação das Indústrias (Fiems), em Campo Grande, para saber qual o montante de recursos o FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) ainda tem disponível para o Estado em 2016, e como acelerar a liberação até 31 de dezembro.

Veja Mais
Burocracia de banco trava R$ 400 mi em projetos do FCO, diz secretário
Federação pede mais prazo para empresários pagarem débitos com o FCO

Este ano, o valor destinado pelo FCO para Mato Grosso do Sul foi de R$ 1,36 bilhão, e pelas regras do Fundo, os recursos previstos poderão ser remanejados de acordo com a demanda que efetivamente se verificar. Se não houver demanda, há o risco de os recursos disponíveis serem encaminhados para outros estados.

A reunião de amanhã com o Superintendente do Banco do Brasil promete ser decisiva. Terá as presenças dos presidentes da Fiems, Sérgio Longen, da Federação do Comércio (Fecomércio), Edison Araújo, da Federação da Agricultura e Pecuária (Famasul), Mauricio Saito, da Federação das Associações Empresariais (Faems), Alfredo Zamlutti (Faems) e do secretário Estadual de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck.

Federação pede mais prazo para empresários pagarem débitos com o FCO
A Fiems (Federação da Indústria de MS) pediu que a Sudeco (Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste) prorrogue por mais dois anos, os cont...
Com maior valor desde junho, dólar sobe 1,7% e fecha cotado a R$ 3,47
Com o maior valor desde junho, o dólar comercial fechou cotado a R$ 3,473 na venda, nesta nesta sexta-feira (2) com leve valorização de 0,12%. Na vés...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions