A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

16/10/2015 22:40

Com intérprete da Mangueira, Vila Carvalho comemora 46 anos de samba

Lucas Arruda
A festa começou às 20 horas e deve ir até 2h da manhã com participação de Vadinho, intérprete da Mangueira. (Foto: Gerson Walber)A festa começou às 20 horas e deve ir até 2h da manhã com participação de Vadinho, intérprete da Mangueira. (Foto: Gerson Walber)

Manter uma escola de samba em Campo Grande por muito tempo não é muito fácil. Sabemos que por aqui o samba não é o estilo preferido das pessoas. Por isso a noite desta sexta-feira está sendo de muitas comemorações para a verde e rosa campo-grandense, a Vila Carvalho, afinal já são 46 anos de avenida.

Veja Mais
Coletivo de DJs organiza festas com música para 'dançar mais e reparar menos'
Com poucas opções, veja onde curtir as festas de fim de ano em Campo Grande

Para comemorar junto, veio diretamente do Rio de Janeiro o intérprete da Mangueira, Vadinho Freire e o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira da corumbaense Império do Morro. A escola de samba carioca é madrinha da Vila e a corumbaense é como uma irmã. O evento é chamado de Encontro Verde e Rosa.

José Carlos é presidente da Vila há 40 anos e será o homenageado no ano que vem. (Foto: Gerson Walber)José Carlos é presidente da Vila há 40 anos e será o homenageado no ano que vem. (Foto: Gerson Walber)

Dos 46 carnavais disputados, a Vila se consagrou campeã em 17 deles. “Eu trabalho aqui porque amo o Carnaval e quero que os membros continuem este trabalho lindo que sempre fazemos”, afirma o presidente da escola José Carlos Carvalho, à frente da Vila há 40 anos.

O evento começou cedo, por volta das 20h, mas desde o início muita gente já estava bastante animada. A estudante Rayane da Silva Santos tem apenas 13 anos, mas desfila na escola desde pequena, começou com 6. Desde o ano passado ela se tornou passista. “Minha mãe foi desfilar um ano e me levou junto. Nunca mais parei. No início desfilava na ala das crianças, era muito divertido, até que no ano passado me tornei passista”, conta.

Ela diz que nem sempre está muito animada para desfilar na avenida, porém quando ouve a bateria sente algo no coração. “Tem ano que falo que não vou sair na escola, aí ouço toda aquela música e me dá uma energia muito grande, não tem como não sambar com todo mundo”, justifica.

Rayane, de apenas 13 anos, desfila desde os 6 na escola. (Foto: Gerson Walber)Rayane, de apenas 13 anos, desfila desde os 6 na escola. (Foto: Gerson Walber)

Apesar de toda a tradição da escola tinha gente que estava lá pela primeira vez. “Sempre tive vontade de conhecer, já ouvi a bateria da Vila em eventos e outros lugares então resolvi vir. A festa será ótima”, acredita.

Para o próximo ano a escola promete levar 800 pessoas para a avenida. O homenageado será o presidente da Vila Carvalho e o título é “Meio Século de Samba, Meu Coração é Verde e Rosa, Dê ao Zé o que é de Zé”. A letra ainda está em fase de composição.

“É muito bom ser homenageado enquanto ainda estamos vivos, pois assim podemos participar”, avalia José Carlos.
A festa continua até às 2h. A entrada custa R$ 20. E neste sábado a programação começa a partir das 17h, a Vila Carvalho fica na rua Joaquim Manuel de Carvalho, 395, na Vila Carvalho.

Já curtiu o Lado B no Facebook?




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.