A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

31/01/2012 18:50

MPE afirma que Parque de Exposições não pode receber mais shows

Ângela Kempfer

Em resposta à divulgação, pela Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), o Ministério Público Estadual garante que neste ano não haverá shows no Parque de Exposições Laucídio Coelho, durante a Expogrande 2012.

Veja Mais
Expogrande 2012 será em abril, com shows no Laucídio, garante Acrissul
Com negócios e público recorde, Acrissul quer manter Expogrande no parque

Em nota, o promotor Alexandre Raslan, da 34ª Promotoria de Justiça de Campo Grande-MS esclarece que o TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) homologado em 2011 continua valendo sim, mas ele acaba com a possibilidade de apresentações musicais no local.

No acordo, a Acrissul se obrigou a partir do dia 24 de abril de 2011, último dia da exposição, “a não realizar ou permitir que se realizem, ainda que na qualidade de patrocinadores ou apoiadores, shows, festas, eventos musicais em geral e rodeios no Parque de Exposições Laucídio Coelho, até que sejam obtidas previamente todas as licenças ambientais exigidas legalmente”, argumenta o promotor.

O MPE informa que até agora desconhece qualquer regularização ambiental por parte da Associação de Criadores e comenta que “está executando o acordo judicial celebrado desde agosto de 2011, em razão da Acrissul já haver descumprido o acordo e vem demonstrando reiteradamente que não cumprirá o acordo”, com todas as providências pertinentes para o cumprimento da sentença judicial.

O promotor também afirmou que “não vem realizando qualquer negociação com a Acrissul”.

Raslan afirmou, em relação, a possíveis punições, que vai aguardar as decisões que serão tomadas pela Associação sobre a feira e os shows e só depois deverá agir.




Esse MP não tem coisas mais importantes pra fazer?Essa Bronca pessoal do promotor com a Acrissul não tem sentido,até porque pelo que consta os shows e festas acontecem toda semana em CG e em locais sem licença ambiental.A lei não e pra todos?Sera que o digníssimo promotor esta usando o mesmo critério para outros eventos?
 
Marcos Basso em 01/02/2012 06:44:51
Só gostaria de entender o porquê de poder fazer shows na praça do papa e não no parque de exposições, que eu saiba existem moradores nos arredores dos dois locais. Será que o promotor "brabão" é sócio dos novos empreendimentos que estão sendo construídos ao lado? Penso que tem coisas mais importantes para o MPE se preocupar. Poderiam começar investigando as obras super faturadas e mal-feitas em MS
 
Joaquim Cruz Nogueira em 31/01/2012 09:34:00
Show popular a 15 a entrada não pode.o trabalhador ta proibido divertir em CG só os ricos que pagam 300 numa balada tem licença.o jóquei club tem licença ambiental? O Dr Raslan autorizou a doidejar dos burguês !
 
João de lagos Vieira em 31/01/2012 08:35:06
Parabenizo os moradores da região do Parque de Exposições que conseguiram eliminar essa barulheira que são esses shows e incomodam a tranquilidade para quem precisa e deseja descansar. Já nós, moradores da região da Vila Sobrinho e adjacências, temos que suportar esses mesmos problemas, porque o Poder Público (Prefeitura) resolveu realizar os shows aqui na Praça do Papa. Até quando sr. Prefeito???
 
Dorival Morales Ruiz Filho em 31/01/2012 08:29:41
De novo Raslan?ta morrendo gente no lixo e vc não se pronuncia.Deixa a cidade curtir os shows.
 
Paulo passos em 31/01/2012 08:27:39
Essa bronca e pessoal com a Acrissul.todos os eventos realizados em Cg carecem de licença ambiental.Que justiça cega e essa? Esse promotor ta se achando o dono da verdade.Que pena a injustiça partir de quem ganha pra pratica lá.
 
João Dorileu em 31/01/2012 08:24:52
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.