A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


14/11/2016 06:00

Derrota para Bernal exigirá 'muita paciência' da Câmara

Waldemar Gonçalves

Depois do feriado – Depois do feriado (dia 15, terça-feira), a Câmara Municipal deve começar a analisar decisão judicial que mantém o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), no cargo neste fim de mandato. No entendimento da Justiça, a cassação dele, decidida pelos vereadores em 2014, foi irregular.

Veja Mais
Domínio tucano na Assembleia Legislativa pode aumentar
Notícias de segunda-feira alimentam '2016 interminável'

Muita paciência – “Vamos tratar com muita paciência. Tiveram tanta paciência para decidir, então vamos estudar muito também. Até porque não é uma coisa simples. Vamos aguardar uma posição da nossa procuradoria e tomar uma decisão bem fundamentada”, analisa o presidente da Câmara, vereador João Rocha (PSDB).

Os sem-terra e o governador – A Governadoria estava cheia de sem-terra no fim da semana passada. Não era invasão ou protesto. Pelo contrário, era para aplaudir o governador, que por sinal é um grande produtor rural.

Homem da roça – A ocasião era assinatura de convênio entre Estado e o Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) para agilizar processos ligados ao setor em Mato Grosso do Sul. No discurso, Reinaldo falou sobre sua origem de “homem da roça”, que o leva a conhecer a realidade de quem precisa da terra para sobreviver. Arrancos aplausos de um auditório lotado.

Currículo – A polêmica nomeação de Renato Vidal San’Anna, coronel reformado do Exército, para comandar a regional da Funai (Fundação Nacional do Índio) em Campo Grande ganhou o apoio de mais uma deputada federal. Para Tereza Cristina (PSB-MS), o fato de o indicado do colega Carlos Marun (PMDB-MS) ser militar não interfere. Segundo ela, Sant’Anna tem currículo suficiente para fazer um bom trabalho.

Reeleição na Assembleia – Com o término das eleições municipais, chegou o momento de articular a eleição da presidência da Assembleia Legislativa, que tem Mochi como candidato declarado à reeleição. Os aliados já começaram a buscar apoio e contar os votos, mas a intenção é evitar disputa e conseguir consenso com os tucanos, com aval do governador, Reinaldo Azambuja (PSDB).

Brinquedos – Promovida pelo Ministério Público Estadual, campanha para arrecadar brinquedos a crianças carentes tem o apoio de outras entidades parceiras, como a Assembleia Legislativa. O período de doações começou na sexta-feira (11) e segue até o dia 8 de dezembro.

Ajudar mais gente – Na campanha do ano passado, foram arrecadados mais de 10 mil brinquedos, sendo três mil apenas em doações feitas na Assembleia. O presidente da casa, Junior Mochi (PMDB), explicou que o legislativo sempre fazia campanhas isoladas, mas agora começou a participar destas parcerias, de forma a beneficiar mais pessoas e entidades.

Volta à ativa – Mariano, que faz dupla com Munhoz, voltou ao trabalho no fim de semana passado, do acidente que sofreu na gravação do Saltibum, quadro do programa televiso Caldeirão do Huck, em 18 de outubro. O show foi em Pindamonhangaba, no interior de São Paulo.

Superação – "A vitalidade é demonstrada não apenas pela persistência, mas pela capacidade de começar de novo", escreveu Munhoz ao legendar uma foto no Instagram pouco antes da apresentação. Depois de bater a cabeça ao saltar de um trampolim, ele chegou a ficar um tempo na UTI.

(com Anahi Zurutuza, Leonardo Rocha e Mayara Bueno)

Domínio tucano na Assembleia Legislativa pode aumentar
Domínio tucano – A bancada do PSDB pode aumentar na Assembleia Legislativa. Ela já conta com oito deputados e pode ter mais um integrante. Cogita-se ...
Notícias de segunda-feira alimentam '2016 interminável'
Em uma segunda só – Tem muita gente dizendo, principalmente nas redes sociais, que 2016 insiste em não terminar. Ontem, ao anunciar o aumento no preç...
Time de Marquinhos garante 'paz' na transição
Sem atritos – A equipe do prefeito eleito Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), tem seguido à risca a orientação do chefe: evitar atritos com Alcides ...
O dia que o transporte andou, andou e não saiu do lugar
Andou, andou – O transporte público foi o assunto predominante na sexta-feira (2) em Campo Grande. A cidade amanheceu com a notícia do novo preço da ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions