A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

01/10/2015 06:45

Treino agora também tem o DisQ, novidade para intensificar qualquer exercício

Naiane Mesquita
O DisQ é um equipamento que utiliza a força do próprio corpo para intensificar o exercício (Fotos: Gerson Walber)O DisQ é um equipamento que utiliza a força do próprio corpo para intensificar o exercício (Fotos: Gerson Walber)

De longe, o DisQ parece um robozinho, mas ao se aproximar a máquina de tortura logo se revela. Pequeno, porém, intenso, o equipamento é como uma academia na cintura. O cinto que envolve o corpo solta uma corda maritíma que prende no pé e depois pode ser puxado pela mão.

Veja Mais
Clínica realiza palestras para sanar dúvidas sobre infertilidade conjugal
Peregrinos não precisam ir tão longe, nosso "Caminho de Santiago" fica a 60km

Dessa forma, o “atleta” desenvolve o treino disponibilizado em um aplicativo da internet ou apenas realiza os exercícios cotidianos, como caminhada, agachamento, corrida e até bicicleta.

As esferas tem cordas marítimas que são presas no pé e puxadas pela mão As esferas tem cordas marítimas que são presas no pé e puxadas pela mão

Sem formas de medir a perda de caloria, o que sabemos do DisQ é que ele intensifica qualquer atividade física. Existem formas de perder mais, se esse for o objetivo, por meio do circuito cardio, que tem essa finalidade.

Sensação em feiras fitness da América Latina, o equipamento custa cerca de R$ 1.400 mil, mas pode ser encontrado em Campo Grande na Mais Academia.

O Lado B topou o desafio de fazer um treino com o produto na cintura. Foram cerca de 20 minutos de um alongamento seguido de uma série de exercícios para os membros inferiores, como pernas, superiores, como braços e abdominal. De longe parece brincadeira, mas para os meio sedentários, como eu, mesmo no nível de baixa intensidade, deu para suar fácil.

O que parecia fácil sem peso ou até com um relativamente leve foi extremamente diferente e “pesado” com o aparelho.

Os exercícios são iguais a qualquer treino, apenas mais intensos Os exercícios são iguais a qualquer treino, apenas mais intensos

O educador físico e proprietário da academia, Ivan Sousa, afirma que o equipamento pode ser utilizado em basicamente qualquer treino.

“Ele funcionou normalmente em corrida, bicicleta, que eu testei, treino de box, você faz os golpes com a corda presa na mão, aula de pilates, enfim, qualquer um”, explica.

O que movimenta a corda é o peso e a força do próprio corpo. Conforme você ajusta na lateral fica mais “pesado” para levantar a corda.

“Fizeram desafio com muitas pessoas, até gente que vai sempre na academia e como se ajusta de acordo com a forma física até eles sofreram. O interessante é que a tornozeleira é inteligente, ou seja, gira 360 graus, há pouco risco de uma pessoa se machucar”, indica.

O equipamento é um pouco caro, mas para quem deseja aprender a treinar e depois utilizar no ar livre ou até em casa pode compensar.

“Eu acho importante ressaltar que a pessoa aprenda a fazer o treino com um profissional capacitado, para evitar lesões e só depois faça os exercícios sozinho. Mas, o equipamento é ótimo para quem deseja praticar ao ar livre ou tem pouco tempo para ficar na academia. É mais intensidade em menos tempo”, acredita Ivan.

Curta o Lado B no Facebook!




FRESCURA DA POR#$$@#!! QUER CRESCER!? VAI PUXAR FERRO SEU PREGUIÇOSO!! fica com essas patifaria com cordinha, pulando obstáculo, balangando corda... TUDO MIGUÉ PRA ARRANCAR DINHEIRO DE TROUXA PREGUIÇOSO!!!
 
Stéfani de Carvalho Filho em 01/10/2015 08:32:57
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.