A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

18/05/2012 14:19

De volta às cores originais; obra de Oscar Niemeyer ganha reforma

Mariana Lopes
Fachada (Foto: João Garrigó)Fachada (Foto: João Garrigó)

Projetado na década de 50 pelo mais famoso arquiteto brasileiro, Oscar Niemeyer, um dos colégios estaduais tradicionais de Campo Grande, o Maria Constança de Barros Machado, ganhou recauchutada e voltou às cores originais.

Veja Mais
Traços da nossa arquitetura, desde o “Gabinete Téchnico de Desenho" na Calógeras
Casa de madeira mantém as lembranças de 92 anos de dona Nazira na 14 de Julho

O livro aberto que compõe a fachada está de capa nova. Antes da reforma, as cores em destaque eram amarela e vermelha e agora voltou à branca, com um jogo de luzes coloridas que da todo o charme ao visual noturno. “Foi uma das exigências da equipe do Instituto Oscar Niemeyer”, afirma o diretor da escola, Anderson Soares Muniz.

Segundo o diretor, os profissionais do Instituto avaliaram todo o projeto de reforma da escola e determinaram o que podia ou não ser feito. E não foi só a fachada que mudou, a escola foi completamente pintada de branco, exceto os pilares, que agora são branco, azul e verde, cores da bandeira de Mato Grosso do Sul.

No reparo emergencial, como o próprio diretor classificou, entrou também a reforma dos banheiros. O feminino ganhou azulejos azuis, espelhos e um visual bem clean. No masculino, a diferença é que os azulejos são verdes. A parte elétrica e hidrosanitária também entraram no pacote de obras.

Giovani deu aula das obras de Oscar Niemeyer (Foto: João Garrigó)Giovani deu aula das obras de Oscar Niemeyer (Foto: João Garrigó)

A reforma começou no dia 13 de março e foi concluída na semana passada, no dia 11 de maio. Em dois meses, foi possível dar cara nova à escola e acabar com vazamentos, luzes que não funcionavam, aparência suja das paredes. O diretor conta que agora falta apenas arrumar as duas quadras e trocar o piso do corredor das salas de aula.

"O problema é que não podemos trocar o modelo da lajota, tem que manter a original, e como é muito antiga, não encontramos mais", explica Anderson.

Motivo de orgulho - Uma das primeiras partes da história que os alunos conhecem ao se matricularem na escola é que o prédio foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. A ideia, conforme relato de próprio diretor do Maria Constança, surgiu durante um voo no qual estavam Fernando Correa da Costa, na época governador do Estado, e Niemeyer.

“Eu sabia disso antes de começar a estudar aqui, e agora eu conto para as outras pessoas que não sabem. Acho legal estudar em uma escola que carrega o nome de alguém tão importante”, diz o aluno do 3° ano do ensino médio Robson da Silva, 17 anos.

De cara, a aluna Priscilla de oliveira Santos, 17 anos, fala que o mais legal é o formato de livro aberto da fachada. “Eu consigo enxergar certinho, ele é muito criativo”, afirma.

Banheiro feminino (Foto: João Garrigó)Banheiro feminino (Foto: João Garrigó)

Mas quem deu uma aula mesmo foi o aluno do 1° ano do ensino médio Giovani Garcia, de 14 anos. “O projeto é um livro, a caixa d’água é um giz, a ideia dele era fazer algo que se assemelhasse à escola”, observa, depois de relatar quase o currículo todo de Oscar Niemeyer.

“Vendo as obras que ele fez em Brasília, dá para perceber que ele coloca uma ideia diferente em cada obra”, aponta Giovani.

A escola estadual Maria Constança de Barros Machado tem hoje 715 alunos matriculadas e foi tombada como patrimônio histórico estadual em 1995.

A inauguração oficial da reforma acontece no próximo dia 30 de maio, a partir das 19h, na quadra da escola Maria Constança de Barros Machado, localizado na rua Marechal Cândido Mariano Rondon.




Quantas saudades desse colégio maravilhoso!.Estudei nos anos 60. Saudades das professoras D.Joelina, Izem Maciel, Maysa, Ermínia Grizzi etc. e porque não da Dona
França. Esse colégio brilhava, uma equipe de docentes nota 10!!!. Terminava o cole
gial e não precisava cursinho para o vestibular. O aluno estava preparadíssimo.
Quantas saudades... Hoje moro em S.Paulo, sou Procuradora Federal, mas quando
visito minha cidade, não deixo de visitar meu nobre e eterno colégio.
 
gisele cabral em 31/10/2013 13:35:06
Saudades deste colégio maravilhoso que marcou minha vida...e saudades é claro do Prof Tuca....e por sinal alguém sabe dele?? abraços e um viva ao MCBM
 
Ariane Oliveira Ganzarolli em 08/12/2012 08:58:56
Tenho orgulho de ter estudado no MCBM!! nos anos de 2004 e 2005 seg/terceiro ano...olha.. foram os melhores anos ... saudades do Prof. Tuca, Aurinete, da mariza e dos colegas, Lais Bastos, Jemima e Ogomar...saudades da escola do coração!!parabéns MCBM!!
 
cristiana ferreira em 25/06/2012 08:08:29
Estudei nessa escola linda durante seis anos, e ano esse lugar, colegio de vencedores, não via a hora de revitalizar essa escola, porque a cor que pintaram acabou com uma obra de arte. ainda bem que perceberam o grande erro e conseguiram esse beneficio de um grande homem Doutor Oscar. beijos para os professores. hoje estou formada em nutrição graças a essa escola maravilhosa. mara noeli fanaia.
 
mara noeli fanaia em 08/06/2012 11:52:32
Passei em frente a escola e realmente fiquei encantada com a beleza, tudo de bom !! Acredito que deve ser muito bom chegar neste ambiente maravilhoso, verde, limpo, ar puro , belo, foi isto que vi e senti. Meu esposo e meu cunhado estudaram nesta escola que deixa muitas saudades.



Parabéns à todos que lutam e lutaram pelo MCBM.
 
Claudia Magalhâes em 25/05/2012 07:53:47
Estudei na época de 1982 a 1987 com o Tuca e demais professores que contribuíram de maneira inenarrável para o meu crescimento profissional e pessoal.


 
Aldeir moreno em 25/05/2012 07:39:54
Que linda! Que emoção vê-la garbosa... espero que isso represente uma melhora significativa na auto-estima dos alunos e professores! Saudade das pessoas que conheci nessa escola maravilhosa! Saudade do Tuca, professor de física, ser humano absolutamente inspirador! Ícaro, Gorda, Geisy, Inês, Ariane, Ronnie... nossa, muita gente bacana!! Muito bom relembrar... parabéns pela matéria!!!!!
 
Renata Patrícia em 21/05/2012 08:15:47
Estudei nesta escola há uns três anos atras e a estrutura deixava a desejar, é uma escola muito boa que com essa reforma ficou muito mais bonita e gostoso de estudar!
 
Guilherme Nantes em 19/05/2012 12:53:34
Em1971 aportei em Campo Grande, vindo de Fátima do Sul, para estudar e trabalhar. Havia completado 17 anos e concluído o curso ginasial. Meu pai, homem simples da roça, mas preocupado em dar estudo para os filhos, trouxe-me para a cidade grande. O 1º colégio q/procurei para matricular-me foi o MCBM. Não consegui a vaga, pois a maioria era ocupada por "requinhos da cidade". Foi minha 1ª decepção.
 
oscar mendes em 19/05/2012 10:22:40
Gostei de ver em estudei dois anos e meio do 1º ao 3º ano do ensino médio nessa escola, tenho boas lembranças do saudoso Maria Constança, parabéns aos responsáveis por essa revitalização.
 
Oswaldo Benites Junior em 19/05/2012 08:21:46
Estou a pouco tempo em Campo Grande e cada dia me encanto com esta bela cidade. Visitei esta escola pelo google maps e é muito interessante vê-la do alto.
 
Luciano Correia em 19/05/2012 03:44:27
Estudei no MCBM de 1977 a 1979... Qtas historias e boas lembranças!! fiz da 5ª serie a 7ª serie. Saudades do lugar responsavel pela minha educação forte, sólida e que muito me ajudou a chegar até aqui. Saudades da profa Nely Bacha (historia) Izen de Portugues, Dona França nossa inspetora de alunos Tania Ed Fisica.... Parabens a Marisa q tentou muito se esforçou p esse feito qd era diretora.
 
Denise Jove em 19/05/2012 01:09:09
Nossa...ficou show o MCBM...pena que estudei apenas o 3° ano em 2005, vesp. Essa escola eh tradicional e sempre foi uma das que gostaria de estudar...agora para o futuro...eh uma das que quero lecionar... Saudades do Prof. Tuca, Aurinete, Daniel entre outros mestres que me admiro...Parabéns aos gestores, principalmente o Prof. Anderson. Ficou linda....
 
Maykon Costa em 18/05/2012 11:09:29
Aaao MCBM..por três anos consecutivos (durante o ensino médio) sonhei com essa reforma. Que pena que não estou la para desfrutar dessa nova aparência. Agora é reformar as quadras...essa batalha vem desdo outros DIRETORES MARISA, PALMIRA E AGORA PROFº DIRETOR ANDERSON. PARABÉNS!
 
Rodrigo Maciel em 18/05/2012 10:38:09
Fico feliz em ver a escola em que estudei durante sete anos com essa fachada tão linda! Passo todos os dias de ônibus na frente dela e é muito agradável ver o espetacular jogo de luzes nessa obra de arte!!! Ela merecia!!!
 
Elinete Luiza em 18/05/2012 10:22:20
Tanto é que o esquema de proteção solar adotado na fachada principal das duas escolas não funciona em Campo Grande, onde o "clone", originalmente projetado para ter sua frente para o norte, mais ensolarado (tal como ficou em Corumbá), foi implantado para o sul, mais "sombreado", vez que aqui não convinha entrar "do lado do trem". Ironicamente, a original está pior conservada que seu "clone"...
 
Marcel Ozuna em 18/05/2012 10:02:08
Apesar de não morrer de amores pela tipologia da escola, creio que caiba uma informação adicional. Ao contrário do que muitos imaginam, Niemeyer projetou esta escola não para Campo Grande, mas para Corumbá - é a atual Escola Estadual João Leite de Barros (antiga Maria Leite), da rua Cabral. Por pressão política, o então Governador mandou construir uma réplica (a Maria Constança) em Campo Grande.
 
Marcel Ozuna em 18/05/2012 09:49:51
Estudei meu Ensino Médio nesta escola, na época o professor de Matemática, era o Anderson, atual diretor da escola.
Muito gratificante ver as modificações, brigávamos por isso na nossa época, sem muitas chances, por ser patrimônio histórico, pois somente com a autorização de Oscar Niemeyer que poderia efetuar qualquer reforma.
o nome da escola é MARIA CONSTANÇA BARROS MACHADO não tem o "de".
 
Eres Figueira da Silva Júnior em 18/05/2012 08:05:15
Esta escola, além da caixa d'água representar um giz, a fachada um livro aberto, olhando de cima podemos notar uma régua, um esquadro e um transferidor. Antes de estudar nessa escola, eu, por acaso, a sobrevoei num monomotor e fui despertado para esses detalhes pelo piloto que conduzia a aeronave.
 
Ezio José em 18/05/2012 07:41:16
Eita saudades do MCBM merecida reforma, que o dia nossa amada diretora Marisa Sanches e agora o então diretor Anderson que se fazia professor de Matemática....Que os alunos tenham consciência e zelem pela reforma e que os Banheiros estão irreconhecíveis estão...kkk!!!
 
Augusto Josuel em 18/05/2012 06:43:21
Oscar Niemeyer, ícone da arquitetura. Teve alta hoje do hospital onde estava por conta de problemas respiratórios. 104 anos e ainda com vontade de trabalhar.
 
Tino Sant'Ana em 18/05/2012 06:04:14
A escola e toda comunidade almejavam esta reforma. Ainda não tive oportunidade de ver pessoalmente, mas pela foto percebe-se que ficou muito bonita. Parabéns, devemos preservar nossos monumentos.
 
Lourdes Arruda Santana em 18/05/2012 06:02:55
Sou pai de aluna desta escola e quero parabenizar os gestores por esta inciciativa tão importante, isso demonstra a preocupação que os administradores tem pela educação em nossa cidade, ações como essa nos deixa enriquecidos de orgulho em morar aqui, não podemos esquecer tambem de parabenizar o Diretor da esola pelo ótimo trabalho.
 
Eres Figueira da Silva em 18/05/2012 05:39:56
Parabéns Maria Constança.. Estudei nessa escola maravilhosa onde guardo ótimas recordações - Professor Tuca de física, Professora e Diretora Marisa. Saudade desse tempo.
 
sabrina freitas santiago em 18/05/2012 05:26:12
fico mt bonita .. pena q na epoca q eu estudava la, a escola era um lixo, estava precisando msm d uma reforma
 
Thiago Vinicius em 18/05/2012 03:54:19
Parabéns ao Giovani, por ser tão observador, isso vai ser de grande validade em seu futuro promissor!!!!
 
wilke figueiredo em 18/05/2012 02:46:28
Agora é esperar que os alunos e funcionarios zelem pela limpeza e cuidem da escola.
 
Diego Souza em 18/05/2012 02:40:58
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.