A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

29/07/2013 07:22

Do chuveiro para o palco: quem gosta, mas não sabe, arrisca cantar no Karaokê

Anny Malagolini
Do chuveiro para os palcos do karaokê, que de terça a domingo recebem quem tem, ou não, talento para soltar a voz. (Fotos: Marcos Ermínio)Do chuveiro para os palcos do karaokê, que de terça a domingo recebem quem tem, ou não, talento para soltar a voz. (Fotos: Marcos Ermínio)

Para ser cantor basicamente é preciso ter uma boa voz. No entanto, aqueles que são cientes da "falta" dela e querem cantar, os famosos "cantores de chuveiro", se arriscam nos palcos dos karaokês, embalando o público com o mais variado repertório, mas o melhor, sem o olhar repressor de quem está assistindo a falta de talento.

Veja Mais
"Toma aqui uns 50 reais", Naiara Azevedo abre fim de semana eclético
Ludmilla é uma fofa e mostra o que o funk pode ensinar ao nosso sertanejo

Ser cantor profissional nunca foi um sonho, mas o palco, mesmo que de um karaôke, sempre trouxe fascínio para Junior Araújo, de 43 anos, que em novembro do ano passado, resolveu abrir seu próprio espaço, para aqueles que assim como ele querem cantar, mesmo fora do tom.

O campo-grandense já deve ter ouvido falar do "fervo" do Karaokê da rua Brilhante, e para fugir da agitação, Júnior abriu um na avenida Bandeirantes, com a promessa de um ambiente familiar. Quem frequenta o karaokê sabe, os fins de noite são do proprietário, que sobe ao palco e arrisca cantar até em japonês, mas conta que a preferência passa longe do oriente. "A minha favorita é do Sandy e Júnior", confessa.

A casa funciona de terça-feira a domingo, a partir das 20 horas, mas o movimento intenso dos "cantores" começa depois da meia-noite. A explicação para isso é a bebida, segundo uma das frequentadoras, a corretora de imóveis Maria Alves Braga, 45 anos. "As pessoas já chegam de outras festas, estão desinibidas e conseguem subir no palco para cantar", justifica.

O palco de um karaokê sempre foi fascínio para ele que resolveu fazer da brincadeira profissão.O palco de um karaokê sempre foi fascínio para ele que resolveu fazer da brincadeira profissão.

Maria é fã de karaokê e os finais de semana tem lugar garantido. "Venho e canto desvairadamente sem julgamentos, tem coisa melhor que isso?". Ela ainda brinca com a pontuação do aparelho, "a máquina é mulher, só da boa pontuação aos homens".

A voz não ajudou a perpetuar o sonho de ser um cantor famoso, então Sergio Brum, de 30 anos, se tornou pedreiro, mas aos fim de semana, nos descansos das construções, quem quiser encontra-lo é só ir ao karaokê. "Eu canto de tudo, é o jeito de ter descanso na vida. Tenho uma semana dura", lamenta.

No repertório tem 6.700 músicas, mas se o cliente quiser trazer seu próprio repertório, em um pendrive, também pode. E quem quiser gravar em um cd a performance a gravação custa 30 reais. 

Uma das gravações da casa mais tocadas é de uma das clientes mais cativas, a estudante de direito Paola Chaia, de 25 anos, que apesar do talento, aplaudido e reconhecido por quem a ouve cantar, leva, por enquanto, a música como hobby, mas tomar rumos profissionais. "Às vezes vou sozinha e chego a cantar 20 músicas por noite, sou apaixonada pelo palco", afirma.

No mês de agosto, a casa vai promover o concurso para eleger o melhor cantor de karaokês da Capital. A valor da premiação e a data do evento ainda não foram definidas, mas quem quiser participar é só acompanhar as atualizações pelo Facebook da casa aqui.

Além da variedade de músicas, cliente também pode levar o próprio repertório em pen drive.Além da variedade de músicas, cliente também pode levar o próprio repertório em pen drive.



Muito grato pela reportagem e convido a todos que venham conhecer uma lugar muito especial e maravilhoso a todos os apreciadores de karaoke S E M P R E B E M V I N D O S A C A S A D A A L E G R I A.
 
José Pereira Padilha em 01/08/2013 15:34:29
Adorooooooooooooooo cantar neste videokê é muito bom mesmo
 
Lucianafrotas penrabel em 29/07/2013 17:34:15
Fica Na Avenida Bandeirantes depois da Jaguar do lado esquerdo...
 
Katielle De Lima em 29/07/2013 13:41:52
Adoro Karaokê...
Nem sabia que tinha em Cpo Gde, eu cantava no Japão.
 
Patrícia Muta em 29/07/2013 13:14:51
Adoooooooooro!!
 
JESSICA MACHADO em 29/07/2013 09:41:20
Aonde fica esse Karaokê????... Quero ir La soltar a voz... Adorei a matéria...!!!!
 
Dudinha Lima em 29/07/2013 07:56:28
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.