A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

16/12/2014 06:45

Por 14,90, experimentamos massagem que muitos julgam ser sacanagem

Ângela Kempfer
Massagem tântrica promete despertar regiões sensoriais adormecidas. (Foto: Divulgação)Massagem tântrica promete despertar regiões sensoriais adormecidas. (Foto: Divulgação)

Quem já ouviu falar, mas nunca fez, acha que é sacanagem. Quem não tem ideia do que seja, nem sonha com os efeitos da “Massagem Tântrica”.

Veja Mais
Clínica realiza palestras para sanar dúvidas sobre infertilidade conjugal
Peregrinos não precisam ir tão longe, nosso "Caminho de Santiago" fica a 60km

Na semana passada, site de compras coletivas de Campo Grande colocou no ar uma promoção, a sessão passou de R$ 80,00 para apenas R$ 14,90. Como o serviço estava com descontão, o Lado B escolheu um colaborador para ver como funciona a tal massagem que promete orgasmos múltiplos, consciência corporal, despertar regiões sensoriais adormecidas e tudo mais que faz o corpo arrepiar.

Aparentando uns 50 anos, em uma casa de esquina, na Rua 15 de Novembro, ele recebe nossa “cobaia” todo vestido de branco.

O sigilo é reafirmado na entrada. "Marco a agenda de forma que um cliente chegue pela frente e outro saia pelos fundos", diz o profissional. A primeira conversa é rápida, com alguns avisos sobre o trabalho. Ele garante que todo o prazer virá pelas mãos e ainda libera: “Pode gemer se quiser”.

Ressabiado, o paciente tira a roupa e é vendado, sempre pronto para correr caso a situação fique “estranha”. O terapeuta explica que a venda serve para aguçar os sentidos, mas que pode “tirar rapidinho” dos olhos, se quiser ter certeza que só as mãos são usadas.

O rapaz deita de costas em uma maca dessas de depilação e começa a sentir a massagem pelos pés, com um líquido gelado, com um gel. Os movimentos sobem para o bumbum, mas até então nada daquelas sensações de prazer, ou vontade de gemer.

“Fiquei tenso, pensando que podia ser casa de sacanagem. Estava pensando em tudo, até que ia morrer ali, não conseguia relaxar”, conta. Mas com o tempo, o corpo foi colaborando.

A segunda parte da sessão é com o cliente de frente, com tudo virado para cima. “Pensei: é agora”, admite nossa fonte, já completamente disposta a aproveitar. “Percebi que o negócio era profissional mesmo”, justifica.

Ao fundo, um som instrumental indiano, e na pele um toque leve. O terapeuta adverte que durante a próxima fase, a pessoa pode achar que está rolando sexo oral, mas assegura que não há esse tipo de contato, reforça "tudo é feito com as mãos" e autoriza o paciente para uma espiadinha, caso duvide.

Ai sim a massagem “transcendental” chega ao ápice. Depois de cerca de meia hora de muitas apalpadas, vem o primeiro orgasmo, seguido de mais 3. É a confirmação de que o negócio funciona.

Extasiado, o rapaz termina a sessão ainda zonzo, um pouco constrangido, mas percebe na postura do terapeuta que a técnica terminou ali. “Por fim ele me ofereceu um cappuccino e ainda perguntou se eu queria com creme e canela. Estranho né, o cara mete a mão em você todinho e por fim te oferece um cappuccino”, comenta nosso colaborador já pensando em voltar.

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.