A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

17/05/2013 13:49

Estudantes fazem manifestação no Cinemark e conseguem meia-entrada

Anny Malagolini
Estudantes fazem manifestação no Cinemark e conseguem meia-entrada

Estudantes do Curso de Direito da UCDB levaram cartazes e fizeram protesto na noite de ontem na bilheteria do Cinemark contra a proibição de acesso aos acadêmicos que usam carteirinhas de identificação estudantil com o selo do Daclobe (Diretório Acadêmico Clóvis Bervilaqua).

Veja Mais
"Toma aqui uns 50 reais", Naiara Azevedo abre fim de semana eclético
Ludmilla é uma fofa e mostra o que o funk pode ensinar ao nosso sertanejo

Cansados de serem barrados, cerca de 30 acadêmicos fizeram a manifestação nessa quinta-feira. Um dos participantes, Rafael Soares, 26 anos, é acadêmico do 7º período do curso e contou que bolaram um plano antes de somente aparecerem no cinema. “Um dos acadêmicos tentou comprar um ingresso, mas foi impedido, então chegamos com os cartazes”.

Segundo Rafael, após alguns minutos, o gerente da filial de Campo Grande voltou atrás e validou as carteiras de estudantes da UCDB, dizendo que havia recebido o parecer do Departamento Jurídico e que a partir daquele momento todos os acadêmicos não teria mais problemas com a meia-entrada. 

Na semana passada, os alunos protocolam junto ao Procon e ao Ministério Público Estadual denuncia contra o cinema. “O judiciário brasileiro é muito lento, então decidimos fazer da nossa forma, e deu resultado positivo”, esclarece.

Estudantes fazem manifestação no Cinemark e conseguem meia-entrada



Manifestação isolada, sem fundamentação jurídica plausível.
A LEI Nº 1.352, DE 22 DE DEZEMBRO DE 1992, é clara ao elencar quais as entidades representativas com a devida competência para emitir carteira ou selo estudantil, senão vejamos:
(...)
Art. 2º A carteira de identificação estudantil será emitida pela USMES - UNIAO SULMATOGROSSENSE DOS ESTUDANTES SECUNDARISTAS, aos estudantes do primeiro e segundo grau, e DCES - DIRETORIOS CENTRAIS DOS ESTUDANTES, aos estudantes universitários, e distribuída pelas respectivas entidades filiadas, ou coligadas, com a devida autorização dos órgãos emitentes.
(...)

Portanto, fica evidenciado que apena DCE e não Centro Acadêmico poderá emitir carteira estudantil, restando fragilizada a seguridade da prerrogativa arduamente conquistada pelo estudante.
 
Wellyngton Ramos em 29/05/2013 13:17:11
Parabéns, são atitudes assim que podem ajudar a mudar esse país vergonhoso!
 
Elber Guedes em 18/05/2013 15:05:20
vamos ver se agora o gerente mantenha essa postura, e não faça como das outras vezes, em que falava para nós que um dia era permitido, e no fim de semana seguinte ja não era mais. É lei, e a lei é para ser cumprida!!!!

Parabéns pra Nós do Daclobe!!!!!!!!!!!!!!!!1
 
Wesley Marcelino dos Santos em 18/05/2013 01:49:58
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.