A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

05/12/2012 21:31

O legado de Oscar Niemeyer para Campo Grande

Elverson Cardozo
Escola Estadual Maria Escola de Barros Machado foi inaugurada no dia 26 de agosto de 1954. (Foto: Divulgação)Escola Estadual Maria Escola de Barros Machado foi inaugurada no dia 26 de agosto de 1954. (Foto: Divulgação)

O Brasil perdeu hoje um dos arquitetos mais importantes e influentes do País, um dos responsáveis por fazer de Brasília uma das capitais mais modernas do mundo. Oscar Niemeyer se foi, mas a lembrança do homem perseverante, que sempre estava pensando no trabalho e que lutou até os 104 anos, ficará eternizada no tempo, nos marcos deixados por ele.

Veja Mais
Arquiteto Oscar Niemeyer morre aos 104 anos
Parque das Nações terá Jota Quest de graça, além de Curimba e Bella Xu

Inaugurada na década de 50, a Escola Estadual Maria Constança de Barros Machado, localizada no bairro Amambaí, é a única obra projetada pelo arquiteto em Campo Grande. São 9 salas que funcionam nos três períodos e comportam 680 alunos, da 8ª série ao 3º ano do ensino médio.

O colégio fica na rua Marechal Candido Mariano, nas proximidades da antiga rodoviária da cidade. Os traços modernos, pensados há meio século, chamam a atenção de quem passa pelo local e até hoje – 58 anos após a inauguração - aguça a curiosidade de muita gente.

A fachada lembra um livro aberto. Um palito branco, posicionado na entrada, traz a idéia de um lápis. No interior, o corredor extenso traz à mente uma régua. O auditório, construído na parte da frente, representa um mata-borrão. Do alto, em fotográfias aéreas, é possível notar que os itens que costumavam compor o material escolar da época ficam ainda mais em evidência.

Estudo feito pelo arquiteto Ângelo Arruda, publicado no site oficial da escola, mostra que o prédio é considerado um marco na arquitetura de Campo Grande.

Croqui original de Oscar Niemeyer. (Foto: Reprodução/Internet)Croqui original de Oscar Niemeyer. (Foto: Reprodução/Internet)

De acordo com o documento, o projeto inicial previa construção em Corumbá, na fronteira com a Bolívia, a 419 quilômetros da Capital, mas por determinação de Fernando Correa da Costa, à época governador de Mato Grosso, a obra foi levantada aqui.

O lote onde o edifício foi implantado é um quarteirão de 12.000 m², de formato retangular, que mede 100,00 x 120,00 m.

“O projeto de Niemeyer optou por uma composição multivolumétricas, com diversas partes que, unidas por elementos de arquitetura – passarelas cobertas, circulações, pisos -, formam um todo arquitetônico”, diz trecho do estudo.

Uma das partes altas do projeto de Niemyer, evidenciada pelo pesquisador, foi a fachada, que ele considera uma característica forte e marcante do edifício. "Elas são diferentes, ao serem vistas de todos os ângulos", escreveu.

A última reforma no prédio, com recursos do governo Estadual, foi feita este ano e custou R$ 148,5 mil. As obras consistiram em reparos nas instalações elétricas, hidrossanitárias e pintura. A estrutura e as cores originais foram mantidas.

Prédio foi projetado na década de 50. (Foto: Pedro Peralta)Prédio foi projetado na década de 50. (Foto: Pedro Peralta)

À noite, a iluminação, que deu uma nova cara à unidade escolar, garante um espetáculo à parte. As paredes brancas da fachada refletem as cores da bandeira do Estado.

Reconhecimento - Frente às outras escolas públicas da cidade, a Maria Constança se destaca, primeiro pela arquitetura, depois pela qualidade do ensino, elogiada pelos alunos.

Diretor há 1 ano, Anderson Soares Muniz, de 36 anos, garante que o a preocupação do colegiado é garantir o bom ensino e inovar a cada ano, se adaptando às mudanças tecnológicas. O resultado já é visível nas salas de aula.

Em duas delas, o PJF (Programa Jovem do Futuro), do Instituto Unibanco, garantiu a instalação de lousas digitais. Professor de história, Francisco Fagundes, de 43 anos, já usufruiu do benefício.

Professor de história, Francisco Fagundes utiliza lousa digital em sala. (Foto: Pedro Peralta)Professor de história, Francisco Fagundes utiliza lousa digital em sala. (Foto: Pedro Peralta)
Diretor da escola, Anderson Soares. Está no cargo há 1 ano. (Foto: Pedro Peralta)Diretor da escola, Anderson Soares. Está no cargo há 1 ano. (Foto: Pedro Peralta)

O equipamento, explicou, altera positivamente a forma de ensino considerada tradicional e proporciona uma nova “atração” ao aluno, resultando no melhor aprendizado dos estudantes.

Professor gerenciador de recursos midiáticos e tecnologia, Thiago Vaz, de 29 anos, explica que o aspecto vanguardista, tão presente nas obras do arquiteto que projetou a escola, é uma das preocupações da direção.

Proporcionar acesso às novas tecnologias será uma realidade cada vez mais constante, afirmou. “A proposta da escola é inovação. Por isso levamos para dentro da sala aplicativos diferenciados”, disse.

Quem usufrui dos serviços educacionais tece elogios. Aluna do 2º ano, Priscilla de Figueiredo Araujo, de 17 anos, resolveu estudar no Maria Constança após receber indicação de uma amiga.

Agora, quer terminar o ensino médio na escola que ela considera diferente, pela arquitetura moderna. A quadra de vôlei, construída embaixo do que parece ser um livro aberto, é o local que mais chama a atenção da adolescente.

Aluna do 2º ano, Priscilla destacou a quadra da escola como Aluna do 2º ano, Priscilla destacou a quadra da escola como

Aluna do 9º ano, Jaqueline Brandão, de 15 anos, destaca o mesmo espaço e diz que a escola se diferencia das outras que fequentou até agora.

Sem eleger qualquer parte do colégio como predileta, Francisco, o professor de história, fez uma análise mais ampla e significativa do edifício pensado por Niemeyer: “É um prédio que foi projeto visando a vida escolar, o mundo escolar”.

Na equipe de limpeza da escola há 12 anos, Neuza Antoniazzi, 53, diz que o prédio tem reconhecimento histórico na cidade e se orgulha de trabalhar ali. "É como estar em família", explicou.

Para a zeladora, o  fato do colégio ter sido projetada por Niemeyer faz toda a diferença. “Muita gente passou por aqui e tem orgulho de dizer que estudou aqui”, disse.

A Escola Estadual Maria Constança de Barros Machado foi inaugurada no dia 26 de agosto de 1954, aniversário de Campo Grande. Em 1995, o edifício foi tombado como Patrimônio Histórico Estadual.

História - Oscar Niemeyer nasceu no dia 15 de dezembro de 1907, no Rio de Janeiro. O arquiteto foi um dos responsáveis por fazer de Brasília (DF) uma das capitais mais modernas do mundo. Antes disso, ele já era conhecido internacionalmente.

Oscar Niemeyer morreu aos 104 anos. (Foto: Reprodução/Internet)Oscar Niemeyer morreu aos 104 anos. (Foto: Reprodução/Internet)

Entre os projetos mais importantes de sua autoria, destacam-se a sede das Nações Unidades, em Nova York, e o complexo da Pampulha, em Belo Horizonte (BH), obra encomendada por Juscelino Kubitschek, então prefeito da capital mineira.

A partir de 1957, ao lado de Lúcio Costa, ganhador do projeto para o plano piloto de Brasília, Niemeyer projetou os principais edifícios da futura capital. Contou com ajuda do calculista Joaquim Cardozo.

O Congresso Nacional, os palácios do Itamaraty e do Planalto receberam elogios da crítica internacional. O Teatro Nacional, o Palácio da Alvorada e a Catedral Metropolitana receberam destaque pela beleza plástica.




Estudei no "Estadual" de 1976 a 1981, quando me formei no 2 grau ( Básico em Saúde) Só tenho boas recordações daquele tempo. Alguém se lembra da D. Zilda, a Inspetora que cuidava para que nós cumpríssemos os horários de aula?? E dos Professores Hernandes(Tuca), Zilda, Cleomar, Vilmar, etc?? A Diretora qd nos formamos era Maria Luiza Ferreira Donatti. ´Tem alguém da minha turma por aí?? Orgulho de Estudar na Escola com o projeto de Niemeyer.
 
Jeferson da Silva Figueiredo em 07/04/2013 23:18:39
É de tamanha importância para cidade e o estado do Mato Grosso do Sul, ter uma obra grande icone da arquitetura brasileira e mundial. Boa parte dos estudantes de Arquitetura são eternamente grato ao Oscar Niemeyer.
 
Rafael Dias em 07/12/2012 13:32:36
Estudei nessa escola de 1997 a 1999, e fiz muitos amigos, tivemos muitas glórias representando o famoso MCBM!
No esporte, para muitos eramos temidos nessa época, a prof° MARIZA, o prof° VILMAR, nossa demais; sem lembrar da boa e velha aula de fisica com o prof° HERNANDES, O FAMOSO ( TUCA), quem foi aluno se lembra.....
SAUDADES DESSA ÉPOCA!!!!!!!
PARABENS OSCAR PELA GRANDE OBRA E QUE PRA NOS QUE FOMOS ALUNOS DESSA GRANDE OBRA SUA, FICAMOS FELIZES E AGRADECIDOS!
 
Anderson Silva em 06/12/2012 20:20:27
UM GRANDE GÊNIO NOS DEIXOU... PORÉM A SUA OBRA FICA...COM ELA UM GRANDE LEGADO PARA A HUMANIDADE..É UMA HONRA SER UM MESTRE NA ESCOLA MCBM. QUEM SABE DAQUI DESTA ESCOLA PROJETADA POR NIEMEYER, ESTÃO SURGINDO OUTROS GÊNIOS.
 
Francisco Fagundes Corrêa em 06/12/2012 18:54:08
Quando vejo as fotos de onde fiz o meu primeiro e segundo grau (1986 a 1996) fico orgulhoso de saber que de alguma forma fiz parte da historia do Mestre.
 
Thales Garcia Pereira em 06/12/2012 16:40:11
Sabemos que Oscar Niemaier, foi e será o maior arquiteto de todos os tempos emformas sei fará uma enorme diferença na arquitetura brasileira.......saudades!!!!!!!!!!!!!!
 
neide bohre em 06/12/2012 13:20:47
Fui aluno do Estadual no ano de 1961, ao cursar a 2ª série ginasial. Recordo-me da disputa pela presidencia da UCE (União Campograndense de Estudantes), vencida por Levy Dias, aluno daquela escola. Fomos informados, naquela oportunidade, da autoria do projeto arquitetônico do prédio escolar, pois se tratava do mesmo arquiteto que projetara Brasília, nossa Nova Capital. Oscar Niemeyer era admirado por todos os brasileiros, que se sentiam orgulhosos do Arquiteto das Curvas! Que tenha uma vida espiritual tão longeva quanto à que conseguiu em sua vida carnal para o seu nome: Eternamente!
 
Jairo Fontoura Corrêa em 06/12/2012 11:45:17
Esse grande HOMEM... era o caro. Primeiro, como gente depois com um Ícone da nossa arquitetura moderna.
Oscar era modesto, com um coração gigante, um talento sem igual...e comunista de verdade, contrário de muitos, que se dizem comunistas e não dão nem a mão ao próximo para na gastar rs,rs,rs...
Que Deus o acolha de braços aberto, esse merece.
 
Neyde de Oliveira em 06/12/2012 11:08:52
eu imagino que hoje deveria ser feriado nacional pois perdemos um homem que sem ser politico sem deter nem um cargo fez muito pelo nosso pais se for um que teve mandato seria não acha não cade o ponto facultativo cade as homenagens faraônicas que esse senhor merecem que Deus u tenha para que nosso pais possa ter mais homem como esse mito
 
Carlos Alberto Cabral da silva em 06/12/2012 10:44:07
Pra muitos era ( Colégio Estadual ) no qual tive o prazer de estudar, e, tocar em uma
das maiores fanfarra do estado, sempre sob os olhares da nossa querida diretora //
Dona Hermínia. Muitas saudades...
 
Luciano da Rosa em 06/12/2012 09:30:31
Que saudade dos meus tempos de ginásio e científico no Colério Estadual Campograndensse-CEC hoje Professora Maria Constança de Barros Machado no final da década de 60 início dos 70 vendo os corredores, rampas, salas de aula chorei de saudade e pela perca do Dr.Oscar. MUITO OBRIGADO OSCAR MIEMAYER PELO LEGADO.
 
Meire Pereira de Souza em 06/12/2012 09:30:16
isso me deixa muito chateado.

gostava desse cara.
 
gabriel lescano em 06/12/2012 09:28:16
Muito orgulho de estudar por sete anos em um local projetado por Oscar Niemeyer. Uma ótima escola, que ajudou muito em meu desenvolvimento, com ótimos professores, ótima direção. Sempre de Parabéns. Jamais esquecerei o periodo que estive no MCBM, que alem de ampliar meus conhecimentos com um ensino de qualidade perfeito, me trouxe pessoas maravilhosas, ... e que se não fosse pelo nosso eterno arquiteto, jamais teria essa tão bela estrutura..
 
Fran Campos em 06/12/2012 09:21:18
O PAÍS PERDEU O ARQUITETO DO MUNDO, O POETA DAS FORMAS, O GERADOR DE ESPANTOS....O MAIOR ARTISTA BRASILEIRO QUE TRABALHOU ATÉ SEUS ÚLTIMOS DIAS DE VIDA. UM HOMEM SIMPLES DE TRAÇOS ÚNICOS E EXTRAORDINÁRIOS,QUE AMAVA A VIDA E AS CURVAS. LEVOU O BRASIL P/ O MUNDO COM RESPEITO E OUSADIA. QUE DIZIA SEMPRE "A ARQUITETURA NÃO É IMPORTANTE E SIM A VIDA É MAIS" VALEU OSCAR NIEMEYER, SUA OBRA É ETERNA SEUS EXEMPLOS TAMBEM.
 
marcelo ribeiro em 06/12/2012 01:53:55
ESTUDEI NESSA ESCOLA LINDA MESMO
 
claudinei braz em 05/12/2012 23:24:42
Mas o que poucos sabem essa escola não foi projetada pra Campo Grande, foi projetada para Corumbá e chama Escola Maria Leite de Barros, a única intervenção que fizeram foi inverter o projeto e colocar as janelas de vidro para o sol, e por motivos políticos acabaram por fazer uma outra escola com o mesmo projeto de Corumbá e ainda quebraram uma constante de Oscar Niemyer que era nunca fazer uma obra igual a outra.
 
Maísa Maciel em 05/12/2012 23:11:43
Mais um ser humano sobe para o andar de cima, mais deixa um legado impresionante, quando sera que veremos outros Niemeyer e Ayrton Senna no mundo, aqui embaixo falta pessoas de atitude, alguns até tem talento mais não se esforçam, a verdadeira guerra da vida esta dentro da mente, os que perdem essa guerra fracassam, já os que vaum a luta com todas as forças nessa guerra sempre seram os vencedores, nessas horas lembro da Frase de Ayrton Senna.
"No que diz respeito ao empenho, ao compromisso, ao esforço, à dedicação, não existe meio termo. Ou você faz uma coisa bem feita ou não faz."

"O Trem da vida continua alguns sobem outros descem, mais um dia todos nos encontraremos novamente."
 
Helinton Mendonça em 05/12/2012 22:29:30
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.