A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

16/04/2013 13:10

Julgamento sobre direitos autorais do hit “Ai se eu te pego” é remarcado

Elverson Cardozo
Hit Ai se eu te pego estourou no mundo todo. (Foto: Divulgação)Hit "Ai se eu te pego" estourou no mundo todo. (Foto: Divulgação)

Por falta de quórum, o Tribunal de Justiça da Paraíba suspendeu a sessão ordinária que julgava o “Caso Michel Teló” na manhã desta terça-feira (16). O julgamento, segundo divulgou a assessoria de imprensa, será retomado na quinta-feira (18).

Veja Mais
De volta ao Brasil, Michel Teló fica surpreso com decisão sobre "Ai se eu te pego"
Parque das Nações terá Jota Quest de graça, além de Curimba e Bella Xu

Em pauta, o agravo de instrumento interposto pelas estudantes Karine Assis Vinagre e Amanda Grasiele Mesquita Teixeira da Cruz, coautoras da música “Ai se eu te pego”.

Elas pedem, por meio do recurso, a liberação dos valores dos direitos autorais da obra, que estão sendo depositados por força da decisão judicial assinada pelo juiz da 3ª Vara Cível de João Pessoa, Miguel de Britto Lyra Filho.

O relator do agravo, desembargador Marcos Cavalcanti, iniciou o julgamento desconsiderando as ressalvas feitas pelas estudantes Maria Eduarda Lucena do Santos, Marcela Quinho Ramalho e Amanda Borba Cavalcanti de Queiroga, que também brigam pela coautoria da música.

Cavalcanti alegou que as jovens entraram com recurso fora do prazo. De acordo com a assessoria, o julgamento foi suspenso, após intenso debate, por pedido de vistas do desembargador Abraham Lincoln.

Entenda o caso – As estudantes paraibanas Maria Eduarda Lucena dos Santos, Marcella Ramalho e Amanda Borba Cavalcanti de Queiroga entraram na justiça alegando ser coautoras do refrão do hit “Ai se eu te pego”, juntamente com Aline Medeiros e Thayná Braga Borges. Elas sustentam que fizeram a música durante uma viagem para Disney, nos Estados Unidos, em 2006.

As jovens sustentam que, em 2008, Aline Medeiros, Karine Vinagre e Marcela Ramalho viajaram de férias a Porto Seguro, na Bahia. Lá, em um palco para apresentações artísticas locais, elas foram assistir a um show da cantora Sharon Aciolly e começaram a repetir o refrão “Ai se eu te pego” para os dançarinos da banda.

Sharon Aciolly e Antônio Dyggs aperfeiçoaram a letra e, como supostos autores, autorizaram Michel Teló a gravar a música.

Amanda Cruz e Karine Assis Vinagre já são autoras reconhecidas da música, com registro no Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição). Elas apenas reconhecem Aline Medeiros como coautora da música inicial e afirmam que, juntamente com Sharon Aciolly e Antonio Dyggs, são responsáveis pela versão final que fez sucesso mundial na voz do Sul-Mato-Grossense Michel Teló.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.