A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

08/03/2012 15:30

TJ volta a dizer não a pedido da Acrissul para shows na Expogrande

Marta Ferreira e Nadyenka Castro
Francisco Maia disse esta semana que sem autorização para shows, feira não deve ocorrer. (Foto: Marcelo Victor)Francisco Maia disse esta semana que sem autorização para shows, feira não deve ocorrer. (Foto: Marcelo Victor)

Foi um novo não a resposta do Tribunal de Justiça ao recurso movido pela Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) para tentar derrubar a decisão que manteve a proibição de shows no Parque de Exposições Laucídio Coelho. A decisão foi dada nesta tarde pela 5ª Câmara Civil, por uninamidade.

Veja Mais
Sem decisão favorável até 5ª feira, Expogrande será cancelada
Condomínio X Expogrande: verdade ou teoria da conspiração

A decisão era a última esperança da Acrissul para tentar realizar a festa, segundo havia havia afirmado o presidente da entidade, Francisco Maia.

De acordo com ele, se não houvesse uma resposta positiva, até hoje, a feira seria cancelada.

A Acrissul também tentava obter da prefeitura de Campo Grande a aprovação do projeto sonoro para realização de shows, mas não foi divulgada ainda uma resposta para isso.

Francisco Maia afirmou, esta semana, que a decisão de estabelecer o dia de hoje como data-limite para decidir sobre a realização ou não da feira atende a solicitação da Associação das Raças. Depois desta data, afirmou, não há tempo hábil para realizar os julgamentos e leilões de animais.

Além disso, a contratação de shows também foi afetada, porque não há como confirmar o dia dos shows com os artistas. A 74ª Expogrande estava prevista para acontecer de 12 a 22 de abril.

O advogado da Acrissul, Jonathan Barbosa, disse que ainda não tinha conhecimento do teor da decisão e que irá se pronunciar após avaliar o despacho do TJ. “Vamos nos manifestar na hora certa. O Judiciário é muito sábio, mas o povo é mais sábio ainda”, declarou.

História-Desde sua primeira edição, a feira só não foi realizada em 1943, durante a Segunda Guerra Mundial. O MPE exige itens como barramento acústico, ligações de esgoto, banheiros modernos, e tratamento de dejetos em separado (da exposição de animais).

A Prefeitura já concedeu licença ambiental para a parte agropecuária da feira, que movimentou R$ 155 milhões na última edição, mas Acrissul diz que sem shows a Expogrande não se sustenta.

O problema é que, com a Lei do Silêncio, aprovada no ano passado, foi proibida a realização de shows no Parque de Exposições Laucídio Coelho. Em 2011, o acordo com o MPE definiu critérios para a realização dos shows, como o horário de término às 23h. Para este ano, deveriam ter sido feitas adaptações, mas isso não ocorreu.




VERGONHA MESMO , O SOL TA DERRETENDO POVO PREOCULPADO EM CANCELAR A EXPOGRANDE VERGONHA MESMO,E VAMOS VER SE A JUSTIÇA VAI SER CUMPRIDA LA EM CIMA,
 
Victor luciano da silva em 12/03/2012 07:50:56
parabennnnnnnnssssssss judiciário, o q mais tb acabara, aki em cgr nunca tem festa, a unica q me lembro é o festival do sobá, tb ira acabar , pq tb tem shows.o mundo intiro ta errado, o judiciario daki é q ta certo.....
 
edmilson barbosa em 08/03/2012 09:18:33
mais uma vez MPE deixou a desejar porque issa implicação e perseguição ao parque de exposição pra nao ter show ai vem dizer em lei do silencio mas so no parque de exposição que essa lei vale porque no jóquei clube os shows estão acontecendo normalmente e agora em abril vai acontecer outro de grande porte nós a favor da expogrande poderíamos fazer um movimento de irmos a esse show divulguem afavor
 
bruno ovelar em 08/03/2012 05:16:32
isso é uma vergonha para campo garnde e mato grosso do sul!unico lugar que poderiamos ir assistir shou legal agora nem isso? quem nao quem barulho vai morrar no mato!! la no meio do pantanal com os jacares!!!as auttoridades estao voltando a o tempo da pedra lascada!!pelo amor de deus acordem!!
 
audete giaretta em 08/03/2012 04:53:08
Parabéns ao Judiciário que mostrou que a lei tem que ser cumprida. Que isto se torne um marco nas decisões executadas. E que não é o fato desta citada associação Acrissul ter dinheiro que não a faz ter o direito de descumprir uma decisão judicial. Antes tivesse cumprido o TAC ajustado.

Porém uma dúvida que tenho, essa é uma Associação de Produtores Rurais ou de "Shows".
 
Nivaldo Correa Tenorio em 08/03/2012 04:51:58
Eles tiveram um ano para se adequarem, não fizeram porque? Acreditavam que mais uma vez a justiça não seria cumprida? Não pode ser autorizada mesmo, uma feira que movimenta R$155 milhões e não tem condições de se instalar esgoto? A lei é para todos, tanto para os "maiores" quando aos "menores".
 
Alexandre Guedes em 08/03/2012 04:48:06
Parabéns ao Judiciário!
A lei deve ser cumprida também pelos poderosos Srs. pecuaristas do Estado.
 
ricardo rodrigues em 08/03/2012 04:44:28
Que pena! mais uma vez as autoridades n ao pensa no povo e decreta o fim de um ponto positivo de nosso Estado.
 
Maria Auxiliadora em 08/03/2012 04:26:40
È to vendo q seremos uma cidade sem festa, a expogrande ja é tradicional aqui em campo grande, tudo querem proibir, agora proibir de que só privilegiados vedam bebidas alcoólicas nos shows e eventos eles não proibem isso é muito injusto isso é permitido só pra quem ja tem dinheiro, hj ta assim o rico cada vez mais rico e o pobre cada vez mais pobre..!!
 
carlos eduardo salgado savedra em 08/03/2012 04:26:12
Ao menos uma vez, a lei será aplicada a todos, se é cobrada dos cidadãos, tem que ser cobrada deles também.
 
Jonas Pedro em 08/03/2012 04:19:35
é uma pena que uma festa de quase 80 anos sendo ocorrida no mesmo local,tenha de acabar assim.quem perdera sao os comerciantes e a populacao.cada dia que passa nossa cidade se torna uma cidade mais sem graça para se viver.engraçado porque na praça do papa e no joquey pode haver shows e na expo que é um local bem mais aconchegante não pode.sera por causa dos condominios que estao sendo construidos?
 
RAFAEL LOPES em 08/03/2012 04:16:33
Que a atual diretoria desta renomada entidade aprenda a lição: respeitar a Justiça, o Meio Ambiente e a população. E principalmente: cumprir o combinado.
 
Luis Azevedo em 08/03/2012 04:04:23
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.