A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

29/10/2016 15:45

Mariano teria sido vítima de um golpe, mas assessoria nega

Naiane Mesquita
Munhoz e Mariano em foto divulgada durante internação do cantor em hospital Munhoz e Mariano em foto divulgada durante internação do cantor em hospital

Após o acidente que o cantor Mariano, da dupla com Munhoz, sofreu no quadro Saltibum, do Caldeirão do Huck, veículos de comunicação noticiaram que o empresário do músico, Joaquim Júnior teria sido vítima de um golpe. Em contato com a assessoria de imprensa no início da semana, a informação foi negada.

Veja Mais
Após 26 anos usando drogas, João despertou em fevereiro e diz que não é exceção
Na experiência de ser Noelete por 1 dia, descobrimos como nasce trauma de Natal

As notícias circulam desde o dia 24 de outubro, mas hoje foram publicadas também na coluna do colunista Leo Dias, do Jornal O Dia. Segundo a nota um falso médico ligou para a produção do Caldeirão do Huck, dizendo que a equipe do hospital havia descoberto uma ‘leucemia viral’ e que o plano de saúde não cobria a medicação que seria usada. Para isso, era preciso fazer um depósito no valor de R$ 9,8 mil na conta do falso médico Paulo Castro.

O produtor, então, deu o telefone do empresário da dupla Munhoz e Mariano, Joaquim Jr. O depósito foi feito e só então o golpe foi descoberto. A equipe do Barra D’Or emitiu um comunicado alertando aos familiares dos pacientes internados sobre possíveis golpes, mas sem citar Mariano.
A assessoria de imprensa do cantor nega e afirma que tudo não passa de “lorota”.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.