A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

02/07/2015 12:11

Site de senador sai da mesmice e dá espaço para a cultura de MS

Paula Maciulevicius
Desde fevereiro deste ano, quando a coluna estreou, foram publicadas 20 crônicas. (Foto: Reprodução/Site Senador Moka)Desde fevereiro deste ano, quando a coluna estreou, foram publicadas 20 crônicas. (Foto: Reprodução/Site Senador Moka)

O site institucional do senador Waldemir Moka (PMDB-MS) traz notícias sobre as atividades do parlamentar em Brasília – como votações de projetos, reuniões em comissões da Casa, audiências em ministérios – e em Mato Grosso do Sul – como visitas a municípios do interior, reuniões no escritório em Campo Grande e participações em eventos e feiras.

Veja Mais
Em clipe de rock alternativo, casal coloca tudo a perder por mensagem de celular
Poeta Ferreira Gullar morre aos 86 anos devido a problemas respiratórios

Mas não é só de política que fala o site. O diferencial está na publicação de crônicas sobre hábitos e costumes do sul-mato-grossense, como música, dança e comida, e sobre pontos turísticos. Quem acessa a página do senador às sextas-feiras, por exemplo, depara-se sempre com uma novidade.

De acordo com o jornalista Antonio Carlos Teixeira, assessor de imprensa de Moka, a ideia surgiu em razão da diversidade de atrações nas áreas de cultura e turismo. O senador aprovou. “Nos finais de semana, os sites políticos têm mais espaços, apesar do ritmo intenso de trabalho do senador. Foi aí que pensamos em ocupá-lo com informações sobre Mato Grosso do Sul”, conta.

Desde fevereiro deste ano, quando a coluna estreou, foram publicadas 20 crônicas, a maioria do jornalista paraibano Sérgio Bôtelho, da equipe do senador. Entre elas, textos que destacam o prazer do sul-mato-grossense em tomar tereré cercado por amigos, a paixão pelo chamamé e a tradição do campo-grandense de ir à feira central comer sobá.

O jornalista diz que as crônicas são sucesso, ganhando muitos cliques, curtidas e comentários no perfil de Moka no Facebook. “Os textos mexem com as pessoas, que gostam de ler coisas sobre sua terra. A história sobre o chamamé, a sopa paraguaia, as modas de viola, bem como as atrações turísticas pouco divulgadas, servem para entreter e informar”, avalia.

Para não repetir assunto e manter o leitor interessado pelas publicações, a assessoria de Moka faz pesquisa para descobrir histórias e fatos marcantes no Estado. Teixeira cita a crônica sobre lendas urbanas, especialmente sobre a “mulher de branco”, que aparecia em banheiros femininos, e a “bruxa da sapolândia”, em Campo Grande.

Apesar de dar espaço para a publicação de crônicas sobre o Estado, o assessor explica que o critério de divulgação no site é bastante rigoroso. “Não é qualquer notícia que vai para o site e para as redes sociais. O senador Moka é muito criterioso em relação a isso e só publicamos informação que tenha valor para o cidadão”, reforça o jornalista campo-grandense.

Serviço: www.senadormoka.com.br.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.