A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

13/11/2014 06:35

Em apartamento de 70m², sacada vira cantinho de relaxamento, meditação e yoga

Paula Maciulevicius
Para tornar o espaço ainda mais confortável e relaxante, o projeto incluiu um jardim vertical. (Foto: Elayne Felix)Para tornar o espaço ainda mais confortável e relaxante, o projeto incluiu um jardim vertical. (Foto: Elayne Felix)

A razão de integrar a sacada à sala e o restante do apartamento tinha como primordial criar um espaço zen, para que a dona do imóvel pudesse apreciar a sua própria companhia. Os 2,5m² onde estava a churrasqueira acabou se transformando no cantinho de relaxamento para meditação e yoga.

Veja Mais
Com filmes não revelados da década de 1950, frei tenta criar museu em mosteiro
Traços da nossa arquitetura, desde o “Gabinete Téchnico de Desenho" na Calógeras

Projetado pela designer de interiores Elayne Felix, a reforma do apartamento localizado no bairro Carandá Bosque, em Campo Grande, foi feita em 20 dias, assim que a dona comprou o imóvel e readequou o ambiente de acordo com o seu perfil.

“Caseira, ela gosta de ler e queria uma sala dinâmica, mas que fosse bem calma e zen. A integralidade possibilita ela receber 10 pessoas dentro do apartamento confortavelmente”, descreve Elayne.

Os 2,5m² onde estava a churrasqueira se transformou no cantinho de relaxamento. (Foto: Elayne Felix)Os 2,5m² onde estava a churrasqueira se transformou no cantinho de relaxamento. (Foto: Elayne Felix)

O investimento foi mais em decoração e mobiliário, não houve troca de piso e nem gesso, mas em compensação a designer trabalhou o ganho da iluminação dimerizada, que cria cenas na sala, de acordo com a necessidade da moradora. Um exemplo é a luz voltada para a poltrona, que se torna um convite à leitura.

A sacada, que se tornou o destaque da moradia, é relativamente pequena. As divisórias anteriores reduziam ainda mais a chance de usar o espaço. “Não dava para fazer praticamente nada naquele canto, então retiramos as divisórias, integramos na sala e colocamos uma fonte. Ela gosta bastante daquele barulhinho da água”, narra a designer.

Para tornar o espaço ainda mais confortável e relaxante, o projeto incluiu um jardim vertical que atende ao desejo de quem quer cultivar plantas mesmo morando em apartamento, junto da fonte e do banco de futon para a leitura.

“Isolamos a churrasqueira e fizemos um fechamento para que ela pudesse colocar as coisas da prática do yoga”, acrescenta Elayne.

Projeto trabalhou o ganho da iluminação dimerizada, que cria cenas na sala. (Foto: Elayne Felix)Projeto trabalhou o ganho da iluminação dimerizada, que cria cenas na sala. (Foto: Elayne Felix)
Reforma do apartamento levou 20 dias, priorizando decoração e mobiliário. (Foto: Elayne Felix)Reforma do apartamento levou 20 dias, priorizando decoração e mobiliário. (Foto: Elayne Felix)

A decoração tanto da sala quanto do cantinho de relaxamento partiu dos mesmos elementos trabalhados na sala, que remetem à natureza, como o tecido do futon e a cortina, que são de linho e o tapete de sisal. A madeira que na sala está no painel acima do aparador, também está na sacada no banco e na guarnição do jardim vertical.

A reforma num todo, incluindo os dois quartos, banheiros e cozinha ficou dentro de uma média de R$ 1,3 mil o metro quadrado.

Na criação de espaço de relaxamento em casa, a designer afirma que dá para se trabalhar muito através do próprio mobiliário, na troca de tecido e dos itens da decoração. “Vamos trabalhando com elementos que proporcionem isso, a planta ajuda bastante, o tapete traz bastante conforto”, orienta Elayne.

A decoração tanto da sala quanto do cantinho de relaxamento partiu dos mesmos elementos trabalhados na sala. (Foto: Elayne Felix)A decoração tanto da sala quanto do cantinho de relaxamento partiu dos mesmos elementos trabalhados na sala. (Foto: Elayne Felix)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.