A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

14/07/2015 17:15

Nova Miss MS ganha apoio de Cauã Reymond, mas não tem patrocínio

Ângela Kempfer
Camila Greggo, a Miss MS 2015.Camila Greggo, a Miss MS 2015.

Pouca gente ficou sabendo, mas Mato Grosso do Sul já tem candidata ao titulo de Miss Brasil 2015. Camila Greggo, de 22 anos, foi selecionada no início deste mês por uma equipe da Band, que é responsável pelo concurso. Como não há mais um organizador da etapa estadual, a própria emissora escolheu a representante dentre 16 candidatas inscritas via internet.

Veja Mais
De super-herói a câmera analógica, presentes para nerds estão em alta
Oficina oferece de graça curso básico sobre veículos para mulheres

A decisão só não foi melhor para Camila porque a poucos meses da disputa nacional ela ainda não tem qualquer patrocinador. A Band escolheu, mas agora quem precisa se virar para conseguir roupas, tratamentos estéticos e personal trainer é a própria candidata. “Estamos tentando apoio de todas as formas. Pode ser uma loja de roupas, uma academia, ou qualquer valor em dinheiro”, explica o namorado da Miss MS, Renan Pretti.

Ele é um dos maiores incentivadores da estudante de Arquitetura, que já teve a beleza reconhecida em vários outros momentos. Com 1,77 metro, a garota já modelou em São Paulo, na China e nas Filipinas. Em 2010, foi eleita Gata da Stock Car, realizado pelo programa Globo Esporte nacional.

A menina saiu de Glória de Dourados aos 15 anos com contratos profissionais, mas depois de encerrar os trabalhos, voltou para casa e decidiu entrar na faculdade. Tentou Engenharia Civil, não gostou, e agora estuda em Dourados para ser arquiteta.

Camila já com a faixa de Miss MS. (Foto: Divulgação)Camila já com a faixa de Miss MS. (Foto: Divulgação)

No mês passado, entrou no site do Miss Brasil para votar em uma amiga que disputava a etapa de São Paulo e descobriu as inscrições abertas em Mato Grosso do Sul. “Comentei com meu pai, com meu namorado e alguns amigos. Todos deram muita força e eu resolvi me inscrever”, lembra.

Depois de enviar fotos por e-mail, veio a entrevista em Campo Grande em 1º de julho e no mesmo dia, por telefone, o anúncio de que era a vencedora. Currículo Camila tem para chegar longe, além de beleza e simpatia, ela fala inglês e até arrisca no mandarim.

Agora, ela precisa de empresas parceiras. Na lista de necessidades estão, por exemplo, várias peças de roupas para se apresentar bem durante o confinamento que antecede o desfile transmitido pela Band. 

Durante a preparação, as concorrentes se transformam, passando por tratamento dentário, dieta rigorosa feita por nutricionista, treino em academia , sessões de massagens e tudo que o mercado oferece para turbinar a beleza. Por enquanto, ela apenas cortou os cabelos e mudou as sobrancelhas, trabalhos pagos pela produção nacional.

“Preciso de tudo, de produtos de maquiagem, por exemplo, e de toda a preparação física, para não fazer feio lá. Acho que vou precisar entre R$ 25 mil e R$ 30 mil”, comenta. Em troca, os patrocinadores podem fazer campanhas com a Miss MS.

Na torcida de Camila, além da família, dos amigos e do namorado, o ator Cauã Reymond também colaborou. Renan integra o elenco do filme “A curva do Rio Sujo”, longa gravado em Bela Vista. Como Cauã é o protagonista, não havia garoto propaganda melhor. “Pedi para ele gravar uma mensagem de apoio para ela, postamos na internet e teve até reportagem no site do concurso”, conta Renan.

Ainda não há data ou local definidos para a escolha da Miss Brasil, mas a final deve ocorrer entre o fim de agosto e começo de setembro.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.