A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

01/06/2016 06:10

"Lobos" que aparecem toda madrugada viram lenda urbana no Terminal Bandeirantes

Thailla Torres
Por conta da movimentação, pessoas temem que os lobos sejam atropelados. (Fotos: Thailla Torres) Por conta da movimentação, pessoas temem que os lobos sejam atropelados. (Fotos: Thailla Torres)

Há três meses, as madrugadas não são as mesmas no Terminal Bandeirantes, na região sul de Campo Grande. Tem gente que jura ver "visitantes selvagens", uma família de lobos. Pode ser um cachorro, mas ninguém acredita nisso e a história virou lenda urbana na região.

Veja Mais
Caligrafia da escola rendeu à Marystella a profissão de designer de lousas a giz
Luis ganhou o título de presidente e hoje é dono da própria cadeira no bar

O fato é que os animais existem. Várias pessoas já viram dois buscando comida. Eles reviram a lata do lixo e se tornaram atração por ali.  

Alguns acham que são dois lobinhos, outros falam em três...Todos concordam que a aparição ocorre sempre por volta das 3h da madrugada. Surgem de um matagal que fica ao lado do Terminal Bandeirantes. Os animais, segundo quem trabalha ou mora por ali, já estão acostumados com a rotina do pessoal e chegam cada vez mais perto das pessoas. Mas basta um movimento ou uma tentativa de capturá-los, que ele desaparecem rapidamente.

Trabalhando como fiscal há 7 anos no transporte coletivo, Ivaldo Benedito, de 52 anos, conta que toda madrugada vê os animais e que todo mundo garante que são lobos. "Eles são bem bonitinhos, geralmente quando não tem ninguém, eles buscam comida no lixo. Mas eu evito chegar perto.", afirma.

Laércio diz que já viu o lobo maior. (Foto: Thailla Torres)Laércio diz que já viu o "lobo maior". (Foto: Thailla Torres)
Julio garante que são lobos de verdade. (Foto: Thailla Torres)Julio garante que são lobos de verdade. (Foto: Thailla Torres)

Laércio Trois, de 55 anos, é vendedor ambulante e chega lá pelas 4h no local. Ele conta que não tem medo dos lobos e lembra do tempo que morava na fazenda. "Eles são mansos, eu já vi lobo muito maior, na fazenda já laçamos lobo guará. Esse aqui não faz nada com ninguém", garante.

"Eles tem que voltar para a natureza", pede Júlio Ledesma, de 55 anos, ambulante há 10 anos em Campo Grande. Na avaliação dele, a história já está virando lenda, porque ninguém consegue pegar os animais. "É lobo mesmo, lobo de verdade. Eles já acostumaram a comer chipa", conta. 

Os lobos saem na madrugada e retornam para o "esconderijo" antes do amanhecer. Tem até gente que resolve conversar com os bichos. "Eles chegam bem pertinho de mim, eles não uivam, mas se alguém tenta pegar ele saem correndo. Eu até pergunto pra eles: 'o que você tá fazendo'", comenta a vendedora Sol Gomes.

Mesmo perambulando pelo terminal, os animais ficam a uma distância de 2 metros das pessoas. De tamanho pequeno, são ariscos e tem uma pelagem marrom e branca. Os vendedores afirmam que já chamaram a polícia uma vez, mas como eles são rápidos, se esconderam no mato. A única foto de um dos animais, que circula pelos celulares no Terminal, foi feita bem de longe.

A única foto de um dos animais, que circula pelos celulares no Terminal, foi feita bem de longe. (Reprodução celular)A única foto de um dos animais, que circula pelos celulares no Terminal, foi feita bem de longe. (Reprodução celular)

Lenda ou não, conforme a PMA (Polícia Militar Ambiental), é necessário entrar em contato com a polícia para que seja realizada uma operação de captura. A recomendação é que as pessoas não alimentem e nem tentem encostar no animal. "A gente faz um recolhimento com base no risco, tanto para a população, quanto para o animal", explica o major Edmilson Moura Queiroz. 

Ele explica que não é comum, mas acontece de lobinhos ou cachorros do mato saírem de alguma mata próxima e se perderem na cidade. A orientação é evitar o contato. "Se for uma prenha que esteja com o filhote, pode acontecer um ataque ou até mesmo não se sabe se animal está com raiva", esclarece o major. 

Qualquer um pode entrar em contato e solicitar a captura de animais silvestres pelo telefone: 3357-1500. 

Curta o Lado B no Facebook.

Segundo os trabalhadores, os lobos se escondem neste matagal e só saem de madrugada. Segundo os trabalhadores, os lobos se escondem neste matagal e só saem de madrugada.



Eu já vi um destes lobinhos durante a madrugada, mas foi na Av. Fernando Correia da Costa, em frente à MACE.
 
Vandeilton Dias em 02/06/2016 00:47:29
Eu já vi um destes lobinhos na madrugada, mas na Av Fernando Correia da Costa, em frente ao MACE, há 1 ano atrás.
 
Vandeilton Dias em 02/06/2016 00:46:28
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.