A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

04/07/2013 10:07

A pluralidade das produções japonesas em mostra, de graça, a partir do dia 15

Paula Maciulevicius
“Como na canção dos Beatles: Norwegian Wood”, indicado ao Leão de Ouro, abre a mostra no próximo dia 15. “Como na canção dos Beatles: Norwegian Wood”, indicado ao Leão de Ouro, abre a mostra no próximo dia 15.

A “japonesidade” inerente mesmo quando a produção tenta seguir uma linha ocidental. Absorve o que é de fora e num misto com as tradições desenvolve algo que só poderia mesmo ter saído do Japão.

Veja Mais
Final de semana tem a volta de Anjos da Noite, comédia nacional e animações
Semana tem ação com a volta de Jack Reacher, além de ficção e terror

Durante cinco dias deste mês, o MIS (Museu de Imagem e Som) traz ao público a mostra de cinema japonês, o universo de estilos, temas e formas completamente diferentes entre si e que revelam toda pluralidade das produções nipônicas.

A programação que começa dia 15 segue até dia 19 com quatro filmes de diferentes gêneros do cinema japonês e um clássico, Onibaba, de 1964. Todos com entrada gratuita, sempre às 7h da noite.

A abertura, na segunda-feira (15) fica por conta da produção indicada ao Leão de Ouro, dirigida pelo Vietnamita Tran Ahn Hung, baseada em um dos maiores best-sellers da literatura japonesa: “Como na canção dos Beatles: Norwegian Wood”.

Na terça, o filme “Cold Fish”, de Sian Sono, mostra uma incômoda história de horror urbano baseada em fatos reais.

No dia seguinte, a melancólica animação “5 Centímetros”, em três segmentos dirigida por Makoto Shinkai, um dos novos nomes da animação japonesa.

Na quinta a tela do MIS exibe o clássico “Onibaba”, recheado de elementos que remetem a tradição japonesa, temperados pelo novo. Com uma genial trilha sonora mistura tambores do Taikô com o jazz ocidental.

A refilmagem do filme de 1962, “Hara-Kiri: Morte de um Samurai”, é o que encerra a programação na sexta-feira (19). Pelas mãos de Takashi Miike, um dos mais instigantes diretores da atualidade, a refilmagem, indicada a palma de ouro em 2011, é crítica as rígidas estruturas da sociedade japonesa.

A Mostra de Cinema é parte das comemorações da Cultura Japonesa no Estado. Durante a semana de exibições, será lançado o novo site do Museu da Imagem e do Som de MS. O MIS fica na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, 3º andar.




Gostei :3
Irei assistir Todoos XD
 
Tayna Chan em 05/07/2013 07:25:31
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.