A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

31/08/2016 09:42

Na onda do jogo, tem brinco e encomenda até de porta aliança na versão Pokémon

Naiane Mesquita
Brincos de pikachu em acrílico custam R$ 35,00 (Foto: Fernando Antunes)Brincos de pikachu em acrílico custam R$ 35,00 (Foto: Fernando Antunes)

O Pokemon Go não é mais uma unanimidade, mas ainda há fãs o suficiente para comprar um brinco de pokebola ou encomendar uma porta aliança temática para a namorada. De um jeito ou de outro, o que vale é a criatividade de quem ainda tenta lucrar com a moda.

Veja Mais
Referência em Medicina, cursinho abre inscrições para bolsas de até 100%
Buffet que virou grife tem clima de campo em plena Chácara Cachoeira

Pokebola em formato de porta aliança (Foto: Divulgação)Pokebola em formato de porta aliança (Foto: Divulgação)
A caixinha foi usada em um pedido de namoro (Foto: Divulgação)A caixinha foi usada em um pedido de namoro (Foto: Divulgação)

Na loja Hope, os brincos de acrílico de pokebola foram vendidos rápido. “Só sobrou o de Pikachu”, comenta a proprietária Camila Haidar, 27 anos. O preço é de R$ 35,00. “Viajamos em busca de novidades, para fazer compras para a loja, a ideia é trazer sempre algo diferente. Esses brincos são bem legais, tem de melancia, batom e esse de Pokémon, com a pokebola, que saiu rápido e o Pikachu que ainda está aqui”, explica Camila.

Em Três Lagoas, a artesã e jornalista Augusta Rufino, 25 anos, sempre vai na onda da moda da vez. Já confeccionou bonequinhos do filme Star Wars e agora reproduziu não só os pokémons como também a pokebola, com direito a caixinha de porta aliança para pedido de namoro. “O Pokémon aumentou muito a visibilidade da minha página, que ainda não é uma empresa, funciona em um quartinho na minha casa onde eu e minha vó trabalhamos juntas. Quatro mãos, dois cérebros e dois corações. Sem contar o olhar clínico dela, que sempre me ajuda a melhorar o trabalho” afirma Augusta.

Artesã viu na moda uma forma de aumentar a visibilidade do ateliê (Foto: Divulgação)Artesã viu na moda uma forma de aumentar a visibilidade do ateliê (Foto: Divulgação)

No ateliê tem chaveiros personalizados, almofadas e outros produtos. O legal é que a pessoa pode pedir o Pokémon que quiser. “As pokebolas tem de R$ 5, R$7, R$10 e R$ 15,00 depende do modelo. Faço até em 3D, redondinhas como bola, bordadas com nome e até uma rosa com pérola. Os chaveiros são a partir de R$ 12,00 e são peças únicas porque eu desenho e produzo o molde de acordo com o que a pessoa quer. Os maiores de brincar ou decorar custam de R$ 25,00 a R$ 50,00”, indica.

Augusta faz tudo com o aval da avó, dona Eunice Martins Lopes Rufino, 79 anos. “Ela é costureira, me ajuda bastante na costura. Aprendi mesmo com uma vizinha e treinando também sozinha. Minha avó parou de costurar na década de 90, mas ela já deu aula e costurava para a gente em casa. Apesar de ela nunca ter mexido com feltro, que é o material que eu mais utilizo na confeção, ela sabe costurar qualquer coisa”, brinca a artesã.

O pedido mais interessante até hoje que ela recebeu foi de um porta aliança em formato de pokebola. “Esse porta aliança sai em média 30,00 ele é de isopor, feltro e tinta para tecido. Dentro tem E.V.A. e almofadinha de coração em feltro. Outra encomenda diferenciada foi de um gamer aqui da minha cidade, ele pediu os pokemons em pixel, mas ainda não terminei”, diz.

Informações sobre os chaveiros pela página do ateliê.




Esse mundo ta perdido com esse jogo..
 
Pam em 31/08/2016 10:27:56
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.