A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

08/11/2016 07:00

Com peças de R$ 2 a R$ 20 Chic Top vende look de praia ao vestido de festa

Informe Publicitário
Os preços são inacreditáveis diante da qualidade das peças vendidas na Chic Top. Foto DivulgaçãoOs preços são inacreditáveis diante da qualidade das peças vendidas na Chic Top. Foto Divulgação

Os preços são inacreditáveis diante da qualidade das peças vendidas na Chic Top. Com apenas R$ 2,00 no bolso, dá para comprar calcinha de cotton puro. Tem peças infantil por R$ 10,00, short por R$ 15,00, saias e vestidos por R$ 20,00. Nada é mais caro do que isso na loja que ganhou fama pela variedade de produtos e bom gosto para todos os estilos.

Menina que gosta de um look sensual encontra cropped por R$ 20,00. Mas a senhora que precisa de uma bermuda confortável também sai da Chic Top satisfeita, pagando só R$ 15,00. Até para os homens, as prateleiras têm muita pechincha, da cueca boxer por R$ 8,00, à calça de tactel por R$ 20,00. A numeração vai até o GG em todos os departamentos.

E nesses dias que antecedem as festas de fim de ano, o estoque começa a ser reforçado. Há muitos cortes e tecidos bacanas, mas o preço continua o menor da área central.

Nas araras de vestidos, o colorido de verão surge em modelos de jacquard, por R$ 20,00. Pelo mesmo preço, as regatinhas de viscose com renda guipir são outras sugestões perfeitas para um Natal mais fresquinho ou Réveillon na praia.

E as férias são outra desculpa para renovar o guarda-roupas na Chic Top. Do biquíni até a saída de banho, tudo custa no máximo R$ 20,00. "Não compro produto de qualidade duvidosa. Por isso, tudo aqui tem um bom tecido, apesar do preço muito, muito baixo. Também gosto de vender para todas as pessoas, da menina mais descolada, até a evangélica que precisa de uma roupa mais comportada", explica uma das proprietárias da Chic Top, Narhie Sleiman.

E nesses dias que antecedem as festas de fim de ano, o estoque começa a ser reforçado. Foto DivulgaçãoE nesses dias que antecedem as festas de fim de ano, o estoque começa a ser reforçado. Foto Divulgação
Nas araras de vestidos, o colorido de verão surge em modelos de jacquard, por R$ 20,00. Foto DivulgaçãoNas araras de vestidos, o colorido de verão surge em modelos de jacquard, por R$ 20,00. Foto Divulgação

Narhie é uma vencedora. Em 7 anos de trabalho duro, ao lado da filha e sócia Priscilla, ela abriu 6 lojas em Campo Grande. Sempre com preço popular e atendimento de excelência. A primeira surgiu no Bairro Guanandi, a última tem apenas 2 meses, no Taveirópolis.

O segredo do sucesso em tempos de crise? Narhie diz que é a atenção ao cliente. “Eu não mando entregar produto aqui. Viajo, vou até o fornecedor e escolho bem. Mas o que faz mesmo toda a diferença são os funcionários. Todo mundo é treinado para atender com carinho, do jovem ao idoso, do magro ao gordo. Não fazemos distinção. Todo mundo é muito bem recebido”, garante.

Basta observar um pouco para confirmar essa disposição de atender. As funcionárias conversam com quem entra, dão sugestões, falam do produto e se despedem com sorriso até para quem sai sem comprar nada.

Complicado é deixar a loja sem uma sacolinha nas mãos, nem que seja para levar um presentinho de Natal, como o cinto de R$ 10,00. É só procurar e a gente encontra tendências de moda, como os vestidos de ombro de fora, blusas de liganete, saias e vestidos com barra “nuvem”, modinha que faz sucesso entre as mais jovens, por no máximo R$ 20,00.

Tem conjunto infantil por R$ 10,00, short por R$ 15,00, saias e vestidos por R$ 20,00. Foto DivulgaçãoTem conjunto infantil por R$ 10,00, short por R$ 15,00, saias e vestidos por R$ 20,00. Foto Divulgação

A variedade é outra surpresa boa. É possível comprar todo o tipo de lingerie, por exemplo. Tem sutiã com ou sem bojo, com ou sem renda, colorido, estampado, básico, trançado, tomara que caia ou conjuntos de microfibra. “O sutiã tomara que caia bate recorde de venda porque é muito bom e o preço é o menor da cidade”, comenta a proprietária. Não falta opção, inclusive, para mulheres com seios grandes e a necessidade de uma peça mais estruturada.

Para ir à academia, a coleção também é completa, a loja vende da meia de R$ 5,00, ao top de R$ 10,00, short saia ou legging de R$ 20,00.

“E agora vamos trabalhar com muitas peças sofisticadas para o dia a dia, com pedraria e transparências, tudo por até R$ 20,00”, avisa Narhie, que sempre coloca mercadoria nova nas lojas em dias de sexta-feira.

Mãe e filha também tem a Chic Bela, boutique na 14 de Julho com peças um pouco mais caras a preço único de R$ 50,00, incluindo calças jeans.

Em toda a rede administrada por Narhie e Priscilla, outra vantagem é o pagamento facilitado. “Para compras acima de R$ 100,00, parcelamos no cartão de crédito em 2 vezes. Fazemos o máximo para facilitar a vida de quem escolhe a gente para comprar”, diz Priscilla.

Para ir à academia, a coleção também é completa, a loja vende da meia de R$ 5,00, ao top de R$ 10,00, short saia ou legging de R$ 20,00. Foto DivulgaçãoPara ir à academia, a coleção também é completa, a loja vende da meia de R$ 5,00, ao top de R$ 10,00, short saia ou legging de R$ 20,00. Foto Divulgação

Veja os endereços das lojas Chic Top:

Loja 1 – Rua 14 de julho, 2105 - Centro.

Loja 2 –  Rua Yokoama, 2159 - Santo Amaro.

Loja 3 – Avenida Júlio de Castilho, 3127 -  Santo Antônio.

Loja 4 - Rua Capibaribe, 557 - Silvia Regina.

Loja 5 - Rua Albert Sabin, 1137 - Taveiropolis.

Você pode ver mais peças na fan page da loja.

imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.