A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

25/05/2015 06:34

Treino promete emagrecimento com só 15 minutos de exercícios

Aline Araújo
Os exercícios são simples e rápidos. (Foto: Fernando Antunes)Os exercícios são simples e rápidos. (Foto: Fernando Antunes)

Já pensou em fazer 15 minutos de exercício dia sim, dia não, e no final de três meses ter um resultado de emagrecimento incrível no espelho? Nada de milagre, pelo menos, é o que promete o Hiit (High Intensity Intermittent Training), um plano de exercícios intensos que, aliados à boa alimentação tem a propaganda de resultados expressivos para quem quer emagrecer.

Veja Mais
Clínica realiza palestras para sanar dúvidas sobre infertilidade conjugal
Peregrinos não precisam ir tão longe, nosso "Caminho de Santiago" fica a 60km

Mas nada de moleza. Para acelerar os batimentos cardíacos e fazer o seu metabolismo trabalhar durante o dia inteiro, você precisa suar! Os exercícios são bem simples, em séries curtas, mais de alta intensidade. 

Bolinha Bolinha

“O método surgiu de uma pesquisa japonesa. Depois os americanos aperfeiçoaram e hoje tem gente praticando no mundo todo. E eu comecei a aplicar aqui com os alunos”, explica o profissional de Educação Física Carlos Alberto Pontes, conhecido como Bolinha.

O Hiit é diferente, entrou na academia Vila Olímpica como um programa que alia a aula com o acompanhamento de uma nutricionista esportiva, que vai orientar os alunos a seguirem uma alimentação adequada para alcançarem o resultado esperado.

O plano tem a duração de três meses e o resultado vai depender do desempenho e da frequência do aluno. Tudo é documentado, para que no final do projeto os resultados possam ser comprovados. São 30 segundos de exercício rápido e 30 de descanso. Essa aceleração e desaceleração frequente o diferencial.

Correr, pular o maximo que puder em 30 segundos. (Foto: Fernando Antunes)Correr, pular o maximo que puder em 30 segundos. (Foto: Fernando Antunes)

“O que acontece é uma atividade que trabalha até a sua frequência cardíaca chegar em 90%, muito rápido, em um nível celular intenso, que torna a queima de gordura prolongada por conta da ausência da criação de ácido lácteo, o que faz o metabolismo acelerar cerca de cinco vezes. Então, uma pessoa que em atividades do cotidiano queima cerca de 100 calorias por hora, passa a queimar quase 500”, detalha.

Dá para perceber o esforço dos alunos enquanto fazem os exercícios cronometrados, mas as atividades são bem conhecidas como corrida, polichinelo entre outras.

A publicitária Janaína Lott, de 37 anos, está no projeto e desde que começou já percebeu alguns resultados como a melhora na atividade respiratória e a perda de gordura corporal.

“Você consegue perceber que o seu metabolismo está realmente acelerado e o acompanhamento da nutricionista é muito bom, minha alimentação está muito melhor e a qualidade de vida também”, conta.

Cada um faz os exercícios no seu tempo limite. (Foto: Fernando Antunes)Cada um faz os exercícios no seu tempo limite. (Foto: Fernando Antunes)

Para que o método funcione, um detalhe é indispensável, segundo o professor, comer de três em três horas.

Se você não se alimenta corretamente, o organismo faz reservas, "por conta desse trabalho com o metabolismo é preciso enganar o corpo, para que ele não se acostume com as atividades", diz.

Por isso, o programa tem três meses, depois é recomendada uma pausa de dois meses, antes de voltar a fazer, se a pessoa desejar outros resultados.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.