A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

27/06/2016 06:20

David Cardoso lança último filme da carreira e decreta: o cinema acabou

Naiane Mesquita
David na direção de filme gravado em Maracaju.David na direção de filme gravado em Maracaju.

O cineasta e ator David Cardoso, 71 anos, acumula produções no currículo. Ao todo são 80 filmes, sendo que 34 foram feitos de forma independente, por meio da produtora que ele mantém há anos, a Dacar Filmes. Agora, depois de lançar o longa Sem Defesa, com a participação de nomes como Ratinho e Marcelo Rezende, o Rei da Pornochanchada afirma que seus dias de cinema acabaram.

Veja Mais
Aos 46, Nuno não desiste da música mesmo ouvindo não ter idade para o sucesso
Mesmo a espera de recurso, desfile das escolas de samba acontece em fevereiro

“Não é problema de dinheiro, eu faço meus filmes todos de forma independente. Somando tudo, este último custou R$ 500 mil, em que recebo investimentos de amigos, pessoas próximas e também vendi uma casa em Terenos para fazer. A questão é que santo de casa não faz milagres, não tenho reconhecimento”, afirma David.

Misto de ficção com documentário, o filme mostra a história de um homem que tem a vida completamente alterada por causa de um episódio de violência. David interpreta o personagem principal, um paraplégico. “O filme discute a maioridade penal, com cenas reais de violência. É um homem milionário que vive em mato Grosso do Sul e no qual sofre um assalto. Mesmo ele entregando as joias da família, a esposa é assassinada e ele fica paraplégico”, explica.

As cenas reais de violência explicam a participação do Ratinho e do Marcelo Rezende. Mesmo exibindo o filme com frequência em Campo Grande e no interior do Estado, além de participar de festas e programas de televisão, David diz que o cinema morreu.

“Não dá mais para fazer cinema, o filme ficou pronto, está cheio de defeitos, mas eu não tinha tempo. Tinha horário limitado, poucos dias com os atores, era aquilo e pronto. Eu como ator posso fazer umas participações, mas como produtor, acabou”, acredita.

Agora, sendo homenageado até pela Playboy, David Cardoso anda recebendo convites de entrevista que relembram a história da pornochanchada no país. “A época do cinema acabou. Antigamente, não desmerecendo as mulheres de hoje, mas nós tínhamos grandes mulheres, atrizes, com belezas incríveis e talentosas, agora não vejo mais isso”, pontua.




Bom, essas coisas horríveis que ele faz acabou mesmo... afff
 
JESSICA MACHADO GONÇALVES em 30/06/2016 17:45:07
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.