A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


07/11/2016 06:00

Transição começa hoje com reunião oficial de prefeitos

Priscilla Peres

Nas barrancas do rio - Depois da maratona eleitoral, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), pescador aficionado, aproveitou o último final de semana de pesca livre nos barrancos do rio Paraguai. Ele foi um dos hóspedes de barco hotel que percorreu o rio até a região de Porto Índio, na divisa com Mato Grosso.

Livre - O ex-prefeito de Dourados Laerte Tetila foi absolvido em ação por improbidade administrativa movida em 2011 pelo Ministério Público, que o acusou de prejudicar o município na troca de uma dívida de ISS (Imposto sobre Serviço) da empresa Cobel por parte do custo da construção do teatro municipal.

Dentro da lei - Na decisão, assinada no dia 6 de outubro, o juiz Jonas Hass Silva Junior afirmou não ter ocorrido prejuízo para o município e sim vantagem financeira para Dourados, já que trocou débito “podre” do ISS por parte do custo para construção do teatro. Também foram absolvidos dois ex-assessores de Tetila.

Próximos passos - Após conversa com vereadores, governador e prefeito, Marquinhos Trad (PSD) vai começar o trabalho de transição nesta semana, com sua equipe formada por dois advogados e um economista. Eles já disseram que a questão previdenciária deve ser uma das pautas principal. Os trabalhos devem seguir até dezembro.

Mistério - A primeira reunião oficial de transição entre Marquinhos e o atual prefeito, Alcides Bernal (PP), acontece hoje e a equipe terá acesso a documentos para começar a se inteirar da prefeitura. Apesar do início das ações, nomes do primeiro escalão só deve ser anunciados no mês que vêm. Até agora, o que tem são especulações de nomes que podem voltar para a prefeitura.

Mudanças por vir - Não é apenas o prefeito eleito que já se preocupa com a questão previdenciária. O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sempre cita uma eventual reforma neste setor, como essencial ao Estado a partir do ano que vem. O tucano destaca que o presidente Michel Temer (PMDB), também deve colocar o assunto como prioridade.

Calados - Uma semana após serem nomeados, a equipe de transição do novo prefeito já se esquiva da imprensa. No momento em que os olhos estão todos voltados para as finanças municipais, os técnicos vão precisar de paciência e jogo de cintura para lidar com as perguntas curiosas dos jornalistas. Fazem parte da equipe os advogados Gilberto Cavalcante e Alexandre Ávalo Santana e o economista Pedro Pedrossian Neto.

Decisão - O presidente da Assembleia, o deputado Junior Mochi (PMDB), deve enfim receber nesta semana o parecer da CCJR, sobre a CPI dos Fantasmas. Ele já avisou que vai seguir o que a comissão determinar, sendo que esta ficou responsável por analisar se esta investigação possui um objeto determinado e tempo de apuração definido.

Do lado de lá - Na semana passada, a Rumo ALL anunciou que pretende elevar em 150% a capacidade total de transporte da ferrovia Malha Paulista, que sai de Mato Grosso do Sul e segue até o Porto de Santos, em São Paulo. Claro, que o investimento só será feito se o governo federal aceitar prorrogar por mais 30 anos o contrato de concessão.

Por aqui, nada - Enquanto a empresa corre para renovar o contrato da Malha Paulista e ainda propõem investimentos altos, a Malha Oeste, que corta Mato Grosso do Sul, segue abandonada. Por aqui, ainda não se fala em prorrogar a concessão e muito menos, em investimentos altos. O que se tem é só a esperança de reativação da ferrovia.

Até que enfim um policial que não concorda com o 'Coreia'
'Policiofobia' – O parlamentar mato-grossense José Medeiros (PSD) utilizou o Senado para criticar a cultura de “policiofobia” que, segundo ele, exist...
Se a prefeitura fosse uma empresa, já estaria falida
Crítico – A situação financeira da Prefeitura de Campo Grande está tão crítica que, mesmo com a necessidade de corte de gastos, se fosse aberto um pr...
Comitiva pantaneira trabalha para contornar crise do gás
Comitiva pantaneira – Para exigir que a Petrobras volte a importar mais gás boliviano, uma verdadeira comitiva pantaneira chegou ontem ao Palácio do ...
Pisada de bola da Petrobras pode atingir até salários
Todo o gás – Nesta terça-feira (21), em Brasília, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), reúne-se com o ministro-chefe da Casa...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions