A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

12/12/2014 06:45

Chef monta ceia para 25, com peru na cachaça, ao custo de R$ 16 por pessoa

Elverson Cardozo
Ceia completa serve até 25 pessoas. (Foto: Alcides Neto)Ceia completa serve até 25 pessoas. (Foto: Alcides Neto)

O que uma ceia de Natal precisa ter? Peru é item indispensável, diz Adriano Torres, de 37 anos, professor do curso de gastronomia do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), em Campo Grande. Mas dá para fazer algo diferente com o prato mais tradicional que é a cara dessa época do ano.

Veja Mais
Aproveitando época da guavira, chef ensina petit gâteou e brownie da fruta
Hamburgueria K Burguer traz deliciosas novidades

Foi isso o que ele provou, ontem (11), durante uma degustação aberta à imprensa. O trabalho foi, na verdade, o encerramento das atividades do curso Culinária Natalina, que durou uma semana, teve carga horária de 30 horas e atraiu 13 participantes.

Como “tarefa” final, os alunos tiveram de elaborar, com a coordenação dos professores, uma ceia completa. Tudo saiu como o esperado. A turma deu conta de servir aos convidados pratos feitos a partir de receitas bem conhecidas, como a rabanada, por exemplo, e outros mais requintados, com variações finas e toques regionais.

O peru é um deles. Adriano explica que a carne da ave foi marinada em alho, alecrim, tomilho, cachaça e uma pitada de sal. Ficou assim por 24 horas, até ser levada ao forno, onde assou, envolta em papel alumínio, por 2h30. Depois retornou, descoberta, para dourar por mais 30 minutos.

Turma de alunos com os professores. (Foto: Alcides Neto)Turma de alunos com os professores. (Foto: Alcides Neto)

Para acompanhar, farofa com nozes e uvas passas, além de arroz com passas de uvas brancas e amêndoas assadas. Teve, ainda, uma salada de rúcula, alface americana, abacaxi, melão, beterraba, cenoura ralada, decorada com carambola-estrela, tomate cereja, ovo de codorna e cheiro verde.

A entrada foi patê de ricota, motado em formato de bolinhas, que mais pareciam brigadeiros. A massa foi coberta com pistache, gergelim preto e branco, cumbaru e sementes de papoula.

De sobremesa, panetones trufados, com recheios de ganache branco e preto, decorados com uvas marinadas no vinho por 24 horas. As delícias também foram servidas em taças.

Quanto custa ? - Um ceia como essa custa, aproximadamente, R$ 400,00, afirma o professor. Mas o “banquete” é generoso e serve até 25 convidados. Se for dividir, sair super em conta, R$ 16,00 por pessoa.

O Senac oferece outros cursos. Na lista mais atualizada, válida para 2015, tem preparação e corte de saladas, tortas trufadas especiais, naked cake, culinária japonesa, salgadinho para festa, brigadeiro gourmet, bolos artísticos, preparo de risotos, entre outros. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3312-6260.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.