A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

10/12/2014 14:51

Nova diretoria toma posse em sindicato e corta na metade anuidade de arquitetos

Paula Maciulevicius
Posse foi realizada nessa terça-feira. (Foto: Arquivo Pessoal)Posse foi realizada nessa terça-feira. (Foto: Arquivo Pessoal)

A nova diretoria do Sindarq-MS (Sindicato dos Arquitetos Urbanistas do MS) tomou posse nessa terça-feira, em Campo Grande, com o compromisso de cortar pela metade a anuidade dos novos arquitetos e assim trazer mais profissionais para a entidade.

Veja Mais
Traços da nossa arquitetura, desde o “Gabinete Téchnico de Desenho" na Calógeras
Casa de madeira mantém as lembranças de 92 anos de dona Nazira na 14 de Julho

Na presidência, foi empossada a arquiteta Kelly Cristina Hokama, de 35 anos, formada em 2001, pela Uniderp. Com o mandato de três anos, Kelly diz que a diretoria é composta de profissionais recém formados e pessoas que já tem algum tempo de caminhada. "A nossa ideia é fazer com que a classe melhore no Estado. Nós queremos lutar pelos direitos dos arquitetos e trazê-los para dentro do sindicato, garantir um salário mínimo profissional e carteira assinada", explica a presidente.

Em comemoração às três décadas de sindicato no Estado, a diretoria já apresenta Campo Grande como sede do ENSA (Encontro Nacional de Sindicatos de Arquitetura e Urbanismo) em 2015.

Empossado 1° vice-presidente, o arquiteto Ângelo Arruda completa dizendo que a nova diretoria que reforçar os trabalhos que são importantes para todos, como luta pelas garantias de emprego, salário, benefícios e assessoria jurídica. "Já estamos dando início ao trabalho no Sindarq e pedindo parceria com o CAU. Os arquitetos têm uma contribuição anual e para os formados nos três últimos anos, conseguimos um desconto de 50% na anuidade", afirma Ângelo.

Diretoria empossada tem mandato de dezembro de 2014 até dezembro de 2017. (Foto: Arquivo Pessoal)Diretoria empossada tem mandato de dezembro de 2014 até dezembro de 2017. (Foto: Arquivo Pessoal)

O valor pago, de R$ 223,00 cai para R$ 111,50 para os profissionais formados em 2013, 2014 e 2015. A iniciativa saiu da diretoria do Sindarq-MS como exemplo para todo País. "É uma conquista nacional que saiu daqui e todo mundo vai se beneficiar", comenta o vice-presidente.

A posse foi acompanhada por representantes do IAB (Instituto de Arquitetos do Brasil) e ABEA (Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura e Urbanismo) e teve a benção do bispo emérito Dom Vitório Pavanello, na pizzaria Ritorna.

A diretoria empossada tem mandato de dezembro de 2014 até dezembro de 2017 e é formada pelos profissionais: Presidente: Kelly Cristina Hokama, 1º vice-presidente: Ângelo Arruda, 2° vice-presidente: Mellina Bloss Romero, secretária-geral: Débora Vilela Rondon, secretária de Finanças: Poliana Esquina Padula, secretário de Organização e Formação Sindical: Márcio Mareco Alves, secretário de Educação, Cultura e Comunicação Sindical: Ronaldo Braga Magalhães, secretária de Mobilização e Inserção Profissional: Perla Larsen, secretária de Relações de Trabalho: Ivanete Carpes Ramos, diretoria 1:Milena Di Giácomo Adri, diretoria 2: Breno Nery Mourão, conselho fiscal 1: Rui Nélio Rodrigues, conselho fiscal 2: Fábio Henrique Menoncin, conselho fiscal 3: Samuel Coelho Lima e suplente do conselho fiscal: Ângela Gil.

Um dos desafios da nova diretoria é de implantar uma sede própria. Por enquanto, o Sindarq vai funcionar no escritório da presidente, na Rua Joaquim Murtinho, n° 1.159, sala 2.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.