A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

26/07/2014 07:56

Para garantir movimento até em noite gelada, bar oferece cobertor aos clientes

Aline Araújo
Cobertas aquecem quem quer curtir o bar mesmo com o clima frio. (Foto: Marcelo Victor)Cobertas aquecem quem quer curtir o bar mesmo com o clima frio. (Foto: Marcelo Victor)

Por falta de costuma, em dia de frio campo-grandense não sai de casa. Se a afirmação é verdadeira ou falsa, isso pode provocar opiniões diversas. Mas o fato é que na noite de sexta-feira fria pouca gente se atreveu a encarar um happy hour nos bares localizados na Avenida Afonso Pena. Até às 20h, as mesas permaneciam praticamente vazias.

Veja Mais
Festival das Artes é novo espaço da cultura e começa com mais de 10 shows
Humberto Gessinger, Ludmilla e Whindersson Nunes chegam no fim de semana

No frio, quem quer continuar com movimento tem de esquentar o ambiente como pode. No Quiosque da Brahma, por exemplo, cliente pode pedir uma coberta para se aquecer nas noites frias.

Já faz um ano que a dona do estabelecimento, Gilma Permeto, teve a iniciativa de oferecer as cobertas. Em uma viagem ela notou que era costume dos bares Europeus oferecerem as mantas aos clientes e fez questão de trazer a ideia para cá. E tem dado certo, o estoque que começou com 30 cobertores hoje já tem 80.

Para quem ainda não conhece garçom oferece mantinhas.  (Foto: Marcelo Victor)Para quem ainda não conhece garçom oferece mantinhas. (Foto: Marcelo Victor)

"As vezes as pessoas saem direto do trabalho e não estão agasalhadas. Se elas sabem da mantinha, elas vêm para cá sem medo de passar frio", justifica a gerente Paula Solano, de 29 anos. Ela conta que pelo fato do bar ficar em frente ao Parque das Nações Indígenas, onde há uma lagoa, as noites são mais fresquinhas.

As amigas Ana Paula Nogueira, 25, e Maria Izabel Comparim, de 23 anos, aprovaram a ideia. "O garçom ofereceu para a gente e eu adorei, as vezes eu acabo indo embora por causa do frio, com a mantinha não tem esse problema", afirma a agrônoma Ana. "É bom para esquentar as pernas, assim a gente não desanima", confirma Maria.

O bar também tem aquecedores, mas como o local é ao ar livre, os aparelhos disputam espaço com as cobertas. Quem é freguês já conhece como funciona o empréstimo e logo solicita a manta. Os garçons tratam de oferecer para quem ainda não sabe da opção.

A ideia veio da Europa, conta a gerente. (Foto: Marcelo Victor)A ideia veio da Europa, conta a gerente. (Foto: Marcelo Victor)

Nos dias frios, o cobertor acaba virando um atrativo a mais .“São dois pedidos certos: a senha do wi-fi e a cobertinha”, brinca o chefe dos garçons, Gilmar Sampaio, de 31 anos, muito bem agasalhado, inclusive, com luvas, para enfrentar a rotina de trabalho em versão gelada.

Além de aquecer, as cobertinhas de “oncinha” e “zebrinha” estão presente nas brincadeiras do Instagran e Facebook. “O pessoal pega a coberta, brinca com o amigo e tudo vira humor”, diz.

Serviço: O Quiosque da Brahma fica na Av. Afonso Pena com Rua Mário Edson de Barros n°64. Funciona das 17h às 2h30.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.