A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

09/08/2016 06:10

Festa no busão é novidade para quem procura uma balada diferente na cidade

Naiane Mesquita
O visual é bem disco e a decoração abusa das cores e luzes (Foto: Alcides Neto)O visual é bem disco e a decoração abusa das cores e luzes (Foto: Alcides Neto)

De agora em diante, ao observar um ônibus andando a 20km/h com direito a som alto e luzes psicodélicas não se assuste, é apenas um balada convencional acontecendo sobre quatro rodas. A proposta que chegou há dois meses em Campo Grande, na verdade é uma franquia que começou em São Paulo e existe até em Miami.

Veja Mais
Referência em Medicina, cursinho abre inscrições para bolsas de até 100%
Buffet que virou grife tem clima de campo em plena Chácara Cachoeira

Algumas baladas já foram realizadas no ônibus (Foto: Guilherme Calazans)Algumas baladas já foram realizadas no ônibus (Foto: Guilherme Calazans)
Thamara é a proprietária do ônibus balada em Campo Grande (Foto: Alcides Neto)Thamara é a proprietária do ônibus balada em Campo Grande (Foto: Alcides Neto)

A proprietária do Ônibus Balada – Walking Party é a jovem estudante de administração, Thamara Reatte, 22 anos. Ela viu a proposta pela primeira vez durante uma viagem pelos Estados Unidos e mal sabia que a franquia era brasileira. De volta a terra natal, estudou a proposta e decidiu abrir o ônibus para eventos fechados. “É uma locação do espaço. Fazemos festas infantis, festas de aniversário, fizemos também chá de lingerie. O ônibus anda com muita segurança, em média 20 km por hora”, explica Thamara.

Dentro, o espaço é pequeno, mas bem dividido com lounge e bar. Os canos do ônibus servem para segurar, porém, há quem use como pole dance. As luzes dão um efeito de balada completa. “Tudo vai de acordo com a proposta do cliente, se for uma festa infantil muda completamente, colocamos balão, o buffet também será com salgadinhos, comidinhas mais infantis, com bolos falsos”, indica.

Ônibus circula durante a festa (Foto: Guilherme Calazans)Ônibus circula durante a festa (Foto: Guilherme Calazans)

O preço para dar uma volta de 3 horas é de no mínimo R$ 2.700 mil, com capacidade para 50 convidados. O cliente tem a opção de levar as bebidas e as comidas que quiser, mas o espaço também oferece. “Só não permitimos garrafas de vidro. É uma norma da franquia para garantir a segurança de todos”, comenta Tamara. O valor é referente apenas a contratação do DJ, fotógrafo e garçom. “Conforme o cliente contar a ideia, nós podemos adequar a nossa proposta”, frisa.

A ideia no futuro é transformar o ônibus em after party, ou seja, uma opção para quem sai da balada de madrugada ou é expulso dos barzinhos de Campo Grande que insistem em fechar cedo. “A pessoa normalmente não tem para onde ir, fica em dúvida, então estamos pensando nessa opção. Por enquanto, estamos atendendo apenas eventos fechados”, destaca.

Informações sobre o ônibus balada pelo telefone 99926-0404 ou no site www.walkingparty.com.br/




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.