A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

26/07/2015 07:26

Paixão por plantas entre mãe e filha vira hobby com terrários em vasinhos fofos

Paula Maciulevicius
Terrários contendo cactos e suculentas. (Fotos: Ju Bem)Terrários contendo cactos e suculentas. (Fotos: Ju Bem)

Uma rotina de dois empregos, família e dois cachorros vivida a 338 quilômetros de casa. Na mudança de Campo Grande para Três Lagoas a psicóloga Julene Dal Libero, de 29 anos, levou junto a paixão pelas plantas aprendida com a mãe na chácara. E quando a saudade bateu forte, o sentimento transbordou pelas mãos em forma de vasinhos e terrários. Há pouco mais de dois meses, os finais de semana de Julene foram tomados por um trabalho manual que vira decoração de casa. 

Veja Mais
Com filmes não revelados da década de 1950, frei tenta criar museu em mosteiro
Traços da nossa arquitetura, desde o “Gabinete Téchnico de Desenho" na Calógeras

"Apesar de depois empregos, a rotina de casa, faltava alguma coisa. Mudar de cidade é complicadinho no que diz respeito à falta de amigos, família... Então resolvi me distrair", conta. Depois de se mudar para uma casa com quintal ENORME, em letras garrafais mesmo, Julene resolveu que daria lugar para as plantas, em especial à coleção de suculentas.

Julene, entre dois empregos, casa e família, psicóloga faz terrários e belos vasinhos. Julene, entre dois empregos, casa e família, psicóloga faz terrários e belos vasinhos.

"Comecei a coleção e a pintar os vasinhos e as pessoas passaram a elogiar, dizendo que eu deveria vender. Estruturei a ideia e hoje faço as pinturas nos vasos de cerâmica ou nos de vidro, que são os terrários, priorizando trabalhar com cactos e suculentas", descreve.

Assim nasceu "Ju Bem Decoração de Interiores". O nome é a junção de Ju (de Julene) e Bem do sobrenome da mãe Dal Bem, a precursora da família no cuidado com o verde. Entre os produtos, Julene cria terrários ou pinta vasinhos de cerâmica, e ainda consegue aproveitar latinhas de leite ou de sardinha. Tudo flui de acordo com a criatividade da psicóloga.

"O terrário é uma estrutura de vidro fechada que permite a vida dentro daquele lugar. Tem que ter pedra embaixo, para manter uma boa drenagem e assim a planta não encharcar", explica Julene. A durabilidade do terrário em casa é de seis meses a dois anos, dependendo dos cuidados. "É um arranjo que você pode trazer para a sua casa, como um mini-mundo", comenta.

Cacto orelha de urso e terrários com diversas espécies de suculentas e cactos. Cacto orelha de urso e terrários com diversas espécies de suculentas e cactos.
No vaso amarelo, o detalhe do coração é em roxo. E dentro, cacto orelha de urso.No vaso amarelo, o detalhe do coração é em roxo. E dentro, cacto orelha de urso.
Vasinho de suculenta pintado a mão.Vasinho de suculenta pintado a mão.
Fitônias de 3 cores em vaso que também é tricolor.Fitônias de 3 cores em vaso que também é tricolor.

Dos cactos e suculentas que vão para os terrários, Julene compra as mudas e transfere para vasos maiores, criando assim um 'berçário' dentro de casa. "Tenho também mudinhas de manjericão, cheiro-verde, salsinha, ervas. Para quem gosta de hortinhas em espaço pequeno, dá para trabalhar com potes decorados dessa forma", acrescenta Julene.

A pintura é uma delicadeza de encantar os olhos, num estilo lúdico. Um exemplo está no vasinho amarelo com corações roxos. "Eu imagino as cores e às vezes faço, olho a planta, o que ficaria legal...", detalha. Para estampar as plantas, Julene usa as referências industriais de decoração, como cores mais fortes e combinações que fogem do tradicional. "Tem turquesa com dourado, dá para trabalhar com cores olhando para as mudas e vendo que cor combina", explica.

Além de decoração, os vasinhos podem também servir para lembrancinhas. Julene já recebeu encomendas para aniversários e casamentos. "Acho que tem saído bastante para isso porque é diferente, sai do convencional, é afetivo. Pelo menos é este o significado para mim", relata.

O preço do trabalho começa em R$ 15,00 e pode chegar até R$ 50,00, dependendo do tamanho, embalagem e espécies trabalhadas. A Ju Bem fica em Três Lagoas, mas a entrega pode ser feita em todo o Estado. O contato é pelo Facebook

Cacto orelha de urso, num dos vasinhos mais bacanas.Cacto orelha de urso, num dos vasinhos mais bacanas.
Diversas espécies de cactos e suculentas. Diversas espécies de cactos e suculentas.



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.