A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

05/10/2016 07:05

Festival Internacional de Violão terá concerto e aulas gratuitas até dia 8

Thailla Torres
Concerto e aulas de violão serão de graça durante FestivalConcerto e aulas de violão serão de graça durante Festival

O som das cordas é protagonista no 3º Festival Internacional de Violão, que começou no dia 3 e segue até 8 de outubro em Campo Grande. Grandes violonistas nacionais e internacionais mostram o talento em concertos, palestras e aulas gratuitas ao público. O evento é organizado pela curso de Música da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). 

Veja Mais
Poeta Ferreira Gullar morre aos 86 anos devido a problemas respiratórios
Com gorros de Papai Noel, artistas realizam performance contra calote de editais

"Será uma grande variedade de músicos com suas especialidades e linguagens na música. Porque a ideia é continuar evoluindo e mostrar que o violão é um instrumento mundial e um dos mais significantes no mundo da arte. Queremos mostrar a versatilidade do instrumento e continuar evoluindo para conseguirmos fazer algo maior", explica o professor de música e um dos organizadores do festival, Pieter Rahmeier. 

O acesso a profissionalização é um dos pontos fortes do evento. "O Festival dá possibilidade das pessoas conhecerem e descobrirem que é possível se especializar e continuar os estudos em Campo Grande. Antigamente quem tinha interesse de estudar música e o violão, tinham que ir para cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. Mas hoje temos isso aqui", ressalta o professor. 

Entre as atrações, estão os violonistas Marcos Pablo Dalmacio, Eduardo Isaac e Lucio Uanel da Argentina. Ismael Insfrán do Paraguai, Marcos Puña da Bolívia e Adam Levine dos Estados Unidos. Como representantes nacionais, tocam Michel Maciel, Edelton Gloeden e Roberto Correa. De Campo Grande também sobem ao palco Eduardo Martinelli, Marcelo Fernandes e Pieter Rahmeier que são professores na universidade. 

Neste ano, haverá homenagem ao violonista uruguaio Abel Carlevaro, que faleceu em 2001 e foi um consagrado compositor de violão erudito, além de professor e criador de uma nova escola de técnica do instrumento. "Se estivesse vivo ele completaria 100 anos. É com certeza um dos melhores violonistas que o século XX já teve. Fez uma carreira grande e formou grandes de violonistas tanto no Brasil como em outros países da América Latina", declara Pierter. 

Na programação haverá todos os dias master class com violonistas convidados. "Um dos alunos sobe ao palco e o professor ensina ali na frente de todos. É um momento bacana para interagir de maneira mais próxima com o instrumento", ressalta o professor.

Mais informações pela página do evento no Facebook

Confira a programação até sábado: 

05 de outubro 

09h30 - Evento Científico, Apresentação das comunicações de pesquisa e Mesa Redonda: A contribuição de Carlevaro para o universo violonístico. No anfiteatro CCHS da UFMS.

14h30 - Masterclass Edelton Gloeden no anfiteatro CCHS da UFMS

20h - Apresentação com Michel Maciel e Adam Levin no Teatro Sesc Horto. 

06 de outubro

09h30 - Palestra com Marcos Pablo Dalmacio "Mercado de trabalho do violonista", no anfieteatro CCHS. 

14h30 - Masterclass Marcos Puña no anfiteatro CCHS da UFMS

20h - Apresentação Eduardo Martinelli e Eduardo Isaac no Teatro Sesc Horto.

07 de outubro

09h30 - Semifinal do Concurso

14h30 - Masterclass com Eduardo Isaac no Anfiteatro CCHS da UFMS

20h - Apresentação Marcos Puña e Roberto Corrêa no Teatro Sesc Horto. 

08 de outubro

09h30 - Final do Concurso 

14h30 - Masterclass Roberto Correa no Anfiteatro CCHS da UFMS

20h - Apresentação Insfrán e Lúcio Yanel no MIS (Museu da Imagem e do Som). 

Curta o Lado B no Facebook.

 

 

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.