A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

01/03/2012 21:40

Cinema de horror retoma exibições com longa-metragem “Estômago”

Elverson Cardozo
Longa-metragem conta a história de ascensão e queda de Raimundo Nonato, um cozinheiro. (Foto: Divulgação)Longa-metragem conta a história de ascensão e queda de Raimundo Nonato, um cozinheiro. (Foto: Divulgação)

Projeto cinema de horror, em Campo Grande, retoma as atividades na próxima quarta-feira (7). Na edição deste ano a estréia será a do longa-metragem brasileiro “Estômago”. A exibição será às 18h30, no Centro Cultural José Octávio Guizzo. A entrada custa R$ 1,00.

Veja Mais
"Toma aqui uns 50 reais", Naiara Azevedo abre fim de semana eclético
Ludmilla é uma fofa e mostra o que o funk pode ensinar ao nosso sertanejo

Do diretor Marcos Jorge, Estômago conta a história de ascensão e queda de Raimundo Nonato, um cozinheiro. Trata de dois temas: A comida e o poder. Mais especificamente, a comida como meio de adquirir poder.

Prêmios - Em sua estréia mundial – no Rio de Janeiro, em 2007 – o filme consagrou-se como grande vencedor e recebeu prêmios de melhor filme pelo público, melhor diretor, melhor ator e prêmio especial do júri.

Já na Europa, também durante a estréia, recebeu prêmio e foi o segundo colocado, dentre 200 longas, na preferência do público. Em 2008, os pratos do filme inspiraram o festival de Berlim e foram servidos durante o evento.

Já em Punta Del Este, no Uruguai, “Estômago” recebeu os prêmios de melhor filme e menção especial de melhor ator.

Produção - As filmagens aconteceram durante cinco semanas, no final de 2006, em Curitiba e São Paulo. A finalização foi feita em 2007, nas cidades de Milão e Roma, na Itália.

O filme é inspirado no conto “presos pelo estômago”, de Lusa Silvestre. O longa é a primeira co-produção cinematográfica realizada a partir do acordo de co-produção bilateral entre Brasil e Itália, assinado no início dos anos 70.

Projeto –Cinema de horror” é um projeto da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) em parceria com a FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul).

É coordenado pela Propp (Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação) da universidade e pela mestre em estudos de linguagens e professora do curso de letras, Carol Sartomen.

Os filmes geralmente têm duas exibições mensais e conta com a participação de acadêmicos e mestrandos da área de letras da UFMS ou convidados especiais para exibição e debate da categoria “horror” no plano das artes.

Serviço – O Centro Cultural está localizado na rua 26 de agosto, 453, centro de Campo Grande.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.