A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

03/04/2012 16:10

Joel Pizzini vence em maior festival de documentários do Brasil

Ângela Kempfer
Joel Pizzini venceu na categoria nacional. (Foto: Divulgação)Joel Pizzini venceu na categoria nacional. (Foto: Divulgação)

O cineasta sul-mato-grossense Joel Pizzini foi um dos grandes vencedores do festival internacional “É Tudo Verdade”, o mais tradicional evento de divulgação de documentários do Brasil, com a participação de filmes de diversos países.

Veja Mais
Parque das Nações terá Jota Quest de graça, além de Curimba e Bella Xu
Morre ator e comediante Guilherme Karan aos 58 anos

O “Planeta Caracol", do coreano Seung-Jun Yi ganhou como Melhor Documentário Longa-Metragem na categoria internacional, e "Mr. Sganzerla - Os Signos da Luz", de Pizzini, foi o melhor longa brasileiro.

O filme fala do cineasta Rogério Sganzerla que em 1968 rodou e consagrou O Bandido da Luz Vermelha como um clássico do cinema brasileiro, além de outros 16 longas, entre eles, cinco documentários, um deles sobre Noel Rosa.

Ao lado de Julio Bressane, na da produtora Belair, ele chegou a filmar seis longas-metragens em menos de três meses. Era conhecido pela transgressão, pela ruptura com o Cinema Novo, pela estética do escracho. Sganzerla morreu em 2004, depois de regravar O bandido da Luz Vermelha com Alexandre Borges no elenco.

Premiado - Joel recebeu o Prêmio Abraccine “pela reconstrução caótica de um universo autoral; pelo tratamento ousado e sem didatismo de um tipo de cinema; por oferecer caminhos criativos para o entendimento de um personagem relevante na filmografia brasileira”, justificou o júri, formado pela psicanalista Miriam Chnaiderman, pelo produtor e diretor Zelito Viana e pelo documentarista Rodrigo Siqueira.

No total, a competição envolveu 80 filmes de 27 países, exibidos entre 22 de março de 1 de abril em São Paulo e no Rio de Janeiro. O longa será novamente exibido no dia 10 de abril, agora em Brasília.

Joel Pizzini recebeu o prêmio no domingo, ao lado da a mulher, Paloma Rocha, e a sogra, Helena Ignez, viúva de Sganzerla.

.

Filme fala do cineasta Rogério Sganzerla.Filme fala do cineasta Rogério Sganzerla.



Parabéns Joel, tenho acompanhado sua carreira desde o início e você merece todo esse sucesso. Continue nos presenteando com a produção de documentários relevantes como esse e todos os que você já nos presenteou.
 
cida squinelo em 03/04/2012 05:02:20
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.