A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

30/04/2014 06:37

Em Campo Grande, quitandas 100% virtuais vendem frutas e hortaliças

Anny Malagolini
Frutas são higienizadas, prontas para o consumo (Foto: Marcelo Victor)Frutas são higienizadas, prontas para o consumo (Foto: Marcelo Victor)

Ir à feira ou ao supermercado para comprar frutas é dispensável hoje em Campo Grande para quem tem dinheiro. Dois sites só vendem pela internet, com entrega em domicílio.

Veja Mais
Oficina oferece de graça curso básico sobre veículos para mulheres
Escola para crianças de até 6 anos não vai fechar nem nas férias

Para ter a fruta de qualidade garantida e em casa, o cliente tem que pagar bem mais pela mordomia. Uma melancia, por exemplo, custa R$ 16,99, mais a taxa de entrega, que é de R$ 7,99. O valor só cai, se as compras forem acima de R$ 99,00, sem o custo de entrega.

A ideia de criar um site que vendesse frutas foi do engenheiro Civil João Fernando Zaccarias, de 27 anos, que com a ajuda de mais dois amigos, lançou o “A Quitanda”. Ele conta que a dificuldade em encontrar produtos de qualidade nos supermercados da cidade, para ele, era um incomodo. Por isso, teve a ideia. “Em São Paulo é tão diferente, eles prezam a qualidade e não só o preço como aqui”, compara.

João diz que há três meses começou os trabalhos para criar o site. As frutas são compradas e selecionadas por ele na Ceasa de Campo Grande. Segundo o engenheiro, para ter os melhores produtos, o jeito foi apelar aos importados, e por isso o preço é um pouco salgado. “Vamos prezar a qualidade”, justifica.

A profissão que João exerce nada tem a ver com a alimentação, mas é ele e os sócios, que também possuem profissões diferentes, que escolhem as frutas pessoalmente para vender. “Escolhemos na raça, estamos experimentando”, comenta. A variedade ainda é pouca, somente frutas da estação, que são compradas e armazenadas em uma câmara fria.

Os pedidos têm até 12 horas para serem finalizados com a entrega. “Se é feito na parte da manhã, entregamos à tarde, e se for feito a tarde, a entrega será na manhã do dia seguinte”, explica. O objetivo é acrescentar a quitanda virtual legumes, hortaliças, orgânicos e sementes.

Criada em 2012, a “Feirinha em Casa” já oferece frutas, legumes, hidropônicos, orgânicos, verduras e temperos frescos, todos colhidos da horta da empresa. Todo o atendimento é pelo site ou televendas.

A entrega é feira no dia seguinte ao do pedido, escolhida pelo cliente em um calendário com dias e horários disponíveis, informados na página da empresa. O cliente indica quando estará em casa, entre às 13 e 19 horas, assim como já fazem os supermercados.

No site, também é possível ver promoções do dia e ler dicas de conservação.

Nas compras acima de R$ 80,0, a entrega é de graça, para qualquer bairro de Campo Grande. Pedidos no valor de até R$ 39,99 é cobrado mais R$ 7,99 para a entrega, e em compras de R$ 40,00 a R$ 79,99, a entrega custa R$ 4,99.

Em ambos os sites é preciso que o cliente realize um cadastro para fazer as compras.

 “Feirinha em casa” vende produtos produzidos na horta da empresa (Foto: Divulgação) “Feirinha em casa” vende produtos produzidos na horta da empresa (Foto: Divulgação)



Eu compro a mais de 1 ano na feirinha em casa, os preços são excelente , atendimento muito bom, frutas e verduras de boa qualidades tudo limpinho, são muito organizados , foi a melhor coisa q invetaram. Agora so falta ter mercado online tbm...
 
carolina P. em 30/04/2014 09:48:42
Muito bom
Ontem eu comprei na quitanda online e a qualidade realmente me surpreendeu. As frutas são muito boas e já estão limpas, dá pra comer na hora. Não tenho tempo para ir ao mercado, só vou comprar deles agora.
 
Mauro Rondon em 30/04/2014 08:47:38
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.