A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/01/2015 06:12

Estudante vende cupcake e aceita desafios, mas avisa que não é profissional

Elverson Cardozo
Coroa da Princesa Sofia, desenhada com pasta americana. (Foto: Arquivo Pessoal)Coroa da Princesa Sofia, desenhada com pasta americana. (Foto: Arquivo Pessoal)

Foi pela internet que a estudante de educação física Kamila Rodrigues Paixão, de 20 anos, aprendeu a fazer cupcakes. Na época, há cerca de 2 anos, ela precisava de dinheiro para pagar a faculdade. Uma amiga, também estudante, tinha a mesma necessidade e topou encarar o desafio. Mas a parceria durou pouco, dois meses no máximo.

Veja Mais
Aproveitando época da guavira, chef ensina petit gâteou e brownie da fruta
Hamburgueria K Burguer traz deliciosas novidades

Kamila ficou sozinha e parou de criar, mas, no ano passado, voltou com tudo e, agora, faz os bolinhos com a irmã, um adolescente de 13 anos. Juntas, na cozinha da própria casa, as duas conseguem por em prática receitas tradicionais, conhecidas, e até arriscam algumas “inovações” desenhando com pasta americana, mas avisam: “não somos profissionais”.

O recado vem de Kamila, que está à frente do negócio, batizado de Mr. Cupcake. Ela dá o recado justamente para não enganar os clientes que buscam algo perfeito.

Kamila e a irmã na cozinha. (Foto: Arquivo)Kamila e a irmã na cozinha. (Foto: Arquivo)

“Fazemos na medida do possível. É assim que funciona”, conta. Alguns não arriscam. Outros, no entanto, dão uma chance. Mas, via de regra, é com essa sinceridade toda que as irmãs ganham pontos.

Dias desses, por exemplo, as duas conseguiram reproduzir a coroa da Princesa Sofia, personagem da Disney, para o aniversário de uma menina. “Fomos pesquisando e conseguimos fazer”, explica, ao comentar esta foi a primeira encomenda do gênero.

No Facebook, a dupla vive postando fotos lindas de cupcakes. Quem vê, acha que elas fazem igual, mas basta conversar para entender que as imagens compartilhadas com os seguidores são apenas inspirações. A última mostra três em formato de vestido de balé. Esse "modelo" as duas ainda não arriscaram.

Por enquanto, Kamila e a irmã trabalham com os bolinhos tradicionais. Conseguem fazer as massas nos sabores de baunilha, chocolate, chocolate branco, colors, ganache, brigadeiro, cenoura, morango, doce de leite, red velvet (massa vermelha) e black velvet (massa preta). A cobertura pode ser de marshmallow, chantilly e ganache (preto ou branco).

A unidade varia de R$ 2,00 a R$ 3,50, dependendo do tamanho. O pedido mínimo é 12. Encomendas podem ser feitas pelo telefone (67) 9679-6817 ou pela Fan Page. A estudante entrega em todos os bairros de Campo Grande. A taxa é de R$ 10,00.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.