A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

26/09/2014 07:00

Vídeo caseiro feito em Campo Grande viraliza e faz música tocar no Uruguai

Aline Araújo
Marina canta na noite de Campo Grande. (Foto: Divulgação)Marina canta na noite de Campo Grande. (Foto: Divulgação)

Marina Peralta estava em casa, sentada sob a sombra de uma árvore, um dia depois de completar 22 anos. Pensou num jeito de agradecer aos amigos pela afeição e decidiu gravar um vídeo com a música "Agradecer", composta por ela há algum tempo.

Veja Mais
Em clipe de rock alternativo, casal coloca tudo a perder por mensagem de celular
Poeta Ferreira Gullar morre aos 86 anos devido a problemas respiratórios

Gravado no celular, sem maiores pretensões ou recursos de produção, Marina e o violão conquistaram quase 14 mil compartilhamentos na internet em uma semana.

“Na real, eu já tava de boa em casa e um dia, após o meu aniversário, eu pensei: vou fazer um post de agradecimento aos meus amigos e ai eu coloquei esse som que é recente. Ainda não tinha divulgado, tanto que postei no meu perfil pessoal e não na página”, relata.

A canção, com a levada do reggae, foi postada há 11 dias e já conquistou até uma rádio uruguaia. “Eles me mandaram uma mensagem pedindo para tocar a música por lá. Ela já tocou no último domingo”, comemora a cantora, que diz ter achado estranho o fato de atingir mais pessoas de fora do que daqui de Campo Grande.

Marina ficou surpresa com a repercussão e contente com as mensagens que recebeu. “O mais gratificante não é nem a visibilidade que isso dá, mas saber que a minha canção de louvor, de agradecimento, o meu sentimento e a minha vibe chegaram a tantos lugares”.

Mas o viral também vai ajudar nos contatos, parte importante para a cantora e acadêmica de Psicologia, que pretende viver da música. Marina canta desde de pequena, aos 12 anos ganhou um violão, mas começou a enxergar a arte como profissão quando venceu o Festival da Canção, promovido pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no início do ano.

Agora, ela se prepara para lançar um disco autoral, mas depende do resultado do edital do Fmic (Fundo Municipal de Investimentos Culturais) para conseguir recursos e viabilizar o projeto.

Os planos são de voar bem mais alto e carregar a mensagem para o maior número de pessoas possível. Por isso, ela planeja passar uma temporada em São Paulo, para tocar em novos lugares. Marina também acompanha o projeto Rockers Sound System, que será representado no Reunion of Dub Festival, na capital paulista, nos dias 4 e 5 de outubro.

Para quem ainda não conhece o trabalho de dela por ser acompanhado na sua fanpage.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.