A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 29 de Novembro de 2014

14/05/2013 07:04

Tatuagem para esconder uma cicatriz e acabar com a vergonha

Anny Malagolini
Dina fez tatuagem para esconder marcas de garota. (Foto: João Garrigó)Dina fez tatuagem para esconder marcas de garota. (Foto: João Garrigó)

Algumas pessoas preferem ter um desenho a uma cicatriz. Hoje, até as marcas mais traumáticas, como a de retirada da mama no caso do câncer, se transformam com a arte dos tatuadores. 

Veja Mais
Em concurso de Miss surge a beleza escondida pelo tráfico de drogas
Fofas, crianças fazem muita gente rir e roubam a cena em festas de casamento

Há 17 anos, em uma brincadeira com os amigos, Dina, de 34 anos, foi se tatuar com um lápis na perna direita. Nem é preciso dizer que foi uma “técnica” nada indicada. Claro que a brincadeira rendeu marcas, que fizeram com que ela deixasse de usar saia ou shorts curtos desde então, por vergonha.

Ela conta que viu na tatuagem uma maneira de voltar a mostrar as pernas, mas explica que a demora em fazer algo se deu pela falta de coragem e dinheiro. “Não que seja caro em comparação com a autoestima que eu vou ganhar”, comenta Dina, que escolheu tatuar uma borboleta e flores.

“Há pessoas que jamais pensaram em se tatuar, mas a vergonha da cicatriz e o incomodo acabam levando a tatuarem e, sempre gostam do resultado”, diz Adham Wahab.

O tatuador explica que o prazo mínimo para tatuagem sobre uma cicatriz é de a partir de um ano e meio, com autorização do médico. "É preciso ser cauteloso, já que não é possível ver como está embaixo da pele e, por conta disso é preciso um parecer do médico", justifica.

Uma sessão para cobrir a marca da cirurgia tem duração mínima de 3 horas, mas há casos bem mais complexos. Em um desses, o trabalho demorou várias sessões, que somadas renderam 27 horas. Quando a missão é esconder a má cicatrização, geralmente o valor é mais alto, já que exige mais do tatuador.

Em outro estúdio, o tatuador Alexander Galvão, de 34 anos, conta que os trabalhos para esconder cicatrizes não são tão frequentes. “É um pouco mais complicada, porque há algumas que não pigmentam por conta da textura da pele”, lembra, mas concorda que é a melhor solução. "Já houve médicos que recomendaram ao paciente a tatuagem para disfarçar marcas", diz. 

 

Trabalho exige muito, diz tatuador.Trabalho exige muito, diz tatuador.
Quando a tatuagem esconde a mama retirada pelo câncer (Foto: Reprodução)Quando a tatuagem esconde a mama retirada pelo câncer (Foto: Reprodução)


sempre fui contra tatuagens; contudo, nesses casos específicos, vejo que é uma ótima solução; devolve a autoestima, e deixa um belo visual. sobretudo essa da mastectomia; está de parabéns o artista, pela artes demonstrada; e a dona da tatuagem, pela coragem.
 
carmen noemia loureiro de almeida em 14/05/2013 21:32:27
Adorei a reportagem, e principalmente a Arte da tatuagem ficou linda!! Parabéns Alexander Galvão
 
Letícia Pedro em 14/05/2013 09:13:03
Obra de arte, a pessoa que fez a tatuagem da moça que passou pela mastectomia é um artista muito talentoso. Ficou lindo.
 
Luciana Villa em 14/05/2013 08:28:44
imagem transparente

Compartilhe


Copyright © 2014 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.