A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

22/08/2016 06:48

Desafio pelas ruas é produzir 1 origami em 10 minutos, sem reclamar da vida

Thailla Torres
Os pássaros significam prosperidade, saúde e paz. (Foto: Alcides Neto)Os pássaros significam prosperidade, saúde e paz. (Foto: Alcides Neto)

Ninguém passa sem perceber o colorido dos origamis. Para a administradora de empresas Lígia Oizumi, de 32 anos, mais do que beleza, as dobraduras podem trazer paz nesses dias difíceis. Por isso, ela criou a ação "Mil tsurus por 1 desejo", com a meta de chegar aos 10 mil pássaros de papel. Mil serão enviados ao Japão e o restante doado para pacientes internados em hospitais de Mato Grosso do Sul. 

Veja Mais
Poeta Ferreira Gullar morre aos 86 anos devido a problemas respiratórios
Com gorros de Papai Noel, artistas realizam performance contra calote de editais

O gesto simples tem transformado a vida dela, depois de muito cansaço diante das reclamações do cotidiano. "Encontrei uma amiga que não via há cerca de 15 anos e em pouco tempo de conversa, ela só falava das tristezas, a doença e os remédios. Aquilo me tocou de uma forma que eu vi que podia fazer algo para mudar a rotina dela e a minha também" conta.

Lígia estabeleceu uma meta, utilizando o origami que foi ensinado pelo pai japonês, escolheu os tsurus que no Japão representam prosperidade, saúde e paz. "A regra é tirar 10 minutos para fazer um pássaro, sem falar nada e sem reclamar. Apenas mentalizando coisas boas e buscando uma paz interior", revela.

Ligia quer ensinar e resgatar a cultura da família.(Foto: Alcides Neto)Ligia quer ensinar e resgatar a cultura da família.(Foto: Alcides Neto)

Para espalhar a ideia, Lígia saiu em ações pelos bairros da cidade, ensinando pessoas a fazerem os pássaros. "O dia a dia das pessoas é uma loucura e fazer elas pararem um minuto não é fácil. Quando chego aos lugares, a primeira coisa que elas dizem é que não sabem e nem querem tentar. E é nesse momento que começa a mudança". 

Fazer com as pessoas sintam a diferença é o maior desafio para Lígia. "É mais fácil do que qualquer um imagina. Tanto que me emociona quando eu consigo convencer alguém que não acredita na própria capacidade. E o olhar de satisfação delas depois de concluir a tarefa é um sentimento incrível. Porque, de alguma forma, isso acalma, relaxa e é uma qualidade de vida, de um jeito simples", acredita. 

A escolha pelo origami também tem sentido na história da própria família. Ela admite que conhecia pouco da cultura do pai e não quis deixar a história se perder. "Sou filha de mãe brasileira e meu pai é japonês, tive pouca oportunidade de conhecer a cultura dele e não quero deixar isso se perder. Pretendo ir para o Japão no fim do ano e com o origami estou cada vez mais mergulhada nesse universo", diz encantada. 

Com a voz cheia de emoção, ela conta que pretende levar os mil origamis até o Monumento da Paz, também conhecido como Torre dos Tsurus, construído em Hiroshima. "Diz a lenda que aquele que fizesse mil tsurus de origami teria um pedido atendido. A lenda ficou conhecida pela história de uma garotinha, Sadako Sasaki, que foi atingida pela chuva radioativa quando foi lançada a bomba atômica em Hiroshima", descreve. 

O restante será doado em Mato Grosso do Sul. "Quero entregar em hospitais, porque tem um significado bom e o sentimento de saúde e prosperidade para essas pessoas. É um bem de maneira simples, que qualquer um poderia fazer no dia a dia".

Com carinho e olhando para o ser humano, Lígia concilia a rotina de trabalho com as ações, ensinando a dobradura sem cobrar nada. "Não precisa nem estudar demais pra saber que o que é puro faz diferença na vida. E são as pessoas essa diferença", declara. 

Por enquanto, Ligia conseguiu fazer 5 mil tsurus com ajuda da população e a próxima parada de aulas rápidas será nos dias 27 e 28 de agosto, no bairro Dom Antônio Barbosa. Quem quiser colaborar, aprender e mudar um pouquinho da rotina, pode encaminhar uma mensagem para ela no Facebook.

Curta o Lado B no Facebook.

Dá vontade de fazer vários e espalhar pela casa. (Foto: Alcides Neto)Dá vontade de fazer vários e espalhar pela casa. (Foto: Alcides Neto)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.