A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

24/05/2013 09:09

De Khadija a Dona Baratinha, atriz Carla Dias apresenta peça infantil na Capital

Luciana Brazil
Na novela do SBT, Éramos Seis, Carla começou com 4 anos. Ao lado, ensaio sensual para revista VIP. (Foto:Divulgação)Na novela do SBT, Éramos Seis, Carla começou com 4 anos. Ao lado, ensaio sensual para revista VIP. (Foto:Divulgação)

A atriz Carla Dias, 22 anos, chega a Campo Grande, neste fim de semana, para atuar na peça infantil “Um Chorinho pra Dona Baratinha”. De meigas interpretações, que conquistaram o País, até ensaios sensuais, Carla passou pelas emissoras SBT, Record, e Globo, onde se consagrou com a personagem árabe Khadija, em 2001. Quem não se lembra do “Inshalá”?

Veja Mais
Parque das Nações terá Jota Quest de graça, além de Curimba e Bella Xu
Morre ator e comediante Guilherme Karan aos 58 anos

Outros personagens marcantes deram fama e consistência ao trabalho da atriz. Foram oito novelas e algumas minisséries. Na novela Chiquititas, em 1998, a atriz deslanchou no personagem Maria, e alcançou reconhecimento, mesmo ainda tão novinha, com 8 anos. Rebelde, Laços de Famílias, Éramos Seis, Colégio Brasil, Mutantes, A Casa das Sete Mulheres, Sítio do Pica-Pau Amarelo, entres outras participações, renderam papéis inesquecíveis.

Acostumados a ver a “menina”, a atriz surpreendeu os fãs mirins ao encarar um ensaio sensual para a revista VIP, em 2011. Mas a carreira artística começou cedo, aos dois anos, com comerciais para televisão.

Agora no teatro, Carla e outros atores da peça vão atuar, dançar, e cantar no palco. A preparação para a performance exigiu meses de trabalho. Porém, o destaque vai para linguagem do espetáculo que inclui chorinho, música de adulto, segundo o diretor da peça, Gabriel Cortez.

 

Ao lado da atriz Giovana Antonelli,em O Clone.Ao lado da atriz Giovana Antonelli,em O Clone.
Como Khadija, na novela O Clone.Como Khadija, na novela O Clone.

No espetáculo, além das músicas, oito no total, a produção inclui um cenário ambientado em 1920, na Lapa do Rio de Janeiro antigo, e figurinos cuidadosos. No papel principal, Carla interpreta a Dona Baratinha, rica e solteira, ela decidida se casar. Em busca de um companheiro ela sai pela floresta, ambientada na Lapa do Rio de Janeiro antigo, à caça do marido ideal.

Cinco pretendentes aparecem. Para impressionar a protagonista, eles vão incorporar “vícios morais” e falar de vaidade, ganância, amizade e amor.

Este é o resumo de “Um Chorinho pra Dona Baratinha”, peça teatral que chega a Campo Grande no dia 26 de maio. O espetáculo, dirigido por Gabriel Corteza, terá exibição única na cidade. Será encenado no Palácio Popular da Cultura, às 16h.

Ingressos estão à venda na Gelateria Sézamo, localizada à rua Antônio Maria Coelho, 3.443, em Campo Grande. Setor B custa R$ 80,00 e R$ 40,00 (inteira e meia entrada). Demais setores saem por R$ 60,00 e R$ 30,00.

Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (67) 9177-2460/9912-8544.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.