A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

25/02/2014 06:32

Aprovado na UFMS, estudante vai viajar de São Paulo a Campo Grande de bicicleta

Anny Malagolini
Estudante vai enfrentar mais de mil quilômetros de estrada. Estudante vai enfrentar mais de mil quilômetros de estrada.

Aprovado no curso de Filosofia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Plínio Velho, de 30 anos, resolveu vir de São Paulo, onde mora, até Campo Grande, de bicicleta. São mais de mil quilômetros e um roteiro montado por ele.

Veja Mais
Uber multado, reajuste de ônibus e cidade sob chuva bateram recordes nas redes
Do Corinthians ao canteiro de obra, zagueiro que virou servente tem nova chance

Campo-grandense, os últimos seis anos o universitário passou na capital paulista. Com a nova oportunidade, Plínio diz que trancou a matrícula no curso de Administração, no Mackenzie, largou o emprego e já partiu sobre duas rodas. 

O roteiro inclui as cidades de Botucatu, Pirajaí, Bauru, depois Três Lagoas e enfim Campo Grande. Serão aproximadamente 4 dias e 3 noites de viagem. A ideia inicial é percorrer até 300 quilometros por dia, pedalando até 10 horas. A saída de São Paulo ocorreu às 2 horas da manhã de sábado passado.

Plínio afirma que a decisão de viajar de bicicleta não tem nenhuma relação financeira. “Em São Paulo, a locomoção é difícil, então, só uso bicicleta”, conta. Segundo ele, a aventura deve custar R$ 500,00, mais do que uma passagem, de ida e volta, para o mesmo destino, comprada antecipadamente. 

Para aguentar a viagem, a bicicleta foi modificada e um bagageiro foi agregado para levar roupas e alguns objetos pessoais, um custo extra.

única medida de segurança adotada será não viajar durante a noite. Toda a aventura é em defesa da sustentabilidade, que para o estudante é um tema recorrente na rotina.

Além de vivenciar realmente a filosofia escolhida para a vida, ele quer que a aventura sirva de exemplos para outras pessoas, como uma forma de abandonar ou criar novos recursos para diminuir o uso de carros e motos. “Depois que eu comecei a andar de bicicleta, vários amigos também compraram”, comenta.

Preparado para o cansaço e as dificuldades do caminho, já que o roteiro inclui uma serra, Plínio comenta que essa não será sua primeira experiência em viagens longes de bike, porém, será o percurso mais longo enfrentado por ele. “Já fiz viagens de curtas distâncias, de 100 a 200 quilômetros”. Em cada cidade do roteiro, Plínio já tem amigos para uma noite de descanso.




"percorrer até 300 quilometros por dia, pedalando até 10 horas" com todo respeito ao corajoso ciclista, mas é uma meta bastante ambiciosa, pois com bikes mais leves e melhor preparadas muitos ciclistas amadores sofrem e muito para manter 30Km/h em 100km agora imagine em 300Km, claro que como foi tido e "até 300Km" mas para isso eu colocaria um tempo mais dilatado algo em torno de 15h para 300Km que é a média que o pessoal que faz o Audax consegue. No mais é ir seguindo com calma e conforme o corpo permite, sempre respeitando seus limites.
 
Luciano Yamauchi em 25/02/2014 08:55:30
Conheço bem o Plínio e acompanho as aventuras dele faz tempo :)
Fico feliz por mais essa empreitada sua, meu velho. Desejo que tudo corra tranquilamente, em segurança.
Quando chegar a Campo Grande, avisa a gente. Faz tempo que não nos vemos.
Abraços!!
 
Guaraci Mendes em 25/02/2014 08:16:37
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.