A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

28/10/2013 06:12

Boate em imóvel tombado na Esplanada Ferroviária abre as portas em fevereiro

Paula Maciulevicius
'On Eleven' vai funcionar nos fundos da casa tombada como patrimônio histórico na Calógeras. (Fotos: João Garrigó)'On Eleven' vai funcionar nos fundos da casa tombada como patrimônio histórico na Calógeras. (Fotos: João Garrigó)

A casa pacata na rua Calógeras,na Esplanada Ferroviária, vai ganhar todo movimento de balada em 2014. Com previsão de abertura entre o final de janeiro e início de fevereiro, o prédio tombado como patrimônio histórico vai abrigar no terreno do fundo a boate ‘On Eleven’.

Veja Mais
"Toma aqui uns 50 reais", Naiara Azevedo abre fim de semana eclético
Ludmilla é uma fofa e mostra o que o funk pode ensinar ao nosso sertanejo

O investimento é da terra mesmo, um dos sócios é o empresário, dono da Cachaçaria Brasil, Fábio Bertoni, de 36 anos, que trouxe como inspiração as casas noturnas do Rio de Janeiro.

“Eu vejo na Lapa aquele monte de bar, restaurante e boate que são patrimônios históricos. A ideia é essa, dar uma função a esses patrimônios aqui”, compara.

O complexo foi escolhido depois de uma conversa com o dono do imóvel, há aproximadamente dois anos. De lá para cá a burocracia pautou o processo. Como se trata de uma obra tombada era preciso autorização e avaliação do projeto por parte dos órgãos municipal, estadual e federal.

“Na última semana eles se reuniram e mostraram interesse, devem estar liberando para a gente montar, 80% da boate já está pronta”, explica Fábio.

A proposta é misturar a modernidade de uma casa noturna com o patrimônio histórico da região, trazido pelos trilhos do trem da Noroeste Brasil. A boate em si está instalada ao fundo da casa da fachada do terreno, que numa segunda etapa, será transformada em restaurante.

A boate vai seguir as cores indicadas pelo Iphan, para não fugir dos tons originais das casas.A boate vai seguir as cores indicadas pelo Iphan, para não fugir dos tons originais das casas.

“O pessoal vai entrar e olhar o conjunto e enxergar na casa antiga o patrimônio histórico”, descreve o empresário.

O nome ‘On Eleven’ é uma homenagem a uma casa noturna de São Paulo que fechou há muitos anos, considerada uma referência no ramo. A boate vem com a ideia de ser eclética, com dois ambientes que vão oferecer DJ e bandas de pop rock ao vivo. “Ela vai conseguir abranger vários públicos. Vamos ter camarotes individuais e coletivos e vai funcionar dois dias na semana, na sexta DJ com lounge, house e música eletrônica e no sábado, o DJ e o segundo ambiente”, conta.

O trabalho das cores foi em cima das indicações do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional). Para não fugir dos tons originais das construções do complexo, foram usadas cores pastosas como caramelo, bege e branco.

A distância entre a boate e a casa tombada tem aproximadamente um metro. Além dos dois ambientes, o espaço vai oferecer fumódromo em área especial, para que o público não precise sair da balada para fumar.

Com capacidade para 300 pessoas, Fabio comenta que o preço de entrada vai estar dentro da média das demais casas noturnas de Campo Grande. “Eu não tenho isso de elitizar, quero que todo mundo vá e se divirta”, finaliza.




Campo Grande vai ganhar muito com esse investimento ,estamos saturados ,sem um leque de opções noturnas, essa casa noturna vem para atender a expectativas do publico que gosta de uma boa musica e gente bonita,toda sorte ao empresario que não desistiu da capital..
 
Luiz Claudia Torres Araujo em 29/10/2013 07:47:37
Duvido que permaneça! Logo aparece meia dúzia de azedos (come/bebe remédio/dorme), pra encher a paciência e querer embargo do lugar.
 
Eduardo Veron em 29/10/2013 00:36:09
Mas... se o imóvel foi tombado como patrimônio histórico não é perigoso ter som alto, pois o local irá se tornar uma boate, e a alta frequência sempre causa abalos em estruturas, principalmente em antigas. Sem falar no desgaste que a casa sofrerá....
Tantas áreas belas por aí...
 
Arcanjo Costa em 28/10/2013 19:55:49
Um belo ponto da cidade se o projeto ficar proximo o que eu vi pra casa, ficara bacana e com muita comodidade e acessibilidade ao publico.
espero que com um boa gerencia a casa não caia de qualidade como muitas de campo grande.
Sucesso Bertoni
 
Amauri Voltolini em 28/10/2013 19:03:35
Nossa capital é carente de lazer ouço muitas pessoas reclamando que nao tem oque fazer aonde ir estamos perdendo de longe de outras capitais principalmente de Cuiaba nossos vizinhos e me admira mais ainda pessoas que veem que empresarios serios querem montar algo para dar mais opção de lazer, cultura e entretenimento para nossa amada capital e mesmo assim pessoas negativas sem senso critico veem e fazem comentarios infundados e totalmente preconceituosos é de se admirar mesmo por isso estamos assim sem opção sem ter onde ir sem ter onde levar visitantes que veem passar temporadas aqui cada vez mais nossa campo grande com cara de interior. PARABENS pela iniciativa otima ideia espero que de muito certo e as pessoas valorizem essa nova opção.
 
Tomé Julianelli Afonso em 28/10/2013 18:16:39
José Neto, moro na rua general mello a menos de 50 metros da move, pode perguntar de casa em casa quem se incomoda com o barulho, os moradores da região nao se incomodam e ainda adoram o movimento dos finais de semana. Tanto a feira quando as boates na região nao atrapalham em nada, traz movimento pra região histórica e movimenta a economia do bairro. É o centro da cidade, quer sossego vá morar na área urbana. Lamentável é este pensamento retrógrado e preconceituoso em pleno sec XXI
 
Flávio Henrique em 28/10/2013 18:12:03
Parabéns.. dar uma finalidade comercial a um patrimônio historico gerando renda , emprego e impostos pra cidade.....
 
Elder Pereira em 28/10/2013 17:00:37
Mas esse não seria o antigo Republica Music Bar?
 
Bruna Garcia em 28/10/2013 16:59:59
Acho fenomenal a ideia esse lugar já foi lugar de eventos maravilhosos frequentei por muito tempo e acho incrível a ideia de retomarem o ambiente, melhor ainda pois é centralizada e fácil acesso este lugar, Boa iniciativa. Campo Grande está precisando de mais lazer.
 
Lidiane Martins em 28/10/2013 16:34:06
Uma pena que esses imóveis sejam tão mal-aproveitados...
 
Raquel Ovelar em 28/10/2013 15:22:02
Que tenha ACESSIBILIDADE!!!
 
David Marques em 28/10/2013 14:02:30
Tem que ver aonde tá a prefeitura nesse caso. Me admira, aquela região é totalmente residencial, e os cupinchas da gestão passada levaram alvará pra enfiar a move e acabar com o sossego dos moradores aos finais de semana, agora, não diferente da move, mais essa, e o pior de tudo isso, por causa dessa irresponsabilidades, os "santos" frequentadores desses locais, depredam as casas dos vizinhos para roubar, usar drogas, ou arrancam cercas de fachadas para se envolverem em briga. É lamentável.
 
José Neto em 28/10/2013 12:29:32
Sensacional!!! Parabéns pela ideia, é de iniciativas assim que nossa Capital precisa.
 
Flávio Henrique em 28/10/2013 11:56:24
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.