A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

23/12/2015 16:05

Huck e Angélica enviam lembrança a piloto que salvou família de desastre

Michel Faustino
Bilhete anexo a caixa desejando felicidades ao piloto e família. (Reprodução)Bilhete anexo a caixa desejando felicidades ao piloto e família. (Reprodução)
Filho do piloto postou uma foto da lembrança no facebook e agradeceu o carinho dos apresentadores. (Foto: Reprodução)Filho do piloto postou uma foto da lembrança no facebook e agradeceu o carinho dos apresentadores. (Foto: Reprodução)

Os apresentadores Luciano Huck e Angélica enviaram uma lembrança nesta semana à família de Osmar Frattini, 52 anos, piloto do bimotor que transportava a família do casal e precisou fazer um pouso forçado em uma fazenda, a 21 quilômetros de Campo Grande. O episódio ocorreu em maio deste ano e a habilidade do piloto foi fundamental para evitar uma tragédia. No voo estavam os três filhos do casal e duas babás.

Veja Mais
Antes de programas, Angélica e Huck relembram susto e agradecem
Amigos e familiares fazem "vaquinha" para ajudar piloto "herói" em acidente

Em seu perfil na rede social Facebook, o filho de Osmar, Amaury Frattini, publicou ontem (22) uma foto da lembrança e agradeceu pelo carinho dos apresentadores. “Presente de Natal recebido da @angelicaksy e do @lucianohuck, agradecemo (sic) a lembrança e pelo carinho!”.

Na imagem, o bilhete anexo a uma caixa traz mensagem assinada por Huck e Angélica.desejando felicidades, sucesso e um prospero 2016 à família do piloto 

No último sábado (19) o apresentador Luciano Huck comentou sobre o episódio em seu programa (Caldeirão do Huck) e na ocasião agradeceu os funcionários da Santa Casa de Campo Grande, responsáveis por prestar os primeiros socorros à família.

Acidente– A família de Luciano Huck embarcou na cidade de Miranda, distante a 201 km de Capital, onde Angélica gravava cenas do programa “Estrelas”, com destino ao Aeroporto Internacional de Campo Grande. A 10 minutos de Campo Grande, uma luz amarela indicou que havia uma pane na bomba de combustível.

Imediatamente, o piloto mudou bomba de combustível, mas o problema persistiu. “Eu acredito que seja algo no filtro de combustível. Era um avião normal, revisado. Nós temos uma oficina própria”, analisou Osmar.

O avião começou a perder velocidade e altura rapidamente, então, para não se chocar contra morros que estava mais a frente, o piloto decidiu pousar na Fazenda Palmeira, na rodovia MS-080. “Não quis que isso acontecesse, não foi por minha culpa. Estou muito arrasado com a situação”, comentou Osmar sobre o seu primeiro acidente em 31 anos de experiência.

Sobre sua internação na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Universitário, o piloto se indignou com o descaso da saúde. "Precisou o Luciano e o governador intervirem para que eu pudesse ser transferido para a Santa Casa", criticou Osmar.

Ambulâncias transportando a família de Angélica deixaram Santa Casa (Foto:Fernando Antunes)Ambulâncias transportando a família de Angélica deixaram Santa Casa (Foto:Fernando Antunes)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.