A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

25/04/2016 11:03

Filme e debates abrem hoje a "Semana Estadual dos Povos Indígenas"

Ângela Kempfer
Cinema a Céu Aberto terá hoje o documentário “Ava Marandu”. Cinema a Céu Aberto terá hoje o documentário “Ava Marandu”.

O documentário "Ava Marandu” abre hoje à noite a Semana Estadual dos Povos Indígenas, realizada pelo governo de Mato Grosso do Sul. Até sexta-feira, haverá exibição de filmes, apresentações culturais, exposições e debates sobre a realidade das aldeias no Estado.

Veja Mais
Final de semana tem a volta de Anjos da Noite, comédia nacional e animações
Semana tem ação com a volta de Jack Reacher, além de ficção e terror

Um dos convidados mais preparados do evento é o professor tupinambá Casé Angatu, mestre em História peal PUC de São Paulo e doutor em História da Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP (Universidade de São Paulo).

Nesta segunda, as atividades começam com o Cinema a Céu Abertura e a exibição do filme produzido em oficinas com índios guarani.

Também estão programados rituais com rezadores e danças tradicionais das etnias sul-mato-grossenses. Amanhã, haverá inauguração dos bustos, do artista Paulo Parlagreco, de Marçal de Souza e Marta Guarani, no Parque das Nações Indígenas.

Confira abaixo a programação divulgada pelo governo do Estado:

Dia 25

Morada dos Baís

19h – Abertura Oficial
Cinema a Céu Aberto – Documentário “Ava Marandu” – realizado de janeiro a junho de 2010 em MS, que traz os guarani falando da realidade em que vivem e expressando sentimentos diante do contato com as possibilidades do audiovisual e da fotografia no contexto da memória, da luta e da resistência a tentativa de extinção.

Mediação de indígenas e Profº Casé Angatu (Tupinambá). Indígena e morador no Território Indígena Tupinambá de Olivença (Ilhéus/Bahia). Doutor em História da Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo-FAUUSP. Mestre em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Autor dos Livros: Nem Tudo Era Italiano. São Paulo e Pobreza na Virada do Século XIX-XX (Annablume/Fapesp. 2006 – 3a. Edição) e Identidades Urbanas e Globalização: constituição dos territórios em Guarulhos/SP (Annablume/Sinpro. 2006).

Dia 26

Parque das Nações Indígenas

8h – Ritual com os representantes das etnias (dança e rezadores) e inauguração dos bustos, do artista Paulo Parlagreco, de Marçal de Souza e Marta Guarani no Parque das Nações Indígenas;

9h – Cortejo e visita mediada até o Museu das Culturas Dom Bosco.

Museu de Imagem e Som (MIS)

13h30 – Abertura da Exposição Fotográfica “Kuña Porã: matriarcas Kaiowá e Guarani” – Fabiana Fernandes
Curso: História e Culturas Indígenas: troca de saberes, abordagens, pesquisas e possibilidades em educação com Prof. Carlos Casé, (Tupinambá).

19h30 – Exibição do vídeo “ Flor Brilhante e as cicatrizes na pedra” e “A procura de Marçal”, no Museu da Imagem e do Som, (MIS)

Dia 27

Museu de Imagem e Som (MIS)

8h às 16 h – Manhã e tarde continuação do curso História e Culturas Indígenas: troca de saberes, abordagens, pesquisas e possibilidades em educação com Prof. Carlos Casé, (Tupinambá).

19h30 – Exibição dos vídeos : “ A nação que não esperou por Deus”

Dia 28

ABERTURA DO I FÓRUM DE MULHERES INDÍGENAS E ENCONTRO COM CACIQUES

Teatro Aracy Balabanian

8 h – Inscrição / Credenciamento

9h – Apresentação Cultural;

Dança Siputrena – Mulheres da TI Taunay/Ipegue

Fanfarra da Escola Indígena Tekorá Guarani – TI/Aldeia Porto Lindo Município de Japorã;

9:30h – Hino Nacional Brasileiro;
Cantado no Idioma Terena
Artista Indígena Eliseu Lili (Terena).

10h – Pronunciamento de Autoridades

13h30 – Palestra – “Lei Maria da Penha”
Drª Ana Lara de Castro; Promotora das 48ª Promotoria de Justiça da Vara da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher.
Mediadora: Mirna Greff Lili – (Terena), é Aspirante a Oficial da Policia Militar MS, Serve no 7ª Batalhão da Policia Militar com sede em Aquidauana.

Dia 29

8h30 – Palestra – “Mulheres Indígenas: Família, Educação e Saúde”;
Profª Drª Sonia Grubits – Pesquisadora, Psicóloga e professora titular da graduação e Programa de Doutorado e Mestrado Pós Graduação em Psicologia da UCDB

10h – Palestra – “Inserção da Mulher Indígena na política”
Vice Governadora Prof Rose Modesto
Mediadora: Daiane Vilharva – Guarani Ñadeva
Vereadora no município de Japorã MS

13h30 – Palestra – “Mulher Indígena e a Globalização”;
Mestre em Antropologia Lindomar Lili Sebastião, Doutoranda em Antropologia, na Pontifícia Universidade Católica (PUC – SP)
Mediadora: Profª Terena Elinéia Luiz Paes Jordão

De 25 de abril a 6 de maio

7h30 às 17h30h
Exposição de pinturas e fotografias -Terra de índio do Coletivo Terra Vermelha.
Local: Saguão do Memorial da Cultura Apolônio de Carvalho
Av. Fernando Corrêa da Costa, 559




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.