A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

14/10/2015 06:45

Elas fizeram Psicologia, mas são felizes fabricando bonecas com personalidade

Naiane Mesquita
Simone e Lara se conheceram na faculdade e anos depois decidiram abrir o ateliê (Foto: Marcos Ermínio)Simone e Lara se conheceram na faculdade e anos depois decidiram abrir o ateliê (Foto: Marcos Ermínio)

Logo na entrada do ateliê de costura Coisas de Amigas – Craft é possível ver uma boneca da artista Frida Kahlo. A identificação é fácil por causa das sobrancelhas famosas e unidas da pintora mexicana e que hoje são reproduzidas em vários produtos pelo mundo.

Veja Mais
Com gorros de Papai Noel, artistas realizam performance contra calote de editais
Da droga à reabilitação, Zé Pretim sobe ao palco com banda e repertório afiado

Ao lado, uma boneca de pano tradicional, com cabelos que parecem de verdade repousa na estante, enquanto um cachorro de 4kg segura a porta.

As bonecas de pano são de diferentes regiões do país e do mundo As bonecas de pano são de diferentes regiões do país e do mundo

No espaço decorado para parecer um lar de bonecas, mas com jeitinho de casa de avó, as psicólogas Lara Nassar Scalise, 43 anos e Simone Esteves Fachini, 42 anos, ensinam a essência da arte de costurar.

As alunas que são de diferentes idades e profissões aprendem a confeccionar bonecas e animais de pano de vários estilos e cantos do mundo. “A maioria das alunas nunca mexeram com costuram, costumam chegar inseguras, se perguntando se irão dar conta. Mas, com o tempo percebem que é viciante, ver o trabalho pronto é maravilhoso”, afirma Lara.

Para ter tantos modelos de inspiração, as duas percorrem vários ateliês pelos país e exterior, além de acompanhar as novidades por meio de perfis no Instagram e Facebook. “Temos bonecas Argentinas, por exemplo, de outros ateliês famosos do país. Pesquisamos bastante, aprendemos e depois trazemos para o ateliê. Cada aluna estuda o estilo que mais gosta, faz os produtos”, explica.

A decoração do local expõe os produtos em prateleirasA decoração do local expõe os produtos em prateleiras
O que chama a atenção é a variedade de estilosO que chama a atenção é a variedade de estilos

Com máquinas de costura antigas na decoração, Lara afirma que está no DNA o carinho pela linha e agulha. “Minha tia foi uma costureira famosa em Campo Grande, que fazia vestidos de noiva na década de 40, essas máquinas antigas que tem no ateliê foram dela. Eu sempre gostei também. Lembro que o primeiro dinheiro que eu ganhei foi com duas bonecas de pano que eu fiz. Meu pai até tirou uma cópia do cheque para a gente guardar”, ri Lara.

Já a amiga Simone nunca teve nenhum tipo de envolvimento com a costura e até achava estranho e coisas de “velho” o carinho da amiga pelas máquinas. “Um dia eu resolvi fazer um curso de boneca de pano e foi ali que tudo começou. Contei para a Lara, ela decidiu fazer também, eu sai, depois continuei. Me apaixonei completamente”, admite.

A máquina de custura antiga é uma herança da famíliaA máquina de custura antiga é uma herança da família

As duas se conheceram na faculdade de Psicologia, turma de 2006 da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). “Fomos madrinhas de casamento uma da outra, no mesmo ano, com diferença de 15 dias. Depois que começamos a fabricar as bonecas, abrimos nossas marcas. Foi há 2 anos que surgiu o ateliê, que é para repassar esse conhecimento. Aqui nem comercializamos muito as bonecas, é mais por encomenda”, afirma Simone.

Apesar do carinho, Lara e Simone não deixaram de atender no consultório. “Eu faço pós-doutorado em psicologia e sou psicóloga e arte terapeuta. Mantemos as duas coisas”, ressalta Lara.

O curso custa R$ 55,00 por aula e existem pacotes para facilitar o aprendizado. “Temos alunas que fazem uma vez por semana e em 40 dias já fazem uma boneca inteira. Tem gente que vem como terapia outras como uma forma de complementar a renda”, acredita Simone.

Para as crianças são realizadas workshops especiais. “Algumas alunas de 7 anos de idade costuram melhores que os adultos. Até uma de nossas bonecas de criação própria, a Cecília, é inspirada em uma de nossas aluninhas”, diz Lara.

O ateliê fica na rua 7 de setembro, 1758. Informações pelo telefone (67) 9981-5185 e (67) 9860-1400.

O espaço é todo colorido e com detalhes que parecem casa de boneca O espaço é todo colorido e com detalhes que parecem casa de boneca
Fim de semana tem cover de Freddie Mercury e Whindersson
As atrações acontecem no Palácio Popular da Cultura, em Campo Grande. Confira outras dicas da Agenda Cultural....
Filhos e netos, os artistas mais importantes no palco
Escolas particulares de Campo Grande investem em grandes espetáculos para marcar o fechamento do ano letivo....



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.