A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

11/04/2014 10:33

Ao tomar posse, Juliana Zorzo diz que encontrou Fundac na "UTI"

Ângela Kempfer e Kleber Clajus
Juliana Zorzo tomou posse hoje na Fundac. (Foto: Cleber Gellio)Juliana Zorzo tomou posse hoje na Fundac. (Foto: Cleber Gellio)

A nova presidente da Fundac, Juliana Zorzo, tomou posse oficialmente hoje, com uma lista de prioridades para a Fundação de Cultura de Campo Grande. A tarefa número 1, segundo ela, é colocar em dia os pagamentos atrasados.

Veja Mais
Poeta Ferreira Gullar morre aos 86 anos devido a problemas respiratórios
Com gorros de Papai Noel, artistas realizam performance contra calote de editais

Juliana diz que encontrou a casa com várias contas vencidas. “Não por falta de dinheiro, mas por falta de processos e contratos”, explica. Na avaliação dela, é como se a Fundac estivesse na “UTI”.

Depois de tudo em ordem, os planos incluem a realização de oficinas culturais pelos bairros da cidade e a retomada de projetos tradicionais da Fundac.

Nesta semana, a ex-vereadora esteve em Brasília, para “destravar” recursos e anuncia que conseguiu R$ 7 milhões que já haviam sido negociados para a construção de dois pólos de Cultura. Cada prédio terá 7 mil metros quadrados, para ações com crianças e adolescentes dos bairros Noroeste e Parque do Sol, duas das regiões mais carentes desse tipo de atividade.

Novamente sobre o peso religioso na administração da Fundac, já que a nova presidente é evangélica, Juliana garante que tudo que “estiver no calendário vai ser feito, para atender a todo mundo.”

A presidente também lembrou que recentemente foi fechado convênio para distribuição de 5 mil ingressos para circo Tihany Spetacular, para viabilizar o acesso de crianças atendidas por instituições e escolas públicas.

Currículo – Hoje, durante a apresentação da nova presidente,foi destacada a formação de Juliana Zorzo como mestre em Direito Patrimonial pela universidade de Salamanca, na Espanha, onde atualmente faz doutorado.

Em relação à Cultura, as únicas referências são intercâmbio aos 16 anos para a Índia, aos 18 ao Canadá e aos 19 para a Alemanha.

A presidente da Fundac pertence à família proprietária da marca Dallas, de produtos alimentícios.




Gostaria de pedir a NOVA SECRETARIA um olhar para ORLA FERROVIARIA, que foi inaugurada pelo ex-prefeito Nelson Trad Filho como CORREDOR CULTURAL DE CAMPO GRANDE, encerrando até uma placa que lá está colocada.

Estive ontem a noite na Orla Ferroviária e o que vi foi um praça de tal abandono, e que é necessário desenvolver no local realmente EVENTOS CULTURAIS, tanto durante o dia e como período da noite, para resgatar um lugar tão bonito, abandonada pelo gestão anterior, a volta das famílias campo-grandense.

Peço o favor de chegar este comentário ao conhecimento da nova secretária.
 
EDILSON V SILVEIRA em 11/04/2014 12:19:44
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.