A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

30/06/2015 09:55

Empanado com farinha de bocaiúva, filé de pintado é o mais pedido em food truck

Paula Maciulevicius
Mãe e filhos estão à frente do negócio fazendo do hobby um novo trabalho. (Foto: Fernando Antunes)Mãe e filhos estão à frente do negócio fazendo do hobby um novo trabalho. (Foto: Fernando Antunes)

A ideia é vender comida regional e pantaneira de se encher os olhos. As receitas que a professora aposentada Ricarda Ledesma Blanco da Fonseca, de 53 anos, fazia em casa, ganharam a rua com um ingrediente a mais. O filé de pintado agora é empanado com farinha de bocaiúva, e o resultado? Mais sabor que deixa o peixe crocante e sequinho.

Veja Mais
Aproveitando época da guavira, chef ensina petit gâteou e brownie da fruta
Hamburgueria K Burguer traz deliciosas novidades

No Nômade Food Park, em Campo Grande, a novidade é o truck "Da Terra", de comida regional. Mãe e filhos estão à frente do negócio fazendo do hobby um novo trabalho. Há dois anos Ricarda deixou as salas de aula, mas não aguentou ficar parada.

"A família toda gosta de cozinha. Minha mãe é dessas que para receber bem, tem que cozinhar. Eu não estava feliz só com a aposentadoria, então resolvi aceitar a proposta. Gosto de inovar, misturar temperos, ervas. A gente quer vender um sabor que você conhece, mas de um jeito que nunca viu. Eu uso meu toque para fazer isso", descreve.

 

O filé de pintado é, antes de tudo, temperado com ervas , para depois ser passado na farinha de bocaiúva. (Foto: Fernando Antunes)O filé de pintado é, antes de tudo, temperado com ervas , para depois ser passado na farinha de bocaiúva. (Foto: Fernando Antunes)

O filé de pintado é, antes de tudo, temperado com ervas , para depois ser passado na farinha de bocaiúva. "Resolvi fazer o teste. Eu já gostava de peixe empanado, mas a bocaiúva acrescenta sabor e ele fica mais crocante. Deu super certo", conta Ricarda.

Com a farinha comprada no Mercadão, a professora mistura um pouquinho à de rosca. O prato é servido com mandioquinha e acompanha molho de alho. Daqueles que a gente não fica lembrando no dia seguinte. A receita também é especial. "Coloco leite, óleo, cheiro verde, salsinha e cebolinha, com um toque de coentro e gengibre", revela Ricarda.

Para um aperitivo, a porção serve até duas pessoas, no valor de R$ 20,00.

As características dos trucks está na mobilidade até do cardápio. Com giz e uma lousa, Ricarda escreve as opções do dia. Entre elas, arroz carreteiro com coxão duro soleado, 'canjiquim', caldos, dobradinha e arroz doce. "Eu sempre procuro trazer um prato, alguma coisa diferente e peço dos clientes, um retorno imediato".

O arroz carreteiro é de comer com os olhos de tão gracioso. Servido com bananas da terra em rodelas, couve refogado e alho crocante por cima, ele ainda ganha como enfeite pimenta biquinho.

O Nômade Food Park fica na Rua Ceará, em frente à Uniderp e abre de terça a sexta, das 18h às 23h e aos sábados e domingos, das 14h até meia-noite.

O arroz carreteiro é de comer com os olhos de tão gracioso. (Foto: Fernando Antunes)O arroz carreteiro é de comer com os olhos de tão gracioso. (Foto: Fernando Antunes)
Arroz doce também está entre as opções. (Foto: Fernando Antunes)Arroz doce também está entre as opções. (Foto: Fernando Antunes)
Variedade de caldos fica à disposição com pimenta e torradinhas. (Foto: Fernando Antunes)Variedade de caldos fica à disposição com pimenta e torradinhas. (Foto: Fernando Antunes)
A características dos trucks está na mobilidade até do cardápio. Com giz e uma lousa, Ricarda escreve as opções do dia. (Foto: Fernando Antunes)A características dos trucks está na mobilidade até do cardápio. Com giz e uma lousa, Ricarda escreve as opções do dia. (Foto: Fernando Antunes)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.