A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

07/05/2014 14:04

Brechó virtual de Campo Grande vende apenas roupas com a pegada retrô

Anny Malagolini
Roupas em estilo retro (Foto: Cleber Gellio)Roupas em estilo retro (Foto: Cleber Gellio)

Mesmo espantada com a quantidade de brechós em Campo Grande, a catarinense Emília Holanda, 32 anos, também abriu o seu: o “Rocker Retro”. Para ser diferente, ela incorporou 100% o conceito e só vende peças que remetem ao passado.

Veja Mais
Canal masculino de moda tem tradução em libras para democratizar acesso
Tem gosto pra tudo...Agora, até para combinar gravata de madeira com camisa

Não há um endereço físico, a loja é virtual e a negociação é feita por mensagem in box. Emília mora aqui há um ano e há pouco mais de três meses decidiu criar a página, no mesmo estilo dos brechós da cidade natal, São José, na região metropolitana de Florianópolis. “Lá não é só roupa usada, são roupas retrô”, explica.

Quando chegou em Campo Grande, a primeira impressão foi marcante. “Fiquei louca quando vi a quantidade de brechós em torno da rodoviária antiga”, lembra. E não é só o número de roupas usadas que entusiasmou a dona de casa. “Comprei uma máquina de datilografar por R$ 10,00 e levei para Santa Catarina”, conta.

Muitas das peças expostas na página da loja são compradas em brechós da cidade mesmo, garimpadas por Emília. Mas a fonte também está nas lojas que estão em liquidação, com roupas vintage. 

A ideia também surgiu por uma necessidade dela. Depois do primeiro filho, Emília ganhou peso e ficaram as roupas. “Comecei a vender as roupas retro que já não serviam em mim”. As peças são baratas, tem blusas de R$ 25,00 e vestidos de R$ 30,00.

Ela explica que ainda não criou um sistema de vendas porque a página ainda está em construção, mas quem quiser comprar e for de Campo Grande, a entrega pode ser feita de duas formas: ou o cliente busca as peças em sua casa, ou ela vai até o centro da cidade ou a terminais de ônibus se encontrar com os clientes.

Mas, por enquanto, os compradores são de fora do Estado e então a entrega é pelo correio. Clique aqui e conheça a página da loja.

 




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.