A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

18/04/2013 07:42

O caso do jornalista que quase foi preso por fotografar um tomate

Ângela Kempfer
Denilson e a briga com a funcionária por conta do tomate.Denilson e a briga com a funcionária por conta do tomate.

O tomate ganhou o status de personalidade nacional e, por isso, sempre que o nome dele aparece na história, o roteiro ganha tom “dramático”.

Veja Mais
Briga por foto de tomate foi causada por funcionária de fornecedor, diz mercado
Aos 56 anos, Márcia é parceira do filho do tênis de LED ao Pokémon Go

Mas desta vez quem se deu mal por conta do dito cujo não foi o dono do restaurante. Ontem, o jornalista Denílson Pinto quase foi parar na delegacia por desordem porque resolveu fotografar o astro da estação em Campo Grande.

Na função de chefe de família, não de repórter, Denilson foi ao Carrefour onde a bronca começou justamente porque a estrela do momento está perdendo a majestade.

Em oferta por R$ 1,98, a plaquinha do supermercado deixou o jornalista tão entusiasmando, que resolveu fotografar o “espetáculo” econômico.

“Passaram alguns minutos e lá veio a encarregada, acompanhada de segurança e tudo mais, falando que era proibido fotografar o tal tomate (absurdo), querendo arrancar meu iPad da mão para ver as fotos”, contou Denilson aos amigos no Facebook.

O colega então foi à loucura, como ele mesmo traduz, e passou a gritar no meio dos hortifrutis: "Chama a Polícia, chama a Polícia!".

A funcionária falava baixo, mas fez o cliente sair do sério definitivamente quando o chamou de ignorante. “Foi a gota d’água e o barraco literalmente foi armado. Só faltava isso na minha vida, ser detido por fotografar tomates!”, brinca agora, depois de toda a confusão.

O que o jornalista queria desde o princípio era fotografar o tomate para depois postar no Facebook com algo do tipo: “finalmente iria poder comer tomate à vontade, depois de um mês passando vontade.Tenho até medo de comer eles, depois desta, pode me dar uma baita dor de barriga ou morrer por overdose de agrotóxicos”, comenta.

Ele não teve de ir à delegacia, os seguranças contornaram tudo, mas que o constrangimento foi grande foi. “Maldito tomate”, resume.

 

A foto que deu origem à confusão.A foto que deu origem à confusão.



Simples, colocasse o seu iPad em cima do carrinho e declarasse que não autorizava ninguém a tocá-lo. Se a coordenadora pegasse ela poderia ser qualificada em furto.
Se ela olhar suas fotos é invasão de privacidade (é como olhar sua correspondência).
Enfim... depois era só pegar um bom advogado e curtir a quantidade de processos contra o mercado.
 
Renato Martinez em 07/06/2013 23:06:42
é....nunca imaginei que neste país um tomate pudesse causar uma revolução...

acho que não vou nem contar mais a piadinha dos 2 tomates...vai que vou preso!
 
marcel dos santos nobre em 22/04/2013 15:08:46
Quer dizer que não podemos tirar fotos em estabelecimentos privados, mas eles podem colocar câmeras para todo lado e ter nossa imagem???
eh ôô vida de gado! povo marcado ê! povo feliz!
 
Rosiléia Nantes em 19/04/2013 09:13:08
Neyde de Oliveira você tem razão, verdadeira palhaçada esses mercados em questão do preço parece pegadinha nunca bate o preço do sistema com a da etiqueta, fora aqueles que leve 3 por 2 ou só se possuir o cartão do estabelecimento, fora produtos que tem desconto e toda vez tem que aguardar até o fiscal chegar. Deveria ter uma fiscalização em cima para que isso não ocorresse com o cliente.
 
Diego Queiroz em 19/04/2013 07:23:23
Pior aconteceu comigo. Fui ao Comper Ipê comprar peixe. Esperei bastante para o peixeiro limpar o peixe, qd o mesmo que era aprendiz falou que não iria fazê-lo. Fui chamar a gerencia, falei o horário que cheguei ele me chamou de mentirosa. Eu poderia provar que tinha chegado no horário que falei, era só olhar as camara de segurança. Mas fiquei tão indignada com a atitute do " gerente" que resolvir ir embora.
O peixeiro oficial que se chama Luìs Carlos é um amor, educado, sabe trabalhar com o público, mas infelizmente estava no horário de almoço. Fora gerente!!!
 
Francisca Mesquita em 19/04/2013 06:58:20
A funcionaria demostra mesmo a falta de capacitaçao pork nao e de hoje que essa falta de respeito aos clientes acontece e des de sempre e com muitos palavroes a qualquer cliente deve sim ser demitida parabens Denilson.
 
Adriana Moraes em 18/04/2013 22:01:26
E pela aparencia dos tomates, já era desespero, ou vende, ou vai tudo pro lixo...é isso aí Denilson, valeu pela sua atitude.
 
elcio nunes em 18/04/2013 21:22:36
Parabéns pela reportagem, retrata como tudo aconteceu, aqui vai apenas alguns esclarecimentos:

1 - Fui procurado agora pouco pela Rede Carrefour, que lamentou o episódio e pediu desculpas.

2- Apesar de ser jornalista, não estava alí a trabalho e sim como consumidor.

3 - Só não fui detido pelos seguranças por conta de que resolvi parar de tirar fotos, senão, o caso iria parar na delegacia sim.

3 - Quanto ao direito de imagem deste senhor e senhora, eles foram avisados que elas era para meu face.

4 - Filmar com circuito interno eles podem e nós não podemos fazer imagem?

5 - Quantas imagens de nós são autorizadas pela rede Carrefour que passam em reportagens para vender o "peixe" deles, sem sequer termos dado autorização?

6 - Consumidores! Lutem sempre por seus direito! #ficadica
 
denilson pinto em 18/04/2013 17:31:32
Sempre soube, que é proibido fotografar no interior de lojas. Mas, há duas semanas atrás no extra da maracaju, fotografei as areias higiênicas em promoção e ainda não apaguei, como sempre na hora de pagar é outro valor, chamam o supervisor de venda e o mesmo confirma erro. Já estressada, com a demora e toda palhaçada,subi fotografei e desci com as placas de promoção em mãos, ninguém se desculpou, não perdi a oportunidadede tirar um sarrinho da galera,rs,rs,rs...
Devolta ao meu amado refúgio(Curitiba), há pouco fui trocar uma mercadoria no supermercado Angeloni(rede catarinense), o atendimento deles é sempre maravilhoso, pessoal bem capacitado. Contrário de grandes redes, inclusive estrangeiras como o Carrefour.
 
Neyde de Oliveira em 18/04/2013 16:51:02
O problema não é tirar foto do tomate, mas fotografar um estabelecimento privado sem a devida autorização. Neste ponto deve-se dar razão à funcionária.

Vejam por exemplo esse senhor que aparece escolhendo o fruto da discórdia: não pediu para aparecer e está aí, com o rosto estampado. Renderia um belo processo ao "fotógrafo" pelo uso indevido da imagem. Inclusive o próprio Carrefour tem esta opção.

E não iam prendê-lo, quem falou em polícia foi o próprio jornalista que berrava para todo o mercado ouvir.

Em tempos de redes sociais não podemos achar que tudo é possível...
 
Helio Silva em 18/04/2013 15:14:34
Que absurdo essa coisa de querer prender o jornalista por causa de uma foto de tomate, que falta de bom senso??????????????????.
 
maria inacia rocha em 18/04/2013 13:34:37
Primeiro foi a Dilma que pisou no tomate e por pouco o amigo Denilson não escorrega no tomate. Hilário!!! Viva isso é Brasil, onde tomar um copo de cerveja a sair dirigindo dá cana, mas cheirar uma carreira e fumar um baseadinho pode, sem problemas,,,
 
Ricardo Ojeda em 18/04/2013 12:28:56
Não é engraçado é vergonhoso...PROCESSE!!!
 
sandra lima em 18/04/2013 12:14:11
E chegamos ao tempo em que os tomates são mais estrelas que o Luan Santana! Só falta agora o Bernal dar "birra" pq os tomates estão mais falados que ele, ultimamente! Legal que o pobre do nosso amigo só queria comemorar a baixa no preço e acabou quase preso! É cada coisa... Por isso eu falo que o mundo tá perdido!
 
Tuani Mendonça em 18/04/2013 11:04:45
PRA QUE IR NO CARREFOUR? ESTACIONAMENTO CARO E QDO ACHA VAGA PRA ESTACIONAR, MAU ATENDMENTO, FILAS ENORMES NO CAIXA, PRATELEIRAS FALTANDO PRODUTOS, FUNCIONARIOS DEPREPARADOS, PRODUTOS CAROS.
EU ACHO QUE TINHAMOS QUE BOICOTAR ESSE MERCADO. TMOS WALLMAR, EXTRA E EM BREVE PAO DE AÇUCAR.
 
LUCIANO MARQUES em 18/04/2013 10:32:00
na sua casa, cada um coloca as regras que quiser,nao pode entrar em qualquer lugar e achar que e a casa da mae joana.
 
max almeida em 18/04/2013 09:52:30
O equívoco do grande Denilson foi ter achado que poderia postar o tomate no FACE quando o correto seri postar no AL-FACE...

Abraços
 
Victor Currales em 18/04/2013 09:51:50
Mais absurdo ainda foi o que aconteceu conosco: Minha esposa foi vítima de furto no caixa 10 do CARREFOUR no dia 05/04/2013, procurei SAC, Segurança, encarregados das filmagens e sabem o que aconteceu????????????????? NADA!
Não deram a mínima, mas o pior foi o seguinte: O chefe de segurança Sr. Isaac e o gerente, Sr. Celso, me afirmaram que não poderiam fazer nada, pois as câmeras de segurança simplesmente não funcionam e que as que estão operando, focam apenas na perfumaria e eletrônicos, sinal de que estão preocupados somente com a SEGURANÇA DE SEUS PRODUTOS. E OS CLIENTES???????? Moral da história: Prejuízo moral e financeiro.
Peço favor publicar, para que sirva de alerta aos consumidores daquele estabelecimento. Meu nome e e-mail são verdadeiros.
 
José Fernandes de Moura em 18/04/2013 09:40:47
Aí , Luiz Alves , Vc Ta Com Pessimo Humor , Nego Véio. Isso Nao é Bom Para o Coração. Leva a Vida Mais Numa Boa e Vc Vai Ver Como é Bem Melhor. Mas , Quanto ao Episódio dos Tomates aí, Eu Rachei de Rir kkkkkkk Imaginando a Cena Digna de Comedia Americana. Valeu ao Site Por Dividir Com a Gente Estas "Perolas" do Nosso Dia-a-Dia.
 
Gildo Oliveira em 18/04/2013 09:08:32
Os supermercados de renome no Brasil possuem regras específicas para tiragem de fotografias no interior de suas lojas, de maneira que com isso possam ser protegidos os layouts, extratégias de vendas e técnicas de abordagens.

Ao contrário do que as pessoas pensam isso é uma forma de proteger a marca.

Obs: A mesma coisa aconteceria no COMPER, EXTRA, WALLMART, etc.
 
Washington Andrade em 18/04/2013 08:59:30
Hilário.kkk.Mas o Carrefour é assim mesmo, eu também fui proibida de tirar fotos lá dentro, e eu estava fotografando a minha neném.
 
Marcia França em 18/04/2013 08:54:29
Por coisas do genero, aqui em Dourados, o Extra que sempre estava cheio de gente no inicio, agora o que se ve e funcionario conversando nos cantos, sem ter muito o que fazer.
 
Jorge Junior em 18/04/2013 08:52:55
kkkkkkkkkkkkk
 
Gilberto Bras em 18/04/2013 08:50:37
Pô Denílson você é muito ignorante!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk (Brincadeira) Parabéns pela foto, ri muito!!
 
Marcos Guimarães em 18/04/2013 08:46:55
...parabens Denílson agora vc tem uma nova profissão "pararazzi" de tomates...mas cuidado eles tem forte esquema de segurança e uma excelente empresaria...kkkkkkk
 
Ester Menacho em 18/04/2013 08:27:24
A atitude da funcionária demonstra a falta de capacitação. Quanto à foto, ficou lindaaaa...Viva o tomate!!! Bom retôrno às nossas mesas e saladas...
 
cida guerra em 18/04/2013 08:27:20
KKKKKKKKKKkkkk seria comigo se não fosse verdade!!!!! Esses dias fiquei super feliz, fiz uma salada em minha casa, digna de rico tinha tomate, e agora vem essa o jornalista quase foi preso, ao tentar fotografar TOMATE???? Vou postar no face!!!! kkkkkkkkk
 
Valdecí Batista Santos em 18/04/2013 08:25:11
Nao sou da area juridica mas sempre ouvi que "ninguem fará ou deixará de fazer alguma coisa se não em virtude de lei". Como frequentador do referido estabelecimento, nunca vi nenhuma placa dizendo que é proibido fotografar o interior da loja. Como fica esta situação???
 
Alex André de Souza em 18/04/2013 08:19:13
Esses supermercados tem cada uma,oque que tem tira foto.....soh por Deus esse Brasilzão......
 
valdo araujo em 18/04/2013 08:17:51
É mais uma situação de funcionário despreparado, a coitada vai ser demitida e o Carrefou vai perder uma graninha, e a vida segue...
 
Marco Aurélio em 18/04/2013 08:14:55
Mas também podera, o cara estudar tanto para ser bobão. A pouco tempo o feijão subiu o preço e caiu, a carne e outros, agora ficam fazendo apologia a um produto, coisa de ruralista que nunca foi na cidade. Cada bobeira que vemos e e lemos. Se um produto está caro, não compra, amanhã tem que baixar para vender e circular a mercadoria, o mercado vive disso.
 
luiz alves em 18/04/2013 08:14:32
Essa "senhora" deve ser a reencarnação caricata do famoso delegado Fleury (símbolo da repressão dos milicos nos anos 60 e 70).
 
Kaio Gleizer em 18/04/2013 08:11:28
EU GOSTARIA DE SABER SE O CARREFOUR TENTOU IMPEDIR FAZER A FOTO OU TENTOU IMPEDIR A PESSOA DE USAR SEU CEL PRA POSTAR NA INTERNET?? SOB QUAL PRETEXTO??? POR QUAL RAZÃO O CARREFOUR TENTOU IMPEDIR QUE FOSSE FOTOGRAFADO O TOMATE OU SÓ PORQUE ERA DO CARREFOUR JÁ QUE ELES TINHAM MESMO O MENOR PREÇO DA CIDADE E SE CAISSE NA NET PRA ELES SERIA UMA PROPAGANDA ENORME??
 
FIORAVANTE TEREZA NETO em 18/04/2013 08:02:33
Paparazzi de tomate? kkkkkkkkkkk
 
Luciano Bandeira em 18/04/2013 07:46:35
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.