A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

20/05/2011 12:02

Artistas prometem nova manifestação pela reabertura do teatro do Paço Municipal

Ítalo Milhomem e Paula Vitorino
Artistas manifestação contra o atraso na reabertura do teatro José Otávio Guizzo. (Foto: joão Garrigó)Artistas manifestação contra o atraso na reabertura do teatro José Otávio Guizzo. (Foto: joão Garrigó)

Cerca de dez artistas da Capital com chapéus de festa encheram a escadaria do teatro do Paço municipal de Campo Grande para comemorar ironicamente o aniversário de um mês da entrega do teatro José Otávio Guizzo, que não foi cumprido pelo prefeito Nelsinho Trad (PMDB).

Segundo ator, Victor Hugo Samúdio, da companhia de teatro Mercado Cênico, no início de março os artistas fizeram uma reunião com prefeito, que prometeu a desocupar e entregar para administração dos artistas campo-grandense o espaço em 15 dias.

O prazo venceu no dia 18 de abril e três dias antes do final do prazo, o prefeito falou queria marcar uma nova reunião, no entanto, desapareceu sem dar mais nenhuma noticia sobre o assunto.

Os organizadores da manifestação afirmam que tentaram por várias o contato com prefeito, mas os assessores sempre alegavam que Nelsinho tinha coisas mais importantes para resolver, como a greve dos professores municipais ou a busca de recursos em Brasília para recuperar os estragos da chuva na Capital.

“Parece que o prefeito esta enrolando a gente, para ver como ficar, se nós vamos desistir”, afirma Samúdio.

Os artistas alegam que o espaço é público e serviria para todas as manifestações culturais do Estado, servindo para utilização de diversos grupos teatrais e artísticos. Mesmo sem a reforma prometida pela prefeitura, que tem um projeto pronto há dois anos, a classe cultural quer ocupar o teatro. Eles afirmam que se não forem atendidos irão continuar os protestos.

“O prédio está pronto só nos entregar. Não sei o porque eles não querem liberar, seria uma ação boa para imagem do prefeito, que não seria desgastada e para o Estado, porque o lugar estaria sendo ocupado por diversas manifestações culturais”, argumenta Samúdio.

A assessoria da Prefeitura informou que o presidente da Fundac (Fundação Municipal de Cultura) Beto Figueiredo irá conversar com prefeito Nelsinho Trad para que seja agendada esta reunião para definir quando o prédio poderá ser entregue aos artistas, porém o prefeito está em Brasília, e a data da reunião só poderá ser confirmada na próxima semana.

A reforma do teatro do José Otávio Guizzo, localizado no Paço Municipal necessita de R$ 300 para sua reforma, onde serão colocados 180 assentos. Ainda não há previsão da vinda dos recursos para início das obras.

Prazo para inscrever atrações no Festival de Inverno de Bonito termina hoje
Termina nesta quinta-feira (3) o prazo para os interessados em inscrever atrações culturais para a 15ª edição do Festival de Inverno de Bonito. O eve...
Projeto "Um Violão Entre Amigos" traz concerto de violonista para Campo Grande
Para encerrar o projeto “Um Violão Entre Amigos”, patrocinado pelo FIC (Fundo de Investimentos Culturais), nesta sexta-feira (20) acontece o recital ...
Último dia de desfile do Grupo Especial no Rio tem homenagem a Zico e a Senna
No segundo dia de desfile das escolas de samba que integram o Grupo Especial, o público terá uma festa que inclui homenagens a dois esportistas consa...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions