A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Janeiro de 2017

15/11/2015 11:01

Banda Sinfônica da UFMS e coros se apresentam de graça neste domingo

Liana Feitosa
Concerto terá, de graça, obras da música clássica, inclusive, o Réquiem op. 48, de Gabriel Fauré. (Foto: Campo Grande News)Concerto terá, de graça, obras da música clássica, inclusive, o Réquiem op. 48, de Gabriel Fauré. (Foto: Campo Grande News)

Neste domingo (15), às 20h30, a Banda Sinfônica e o Movimento Coral da UFMS Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) apresentam, de graça, obras da música clássica no Teatro Glauce Rocha.

Veja Mais
Com tattoo, grafite e vídeo mapping, estúdio une talentos que se acharam na arte
Criticada por falar sobre o Xingu, Imperatriz avisa que não mudará desfile

Entre as obras está o Réquiem op. 48, de Gabriel Fauré, composta entre os anos de 1887 e 1890. Na tradição da igreja católica, um Réquiem é uma missa oferecida pela alma das pessoas falecidas, também chamada de missa para os mortos, e surgiu na Idade Média.

Esse tipo de obra se tornou símbolo de um complexo musical que une a despedida e homenagem dos celebrantes a um grande ícone, como reis e rainhas, ou a pessoas simples, mas ainda assim muito queridas.

Neste domingo, o concerto apresentará a transcrição da obra para banda sinfônica de autoria de Fernando Barreto. Participarão a Banda Sinfônica da UFMS em conjunto com o Coro de Câmara da UFMS, Coral da UFMS, Coral do IFMS e o Coral Escala, sob a batuta dos regentes preparadores os maestros Manoel Rasslan, Marcos Alves e Rodrigo Falson. Também estarão presentes os solistas Johnny Arruda (barítono), Luciana Fisher (soprano) e Nillo Cunha (organista e tenor).

Outras duas obras sacras importantes do repertório de coro orquestral e de bandas também serão apresentadas, como o Sanctus da Missa de Santa Cecília, de Charles Gounod, com solo do tenor Nillo Cunha, com a obra que apresenta sonoridade grandiosa do período Romântico. Também ganha espaço no programa a Ascensão, de Robert W. Smith, baseada na ascensão ao paraíso da obra A Divina Comédia, de Dante Alighieri.

O concerto será regido pelo maestro Jorge Geraldo e contará com a presença de cerca de 120 pessoas, entre cantores e instrumentistas. A entrada é franca.

 




imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.